psico.jpg

| Comente agora

Durante entrevista nesta quarta-feira (2), o principal jogador da seleção brasileira de futebol reconheceu a importância do trabalho da psicóloga Regina Brandão, que está auxiliando os jogadores e a equipe. O grupo não vem exibindo o melhor de seu reconhecido futebol e enfrenta forte pressão. Neymar gostou da terapia e disse que os jornalistas também deveriam fazer. Seria um “conselho de amigo” ou uma constatação da insanidade com que boa parte da mídia vem tratando a “Copa das Copas”?

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.