Mercosul deve endurecer posição contra Israel

via Brasil 247

Reunidos em Caracas, os presidentes dos cinco países do bloco, formado por Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, discutirão uma posição comum em relação aos ataques de Israel contra a Faixa de Gaza, que já deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis; cientista político Emir Sader defende que Tratado de Livre Comércio com Israel, o primeiro a ser assinado pelo bloco, em 2010, com um país de fora da América Latina, seja suspenso; "A ideia da condenação de Israel, especialmente pela postura em relação à  Gaza, é algo absolutamente consensual", opina; Brasil foi chamado de "anão diplomático" por porta-voz da chancelaria israelense quando condenou ataques contra os palestinos; latinos se unirão?

Reunidos em Caracas, os presidentes dos cinco países do bloco, formado por Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, discutirão uma posição comum em relação aos ataques de Israel contra a Faixa de Gaza, que já deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis; cientista político Emir Sader defende que Tratado de Livre Comércio com Israel, o primeiro a ser assinado pelo bloco, em 2010, com um país de fora da América Latina, seja suspenso; “A ideia da condenação de Israel, especialmente pela postura em relação à  Gaza, é algo absolutamente consensual”, opina; Brasil foi chamado de “anão diplomático” por porta-voz da chancelaria israelense quando condenou ataques contra os palestinos; latinos se unirão?

Reunidos em Caracas para a 46!ª Cúpula do Mercosul, os presidentes dos cinco países que formam o bloco, Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, devem discutir, além de outros temas, o conflito entre Israel e os palestinos na região da Faixa de Gaza. Os representantes das nações devem debater uma posição comum diante dos bombardeios das forças militares de Israel, que deixou mais de 1.000 palestinos mortos, a maioria civis, contra 53 soldados israelenses e três civis.

Israel foi o primeiro país fora da América Latina a ter um Tratado de Livre Comércio com o Mercosul, assinado em 2010. Na opinião do cientista político Emir Sader, chegou o momento de discutir a pertinência desse tratado e de o Mercosul “endurecer” sua posição contra o país, em um boicote aos produtos fabricados por Israel em assentamentos palestinos pelos bombardeios contra Gaza. “Países como Brasil e Uruguai têm um intenso intercâmbio militar com Israel. Coisa absolutamente indevida”, comentou.

“A ideia da condenação de Israel, especialmente pela postura em relação à  Gaza, acho que é algo absolutamente consensual”, acrescenta Sader, ainda sobre o Mercosul. O cientista político avalia como positiva a posição do governo brasileiro em relação a Israel, mas lembra que outros países da América Latina tomaram posições formais “mais duras”. A Argentina e a Venezuela, por exemplo, estão retirando embaixadores e rompendo relações.

O tema de uma resposta do Mercosul a Israel foi sugerido pelo Brasil para ser discutido na cúpula do bloco. Na semana passada, ao chamar de “ação desproporcional” e classificar de “inaceitável” a escalada de violência na região, o País foi chamado de “anão diplomático” pelo porta-voz da chancelaria israelense, Yigal Palmor. A cúpula em Caracas também vem em boa hora para que os países da América do Sul se unam em defesa do Brasil e contra a ofensa de Israel.

22 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to mention I’m newbie to blogging and site-building and honestly savored you’re web site. Almost certainly I’m planning to bookmark your site . You amazingly have very good article content. Thanks a bunch for sharing your website page.

  2. Seguindo a filosofia de Israel, pra acabar com os assessores inúteis do Pleiboy basta bombardear Curitiba até o fim. É, creio que Israel não vai ver jorrar leite e mel das terras ocupadas, verá apenas sangue.

  3. Os Israelenses estão cagando e andando com a nossa opinião. Vão continuar jogando bombas e sentindo ódio.

  4. Sobre a Ucrânia, a Somália, Nigéria, Iraque, Síria, Coréia do Norte e Venezuela esses lixos
    não vão se manifestar??? Quando me refiro a lixo estou falando também de vocês Jamil, Tadeu, Pé Vermelho,
    Rafaela, Roberto Pedro Holl e toda a esquerda………

  5. Grande foto, flagrou 6 anões diplomáticos:

    Feliz, fumou um e esqueceu o colírio; Zangada, como o papi nunca sabe de nada;
    Mestre, caiu do saco do papai chaves;
    Dunga, trapalhona a ponto de levar a América latina pro buraco;
    Atchim, não fede e não cheira;
    Soneca, não consegue fazer nada sem coca.
    Quem faltou?

  6. 6 Pseudos governantes, se juntar todos e jogar no mar…. não mata nenhum, afinal MERDA não afunda, Uma Ex Guerrilheira, um Maconheiro, Uma Caloteira, outro masca folha de coca, um filhote bastardo do Chavez e um que não FRED nem cheira. kkkkkk

  7. Saiu agora no jornal Israel se entrega ao Hamas devido a pressão do Mercosul

  8. AGORA ACREDITO QUE ISRAEL SE ENTREGUE AO HAMAS !!

    • Mandou bem, muito bem!!!!KKKKKKKKKKK

    • E aí Fala Sério, já tá procurando emprego? São os últimos dias do Playboy Richa! Anos e anos a fio sem fazer nada além de difamar e caluniar na web, vai ser difícil trabalhar de novo, isto se vc já trabalhou na vida. Bem, se pode ir para Israel, basta comprar um uniforme da SS ou mesmo uma braçadeira com a suástica. E, aproveita, leva o lixo humano do PSDB junto!

    • Silvania,você já se entregou ao Hamas?Gostou do turcão hein!!!!!!!!!!!!!!!!!

  9. esse genildo deve ser uma coxinha anãzinha kkkk

  10. Tô imaginando a preocupação de Israel……
    depois que são chamados de anões, medíocres e hipócritas não reclamem!

    • Pelo comentário, O comissionado do governo Richa deve a estar apoiando o Morticínio do povo palestino na Faixa de Gaza (O número de palestinos mortos subiu para mil e sessenta e cinco, a maioria civis, ou seja crianças e mulheres). É melhor ser chamado de anão ficando contra um genocídio, do que um gigante tentando justificar o injustificável!

    • GENILDO…. LES CHIENS ABOIENT ET LA CARAVANE PASSE … “Venas Abiertas para América Latina” entoando em uníssono “A esquerda unida jamais será vencida!” … E mais uma vez, o Brasil, em vez de capitanear a América Latina e alinhar-se aos grandes no concerto das nações, para, enfim, obtermos o nosso conserto, prefere trilhar esta vereda de fracos e oprimidos, na contra-mão da História, quando quase todas as nações já abandonaram este mesmo caminho. Não é por acaso que, enquanto isto, Chile emerge e desponta com Michelle Bachelet. Enfim, querem boicotar ISRAEL? Boicotem! Vamos ver, ao final, quem sairá derrotado, lembrando que o Estado de Israel é líder mundial em medicina, agronomia e tecnologia de ponta em geral. Imagina o que vai acontecer na hora em que Israel se unir àqueles que já declararam abertamente seu apoio a Netanyahu, como EUA, Inglaterra, Alemanha… Como bem dizia o embaixador brasileiro em Paris, durante a “Guerra da Lagosta”: Le Brésil n”™est point un pays sérieux!