copa_copas

| Comente agora

Mobilização popular em torno da Copa é maior do que derrota histórica por 7 a 1 imposta pela Alemanha; público abraçou Mundial e deu seguidas demonstrações de amor pelo País; as previsões catastrofistas estavam tão erradas quanto as análises esportivas ufanistas; time de Felipão contou com maioria esmagadora de jogadores que nunca haviam disputado um Mundial; adulação da mídia esportiva escondeu falhas gritantes da equipe; meio-de-campo inexistiu, sem opções de nomes experientes como Kaká e Ronaldinho Gaúcho, e com Hernanes mais no banco do que em campo; massacre do Mineirão, onde a torcida não deixou de apoiar o time, encerra lições que têm de ser aprendidas desde já.

Deixe uma resposta

Preenchimento obrigatório *.