22 de julho de 2014
por Esmael Morais
35 Comentários

Deu no Jornal Nacional: ‘Ibope mostra Dilma imbatível no 1!º turno’

Segundo pesquisa do Ibope, divulga esta noite pelo Jornal Nacional, da TV Globo, mostra a petista Dilma Rousseff imbatível no primeiro turno; instituto também simulou eventual segundo turno, mas ela também seria reeleita contra Campos e Aécio.

Segundo pesquisa do Ibope, divulga esta noite pelo Jornal Nacional, da TV Globo, mostra a petista Dilma Rousseff imbatível no primeiro turno; instituto também simulou eventual segundo turno, mas ela também seria reeleita contra Campos e Aécio.

A presidenta Dilma Rousseff (PT) seria reeleita no primeiro turno com 38% dos votos se a eleição fosse hoje, segundo pesquisa do Ibope divulgada na noite desta terça-feira (22) pelo Jornal Nacional da TV Globo. Aécio Neves (PSDB) teria 22% e Eduardo Campos (PSB) obteria 8%. ... 

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
30 Comentários

“Gleisi será nossa adversária somente no segundo turno”, avisa Requião

Senador Roberto Requião, na luta pelo tetra mandato ao Palácio Iguaçu, nesta terça (22), em Curitiba, reuniu seus comandados nas regiões para passar uma orientação estratégica: preservar a petista Gleisi Hoffmann no primeiro turno; peemedebista e a petista já trabalham com um cenário sem o governador Beto Richa (PSDB) na segunda etapa eleitoral; os dois candidatos esperam a repetição no estado, em outubro, do quadro eleitoral de 2012 na capital, quando o prefeito Luciano Ducci (PSB), que foi à  reeleição com apoio de Richa.

Senador Roberto Requião, na luta pelo tetra mandato ao Palácio Iguaçu, nesta terça (22), em Curitiba, reuniu seus comandados nas regiões para passar uma orientação estratégica: preservar a petista Gleisi Hoffmann no primeiro turno; peemedebista e a petista já trabalham com um cenário sem o governador Beto Richa (PSDB) na segunda etapa eleitoral; os dois candidatos esperam a repetição no estado, em outubro, do quadro eleitoral de 2012 na capital, quando o prefeito Luciano Ducci (PSB), que foi à  reeleição com apoio de Richa.

O senador Roberto Requião (PMDB), candidato ao governo do Paraná, em Curitiba, reuniu sua tropa nesta terça-feira (22) para passar uma orientação estratégica: preservar a senadora Gleisi Hoffmann (PT) durante a corrida pelo Palácio Iguaçu. ... 

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
27 Comentários

A pedido de Richa, Aneel aprova tarifaço de 25% na conta de luz

Governo Richa, controlador da Copel, recuou de aumento de 35% de uma vez só e agora, diante da repercussão negativa, aplicou tarifaço de 25%; diferença de 10,1% na tungada será aplicada em junho de 2015; aumentão na conta de luz vai afetar 4,2 milhões de clientes no Paraná; Aneel homologou nesta terça-feira (22) pedido de reajuste que, com certeza, fará a alegria dos sócios privados da empresa energética.

Governo Richa, controlador da Copel, recuou de aumento de 35% de uma vez só e agora, diante da repercussão negativa, aplicou tarifaço de 25%; diferença de 10,1% na tungada será aplicada em junho de 2015; aumentão na conta de luz vai afetar 4,2 milhões de clientes no Paraná; Aneel homologou nesta terça-feira (22) pedido de reajuste que, com certeza, fará a alegria dos sócios privados da empresa energética.

O governo Beto Richa (PSDB), controlador da Copel, teve pedido aprovado nesta terça-feira (22) de tarifaço médio de 24,86% na conta de luz dos 4,2 milhões consumidores residenciais e industriais paranaenses. O reajuste foi solicitado pela estatal junto à  Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). ... 

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
16 Comentários

Cota de compras na fronteira continua em US$ 300, anuncia Gleisi

A redução da cota de importação, sem incidência de impostos, por via terrestre, de US$ 300 para US$ 150 por pessoa, nem entrou em vigor e será suspensa pelo governo. A informação foi divulgada hoje pela senadora Gleisi Hoffmann, candidata a governadora do Paraná, justamente do Paraguai, onde cumpre agenda com os governantes daquele país. Um novo texto deve ser publicado amanhã (23) no Diário Oficial da União e, por enquanto, tudo permanece como está.

“Esta medida não vai entrar em vigência. Era, na realidade, uma regulamentação sobre free shops e não deveria tratar da cota. A redução será suspensa e vamos voltar à  cota de US$ 300!, disse. Na manhã de hoje, a candidata se encontrou com o presidente Horácio Cartes, no Palácio de los Lopes, e visitou o Senado paraguaio.

Segundo o secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto, houve um pequeno cochilo! no prazo para entrada em vigor da portaria. Ele explicou que o prazo precisa ser ampliado para que as lojas francas nas cidades fronteiriças tenham mais tempo para se adaptarem à s mudanças. Ele avalia que o novo prazo pode ser de até um ano. Até lá, a cota de importação sem impostos por via terrestre continua em US$ 300.

A medida vai afetar cidades fronteiriças que tenham “comércio forte” com o Brasil. São essas que têm um comércio forte e, nesse sentido, tem lojas francas do outro lado da fronteira. Nos demais estabelecimentos de comércio normal não haverá problemas, pois têm legislação própria”, disse Barreto.

Pela medida, as importações acima de US$ 150 por via terrestre serão tributadas com alíquota de 50% do imposto de importação. A nova cota valerá também para transporte lacustre e fluvial. Não houve alteração para o transporte aéreo, que continua US$ 500 por passage Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
22 Comentários

Lula defende investigação sobre aeroporto de Aécio em Minas

do Brasil 247
O ex-presidente Lula defendeu, nesta terça-feira 22, que seja investigada a denúncia de que o candidato do PSDB à  Presidência da República, Aécio Neves, construiu um aeroporto em propriedade que pertenceu ao seu tio, na cidade mineira de Cláudio. A estrutura foi construída durante seu segundo mandato como governador de Minas Gerais e teve investimento de quase R$ 14 milhões do estado.

“Eu não comento denúncia porque denúncia tem que ter um processo de investigação para saber se tem procedência ou não”, declarou Lula na Praia Grande, litoral paulista, onde participou hoje do 8!º Congresso da FEQUIMFAR (Federação dos Trabalhadores da Indústrias Químicas e Farmacêuticas do estado de São Paulo). “A denúncia foi feita e deve ser investigada para saber se tem procedência”, acrescentou.

O comitê da campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) decidiu ontem que entrará com uma ação por improbidade administrativa contra Aécio no Ministério Público de Minas Gerais. De acordo com a coordenação jurídica da campanha, a representação seria formulada e apresentada ao órgão nesta terça-feira. Para o presidente do PT, Rui Falcão, o tucano “usou o governo de Minas como extensão de suas propriedades”.

A Anac (Agência Nacional de Aviação) informou que irá investigar se houve uso irregular do aeródromo construído em Cláudio, uma vez que a área não tinha ainda, de acordo com a agência, autorização para realizar pousos e decolagens. A Anac deu dez dias para que o governo de Minas e a prefeitura se pronunciem. Em nota, o PSDB apontou perseguição do órgão regulador (leia aqui).

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
27 Comentários

Gleisi faz campanha com foco feminino e cercada de mulheres

“O Paraná precisa ter políticas públicas específicas para as mulheres”, afirmou Gleisi Hoffmann, candidata ao governo do Paraná, durante reunião realizada no último sábado (19), em Curitiba, com mais de 100 lideranças femininas de 35 cidades de todas as regiões do Paraná. Ela lembrou que as mulheres tiveram papel fundamental na sua eleição ao Senado em 2010. Eu não chegaria ao Senado e à  Casa Civil, e não vou chegar ao governo do Paraná, sem a força das mulheres.!

Com esse raciocínio, a candidata do Partido dos Trabalhadores dá o tom rosa-liláz à  sua campanha. O que é um grande diferencial no cenário predominantemente masculino, muitas vezes machista, da política local. O palanque da coligação de Gleisi que além do PT tem o PDT, com Haroldo Ferreira na vice, e o PCdoB com o candidato ao senado, Ricardo Gomyde, será de sustentação à  reeleição da primeira mulher Presidenta da República, o que fortalece ainda mais o tom! feminino. ! 

Gleisi promete criar a Secretaria Estadual da Mulher, que será responsável por desenvolver projetos específicos para a área. Meu governo vai ter políticas públicas especialmente voltadas à s mulheres. Vamos ter uma Secretaria da Mulher atuante e organizada e desenvolver projetos específicos, como o enfrentamento à  violência contra a mulher.!

Em seuss eventos de campanha, Gleisi Hoffmann tem prestigiado diversas lideranças mulheres, como vice-prefeitas, vereadoras, secretárias municipais e candidatas a deputadas federal e estadual dos partidos da Coligação Paraná Olhando Pra Frente.

Se a estratégia de campanha de Gleisi vai trazer votos, só o tempo vai dizer. Beto Richa e Requião tentaram equilibrar a disputa pelo voto feminino com a escolha de vices mulheres; Cida Borghetti e Rosane Ferreira, respectivamente. Mas nada que se compare à  ofensiva de Gleisi Hoffman na tentativa de mostrar que lugar de mulher é na política.

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
35 Comentários

Maioria das centrais sindicais declara apoio pela ‘volta de Requião’

Maioria dos dirigentes das centrais sindicais apoia retornam a volta de Requião ao governo do Paraná; Na época do Requião, as greves nunca foram tratadas como caso de polícia e houve a valorização dos trabalhadores com a criação do maior salário mínimo regional do país!, justificam os sindicalistas ligados à  Força Sindical, CTB e partes importantes da CUT e da Nova Central Sindical; única exceção é a UGT, presidida por Paulo Rossi, que no Paraná tende a apoiar a reeleição de Beto Richa, mas nacionalmente está com a petista Dilma.

Maioria dos dirigentes das centrais sindicais apoia retornam a volta de Requião ao governo do Paraná; Na época do Requião, as greves nunca foram tratadas como caso de polícia e houve a valorização dos trabalhadores com a criação do maior salário mínimo regional do país!, justificam os sindicalistas ligados à  Força Sindical, CTB e partes importantes da CUT e da Nova Central Sindical; única exceção é a UGT, presidida por Paulo Rossi, que no Paraná tende a apoiar a reeleição de Beto Richa, mas nacionalmente está com a petista Dilma.

O senador Roberto Requião (PMDB) tentará o tetra mandato de governador, em outubro, como apoio da maioria das centrais sindicais. Ele é o preferido dos sindicatos de diversas categorias de trabalhadores nos serviços públicos e privados. O levantamento é do Blog do Esmael com base nas agendas dos candidatos e da movimentação das lideranças sindicais nos bastidores. ... 

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Caso do aeroporto envolvendo Aécio tende a sumir da velha mídia

do Brasil 247
O primeiro disparo contra a candidatura do senador Aécio Neves (PSDB-MG), que foi a denúncia da Folha de S. Paulo sobre a construção de uma pista de pouso na cidade de Cláudio (MG), onde o presidenciável tucano possui uma fazenda (leia aqui), teve repercussão relativamente discreta na mídia impressa.

O principal exemplo disso foi a cobertura do jornal O Globo, que dedicou uma nota pequena ao tema, sobre a investigação que será conduzida pelo Ministério Público e pela Agência Nacional de Aviação Civil sobre o caso. No Estado de S. Paulo, houve maior espaço para a cobertura, com três matérias: uma sobre o pedido de explicações da Anac, a declaração de Aécio defendendo a investigação e uma nota com a informação de que a construtora responsável pelas obras, a Vilasa, fez uma doação de R$ 67 mil à  sua campanha para o governo mineiro.

Na própria Folha, o tom foi menos denuncista do que no domingo, quando o caso foi revelado. A cobertura se limitou a noticiar a investigação da Anac e a guerra judicial entre os comitês do PT e do PSDB – enquanto o PT anunciou uma ação por improbidade administrativa contra o senador tucano (leia aqui), o PSDB respondeu com uma ação por uso da máquina contra o governo da presidente Dilma, que, segundo o deputado Carlos Sampaio (PSDB/SP), estaria usando a Anac para “perseguir adversários” (leia aqui).

A judicialização do episódio é uma tentativa deliberada dos dois partidos. No caso do PT, visa manter o tema “aceso” na mídia. Para os tucanos, trata-se de uma estratégia para conter os danos. Como o PT enxerga nos jornais tradicionais uma trincheira da oposição, a ação proposta pelo comitê da reeleição da presidente Dilma visa constrangê-los a noticiar o caso, uma vez que fatos novos, como uma eventual abertura de inquérito, não poderão ser ignorados. A resposta tucana atende ao mesmo objetivo. Visa vitimizar o partido, como alvo de perseguição política durante o período eleitoral.

O episódio também servirá para ilustrar o primeiro confronto desta campanha presidencial entre veículos impressos e a chamada blogosfera, onde o caso se alastra com maior velocidade. Os danos reais, no entanto, serão medidos apenas nas próximas pesquisas eleitorais. Ontem, em Minas, Aécio defende que o caso seja investigado “com lisura e transparência”.

Leia mais

22 de julho de 2014
por Esmael Morais
9 Comentários

Coluna do Enio Verri: Brics criam nova ordem econômica mundial!

"O Brasil deixou de ser puxadinho dos Estados Unidos e do FMI", saúda Enio Verri, em sua coluna desta terça, a criação do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) pelos países que formam o Brics; colunista afirma que ação de Brasil, Rússia, China, àndia e àfrica do Sul significa uma resposta concreta à  crise econômica e do neoliberalismo; "Com Lula e Dilma mostramos que o modo petista de governar dá certo", exalta o parlamentar do PT, que ainda acrescenta: "o protagonismo brasileiro e enfrentamento ao FMI parece superficial aos olhos dos mais jovens que pouco conviveram com os governos neoliberais de FHC"; leia o texto e compartilhe.

“O Brasil deixou de ser puxadinho dos Estados Unidos e do FMI”, saúda Enio Verri, em sua coluna desta terça, a criação do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD) pelos países que formam o Brics; colunista afirma que ação de Brasil, Rússia, China, àndia e àfrica do Sul significa uma resposta concreta à  crise econômica e do neoliberalismo; “Com Lula e Dilma mostramos que o modo petista de governar dá certo”, exalta o parlamentar do PT, que ainda acrescenta: “o protagonismo brasileiro e enfrentamento ao FMI parece superficial aos olhos dos mais jovens que pouco conviveram com os governos neoliberais de FHC”; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri* ... 

Leia mais