14 de julho de 2014
por Esmael Morais
31 Comentários

Para o PSDB, “Copa das Copas não aconteceu”. Só na propaganda?

do Brasil 247
Em um balanço da Copa do Mundo, o PSDB publicou na tarde desta segunda-feira 14 um texto do Instituto Teotonio Vilela (ITV), ligado ao partido, que diz que a ‘Copa das Copas’, lema defendido pela presidente Dilma Rousseff, “não aconteceu”, e que agora o governo do PT quer “dar um jeito de virar a página da Copa do Mundo, decretando seu sucesso absoluto”, na mesma velocidade em que Dilma entregou a taça ao capitão Philipp Lahm, da seleção da Alemanha, neste domingo 13.

Na avaliação dos tucanos, o sucesso do Mundial se deve principalmente ao que “ocorreu dentro das quatro linhas dos gramados”, futebol que “o governo petista agora quer afastar nossos bons jogadores, com sua proposta de criar barreiras para impedir a exportação de talentos para o exterior”. A visão é classificada como “isolacionista e intervencionista” pelo instituto. O ITV fala também em “manada de elefantes brancos” ao se referir aos estádios das 12 cidades-sede do Mundial.

Os tucanos avaliam que o “os balanços da Copa devem se basear no cotejo entre aquilo que o governo se comprometeu a fazer e o que efetivamente fez até o torneio”. Ao citar um balanço feito pelo jornal Folha de S. Paulo, o texto afirma que, “dos 167 compromissos assumidos em 2010, apenas 53% foram finalizados a tempo do Mundial” e que “a promoção do torneio custou mais caro que o previsto, chegando a R$ 26 bilhões, dos quais 84% saíram de cofres públicos”.

Por fim, o partido critica medidas de “improviso” adotadas pelo governo e cobra a gestão Dilma sobre “por que não entregou o que prometeu”. “Cabe, ainda, explicar à  população os motivos de ter feito tanto esforço para bem atender o público internacional durante 32 dias de festa e não exibir a mesma dedicação cotidiana para tornar o dia a dia de 200 milhões de brasileiros melhor. O fim dos jogos é só o início desta prestação de contas”, finaliza o ITV.

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

O internauta não perdoa os políticos

Nas redes sociais, corre solto o humor ácido dos internautas que não perdoam os políticos; fotomontagem que substitui rosto de Cida Borghetti pelo marido Ricardo Barros virou meme!; no mundo virtual, o vice de fato de Beto Richa chama-se "Cido!.

Nas redes sociais, corre solto o humor ácido dos internautas que não perdoam os políticos; fotomontagem que substitui rosto de Cida Borghetti pelo marido Ricardo Barros virou meme!; no mundo virtual, o vice de fato de Beto Richa chama-se “Cido!.

Virou “meme”, designação para fenômeno na internet, uma fotomontagem em que o rosto da vice na chapa do governador Beto Richa (PSDB), a deputada Cida Borghetti (PROS), é substituído pelo do marido Ricardo Barros (PP). ... 

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
33 Comentários

Povo deveria me dar chance de um novo mandato!, pede Dilma Rousseff

do Brasil 247
A presidente Dilma Rousseff pediu um “novo mandato” ao povo brasileiro em entrevista à  TV árabe Al Jazeera, transmitida no final da manhã desta segunda-feira 14. Questionada sobre os motivos para que a população lhe desse mais quatro anos de governo nas eleições de outubro, Dilma respondeu: “Acredito que o povo brasileiro deve me dar uma oportunidade de um novo período de governo pelo fato de que nós fazemos parte de um projeto que transformou o Brasil”.

A presidente citou conquistas sociais durante o governo do PT. “O Brasil tinha 54% de sua população entre pobres e miseráveis em 2002. Hoje 75% da população brasileira vive na classe C para cima. à‰ três em cada quatro brasileiros. Nós transformamos a vida dessas pessoas. O Brasil mudou de perfil e foi feito isso com a democracia vigente, com todos os direitos de expressão, manifestação e divergência”, afirmou.

A candidata do PT também alfinetou os adversários. “Vai ser travada uma disputa democrática entre caminhos. Quem quando pôde fez, sabe continuar fazendo. Quem quando pôde não fez, não sabe fazer”, disse. De acordo com a presidente, uma prova dos avanços sociais no País é o sucesso da Copa do Mundo. Neste momento, ela alfinetou, sem citar nomes, o ex-jogador Ronaldo, que fazia parte do comitê organizador da Copa.

“Tanto é assim que como você explica o sucesso da Copa do Mundo? Antes de uma semana, você lê jornal, você sabe o que se dizia a respeito da infraestrutura da Copa. Você sabe que tinha gente que dizia que estava envergonhado do país porque não teria condição de receber [o evento]”, declarou. Pouco antes do início do evento, Ronaldo disse que se sentia “envergonhado” com os atrasos das obras da Copa. Depois do início do evento, acabou mudando o discurso.

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
20 Comentários

Veja as fotos oficiais dos principais candidatos ao governo do Paraná

Na fotografia, os três principais candidatos ao governo do Paraná -- Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) !“ têm cara de santinhos!, mas na prática... Campanha no Paraná começou com forte judicialização; tucano foi multado em R$ 5 mil por propaganda ilegal e peemedebista teve de retirar dois vídeos do site.

Na fotografia, os três principais candidatos ao governo do Paraná — Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) !“ têm cara de santinhos!, mas na prática… Campanha no Paraná começou com forte judicialização; tucano foi multado em R$ 5 mil por propaganda ilegal e peemedebista teve de retirar dois vídeos do site.

Os três principais candidatos ao governo do Paraná — Beto Richa (PSDB), Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB) — divulgaram nesta segunda-feira (14) as respectivas fotos oficiais de campanha. Confira. ... 

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
13 Comentários

Prefeito do PDT vai coordenar campanha de Requião

Senador Roberto Requião, nesta segunda (14), anunciou o prefeito pedetista Celso Silva, de Bandeirantes, como coordenador de sua campanha ao Palácio Iguaçu na região Norte Pioneiro; ao mesmo tempo, peemedebista desferiu dois petardos em direção à  petista Gleisi Hoffmann em forma de alertas: "Tem mais candidato apoiando o Betinho na coligação da Gleisi que nos 17 partidos adquiridos pelo Richa" e "Gleisi, OH DEUS! O senador Lacoste é mais Beto Richa que a própria Fernanda!".

Senador Roberto Requião, nesta segunda (14), anunciou o prefeito pedetista Celso Silva, de Bandeirantes, como coordenador de sua campanha ao Palácio Iguaçu na região Norte Pioneiro; ao mesmo tempo, peemedebista desferiu dois petardos em direção à  petista Gleisi Hoffmann em forma de alertas: “Tem mais candidato apoiando o Betinho na coligação da Gleisi que nos 17 partidos adquiridos pelo Richa” e “Gleisi, OH DEUS! O senador Lacoste é mais Beto Richa que a própria Fernanda!”.

O prefeito Celso Silva (PDT), do município de Bandeirantes, será o coordenador da campanha do senador Roberto Requião na região Norte Pioneiro. ... 

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
11 Comentários

Copa no Brasil injeta R$ 30 bi na economia; velha mídia perde mais essa

do Brasil 247
A Copa do Mundo no Brasil terminou ontem com sucesso nos gramados e fora de campo com uma estimativa de R$ 30 bilhões que devem ser injetados na economia, segundo a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) para o governo. Resultado equivale a cerca de 0,6% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro.

A projeção foi feita a partir de um estudo sobre o impacto econômico da Copa das Confederações, realizada em junho de 2013 nas cidades de Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Rio de Janeiro e Salvador. De acordo com a pesquisa, o torneio do ano passado adicionou R$ 9,7 bilhões ao PIB brasileiro.

Entre as entidades consultadas pela pesquisa, o banco Itaú prevê que o torneio deve incrementar o PIB entre 1% e 1,5% –efeito que começou em 2011, com o início das obras, que geraram emprego e renda no país. A estimativa é baseada no que ocorreu em outros países que sediaram o evento desde 1982.

A Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 também deve gerar cerca de 1 milhão de empregos no país, o que equivalente a mais de 15% dos 4,8 milhões de empregos formais criados ao longo do governo da presidenta Dilma Rousseff. Para o presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Vicente Neto, trata-se de um número extremamente significativo que nós estamos comemorando neste momento. à‰ um legado humano extraordinário!, disse.

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
4 Comentários

Paraná pode ter alto índice de reeleição na Câmara Federal

Via DIAP

Dos 30 deputados federais da bancada, 22 tentarão renovar os mandatos: Alex Canziani (PTB), Alfredo Kaefer (PSDB), André Zacharow (PMDB), Angelo Vanhoni (PT), Assis do Couto (PT), Dilceu Sperafico (PP), Edmar Arruda (PSC), Fernando Francischini (SD), Giacobo (PR), Hermes Parcianello (PMDB), João Arruda (PMDB), Leopoldo Meyer (PSB), Luiz Carlos Hauly (PSDB), Luiz Nishimori (PR), Nelson Meurer (PP), Nelson Padovani (PSC), Osmar Serraglio (PMDB), Reinhold Stephanes (PSD), Rubens Bueno (PPS), Sandro Alex (PPS), Takayama (PSC) e Zeca Dirceu (PT).

As deputadas Cida Borghetti (Pros) e Rosane Ferreira (PV) são candidatas a vice-governadoras; a primeira pela coligação Todos pelo Paraná! (PSDB / Pros / DEM / PSB / PSD / PTB / PP / PPS / PSC / PR / SD / PSL / PSDC / PMN / PHS / PEN / PTdoB) e a segunda pela coligação Paraná com Governo! (PMDB / PV / PPL), encabeçada pelo senador Roberto Requião (PMDB), que disputará o governo do estado.

O deputado Ratinho Júnior (PSC) pleiteia uma vaga na Assembleia Legislativa do Paraná. Já os deputados Abelardo Lupion (DEM), Andre Vargas (PT), Dr. Rosinha (PT), Eduardo Sciarra (PSD) e Odílio Balbinotti (PMDB) não são candidatos a nenhum cargo.

Há quatro coligações formadas no estado do Paraná. São elas: Educação e Trabalho com Sustentabilidade (PSDC / PEN / PTB / PHS / PMN / Pros); Paraná Por Você (PV/PPL); Paraná Sempre em Frente (PT / PDT / PRB / PTN / PCdoB) e União Pelo Paraná (PSDB / DEM / PR / PSC / PTdoB / PP / SD / PSD / PPS).

O PMDB, PSol, PSTU, PRP, PSL, PRTB, PSB e PTC não participam de coligação.

Foram registradas 309 candidaturas para disputar as 30 vagas desta unidade federativa.

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Eleição tem cerca de 30 “herdeiros políticos” no Paraná

via Folha de LondrinaRicha, Requião, Barros, Borghetti, Belinati, Curi, Lupion… Como já se tornou “tradição”, o eleitor paranaense irá mais uma vez se deparar com sobrenomes conhecidos nas urnas. De acordo com o DivulgaCand2014, sistema fornecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pelo menos 27 “herdeiros políticos”, isto é, integrantes de “clãs” com história no Estado, devem disputar as eleições proporcionais em outubro. Apesar de homologadas, as 309 candidaturas a deputado federal e 757 a deputado estadual ainda precisam da validação do órgão.

Dois dos concorrentes ao governo do Paraná, o senador Roberto Requião (PMDB) e o atual governador, Beto Richa (PSDB), que é filho do ex-governador José Richa, fazem parte do grupo que apoiará parentes na corrida à  Assembleia Legislativa (AL). O peemedebista é pai do advogado Maurício Requião Filho (PDMB), enquanto o tucano é primo do vereador de Londrina Gustavo Richa (PHS). Requião, aliás, também deve reforçar a campanha pelo sobrinho, João Arruda (PMDB), que tenta se manter na Câmara dos Deputados.

Os casos de “dobradinha” baseada em DNA extrapolam os muros do Palácio Iguaçu. O empresário Walter Parcianello (PMDB), irmão do deputado federal Hermes “Frangão” Parcianello (PMDB), o vereador de Maringá Mário Verri (PT), irmão do presidente estadual do PT e deputado estadual, Enio Verri, e o ex-deputado estadual Alisson Wandscheer (PT), filho do deputado estadual Toninho Wandscheer (PT), buscarão vagas na AL, enquanto Walter, Enio e Toninho miram cadeiras em Brasília.

Apesar de seus partidos integrarem coligações diferentes, Reinhold Stephanes (PSD) e o filho, Stephanes Junior (PMDB), conseguiram autorização da executiva do PMDB para dividir palanque nas corridas aos Legislativos federal e estadual, respectivamente. Felipe (SD) e Fernando Francischini (SD), assim como Luiz Renato (PSDB) e seu pai, o ex-secretário de Estado da Fazenda Luiz Carlos Hauly (PSDB), também vão se desdobrar em campanhas para as duas Casas.

Além de Felipe e Luiz Rena Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
14 Comentários

Propaganda ilegal: Gleisi agora acerta novo “pelotaço” no bico de Richa

A campanha pelo Palácio Iguaçu, neste ano, tende a se judicializar como na de 2012, quando a coordenação jurídica do então candidato Gustavo Fruet (PDT) se destacou mais que a propaganda e as propostas. Hoje, tal qual aquela peleja contra Luciano Ducci (PSB), cabe ao advogado Luiz Fernando Pereira “travar” a reeleição do governador Beto Richa (PSDB) nos tribunais em nome da candidatura da senadora Gleisi Hoffmann (PT).

Nesta segunda-feira (14), por exemplo, o candidato à  reeleição e seu partido, o PSDB, foram condenados ao pagamento de multa de R$ 5 mil cada, por propaganda antecipada durante a convenção partidária realizada no último dia 29.

De acordo com a legislação eleitoral, a campanha só está autorizada 90 dias antes da eleição !“ neste ano, a partir do dia 5 de julho.

A decisão da Justiça Eleitoral atende a pedido da coligação Paraná Olhando Pra Frente, que tem a senadora Gleisi Hoffmann como candidata ao governo do Estado.

Outdoor fixado em frente ao local da convenção (Paraná Clube) exibia o nome e o número do candidato, além de já antecipar a identidade visual da campanha. Já na largada, isso provoca desequilíbrio na disputa!, explica o coordenador jurídico da campanha Gleisi Hoffmann, Luiz Fernando Pereira.

Em sua decisão, o juiz auxiliar Humberto Gonçalves Brito confirma a ilegalidade na pré-campanha de Beto Richa. Aliado a isso, constata-se que o conteúdo do material não faz qualquer alusão à  pré-candidatura, ao contrário, indica o número do partido (45), o que evidencia a intenção de propagar aos eleitores em geral a candidatura que se avizinha. Não é razoável acolher o argumento de que a publicidade está voltada para os correligionários, visto que estes não necessitam saber o número do seu próprio partido. à‰ evidente que a intenção da propaganda volta-se para a divulgação da reeleição.!, destaca o magistrado.

Judicialização da política

“Pelotaço” até petista também abateu na semana passada o deputado estadual Ademar Traiano (PSDB), líder e guru do Palácio Iguaçu na Assembleia Legislativa do Paraná. Por causa da multa de R$ 5 mil na Justiça Eleitoral, o tucano resolveu fechar o bico. O parlamentar que lidera a tropa de Beto Richa (PSDB) se diz censurado pela petista, por isso desistiu de escrever a coluna semanal no Blog do Esmael (clique aqui).

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
16 Comentários

Choramingo derrotou seleção brasileira, diz craque alemão Matthà¤us

do Brasil 247 Em entrevista a um jornal francês, Lothar Matthà¤us, capitão da Alemanha campeã do mundo em 1990, criticou o lado emotivo dos jogadores brasileiros.

“Não entendo por que um jogador de futebol chora, brasileiros sempre choram. Toca o hino, choram; eliminam o Chile, choram; perdem para a Alemanha, choram. Eles têm que mostrar que são homens e são fortes. Nunca vi nada tão nefasto como a linguagem corporal dessa equipe”, disse ao “Le Journal du Dimanche”.

O alemão também não concordou com a atitude da Seleção diante da lesão de Neymar: “Eles tinham medo. O que é isso de camisa do Neymar? A França perdeu Ribéry e não ouvimos nada. O mesmo aconteceu com Falcao García na Colômbia e Reus na Alemanha. Em vez de choramingar, os brasileiros tinham que mostrar que podiam conseguir sem ele”.

Segundo ele, havia um verdadeiro perigo psicológico para os brasileiros, uma sobrecarga de emoções, que teve seu preço.

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
10 Comentários

Fruet põe time na campanha de Gleisi, mas libera vereadores para Richa e secretários para apoiar Requião

Prefeito Gustavo Fruet assume relação com PT depois, no começo do mês, escondidinho, levar o ex-presidente Lula para prender um cadeado do amor! na ponte do Parque Barigui e, em seguida, acompanhar visita do barbudo ao túmulo de Maria Bueno no Cemitério Municipal; pedetista coloca seu primeiro time na campanha da petista Gleisi Hoffmann, mas também libera vereadores da base para a reeleição do tucano Beto Richa e parte do secretariado para a tentativa de tetra do peemedebista Roberto Requião.

Prefeito Gustavo Fruet assume relação com PT depois, no começo do mês, escondidinho, levar o ex-presidente Lula para prender um cadeado do amor! na ponte do Parque Barigui e, em seguida, acompanhar visita do barbudo ao túmulo de Maria Bueno no Cemitério Municipal; pedetista coloca seu primeiro time na campanha da petista Gleisi Hoffmann, mas também libera vereadores da base para a reeleição do tucano Beto Richa e parte do secretariado para a tentativa de tetra do peemedebista Roberto Requião.

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet (PDT), aos poucos, vai colocando seus artilheiros na campanha da senadora Gleisi Hoffmann (PT) na corrida pelo governo do Paraná. O primeiro atacante a ingressar na canoa petista foi o jornalista Abraão Benício, que coordena a imprensa da candidata do PT.  ... 

Leia mais

14 de julho de 2014
por Esmael Morais
5 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: Fruet entre a indústria da multa e a prevaricação

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, aborda a polêmica sobre autuações de infrações nas faixas exclusivas de ônibus em Curitiba; colunista especialista em trânsito e multa afirma que o prefeito Gustavo Fruet (PDT) terá de decidir entre a indústria da multa e prevaricação; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda-feira, aborda a polêmica sobre autuações de infrações nas faixas exclusivas de ônibus em Curitiba; colunista especialista em trânsito e multa afirma que o prefeito Gustavo Fruet (PDT) terá de decidir entre a indústria da multa e prevaricação; leia o texto e compartilhe.

Marcelo Araújo* ... 

Leia mais