8 de julho de 2014
por Esmael Morais
44 Comentários

Dilma ao Brasil: levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima!

do Brasil 247

Presidente Dilma Rousseff (PT) comentou o resultado do jogo entre Brasil e Alemanha, nesta terça (8), que tirou o país-sede do Mundial; "Assim como todos os brasileiros, estou muito, muito triste com a derrota. Sinto imensamente por todos nós, torcedores, e pelos nossos  jogadores. Mas, não vamos nos deixar alquebrar", publicou.

Presidente Dilma Rousseff (PT) comentou o resultado do jogo entre Brasil e Alemanha, nesta terça (8), que tirou o país-sede do Mundial; “Assim como todos os brasileiros, estou muito, muito triste com a derrota. Sinto imensamente por todos nós, torcedores, e pelos nossos jogadores. Mas, não vamos nos deixar alquebrar”, publicou.

A presidente Dilma Rousseff (PT) se manifestou no Twitter sobre o resultado do jogo entre Brasil e Alemanha, nesta terça-feira (8), que tirou o país-sede do Mundial. ... 

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Depois de arrastar asa para Gleisi, prefeito tucano “suprapartidário” promete fidelidade a Richa

O prefeito Darlan Scalco (PSDB), do município de Pérola, Noroeste do estado, em nota ao Blog do Esmael, afirmou que receberá “todos os candidatos independentemente de sua sigla partidária” durante as eleições deste ano.

O tucano “pulou” com a revelação de que “arrastara asa” para a petista Gleisi Hoffmann, candidata ao Palácio Iguaçu, durante visita à  cidade nesta segunda (7).

Embora “suprapartidário”, o prefeito jurou fidelidade eterna ao governador Beto Richa devido os R$ 20 milhões “conveniados” com o município. Do governo federal, segundo Scalco, Pérola já recebeu R$ 24 milhões. Leia a nota:

NOTA

Não sei o que o blog quis dizer quando escreveu Prefeito do PSDB arrasta asa! para a petista Gleisi!. Como este comentário pode gerar várias interpretações, venho através desta comunicar que sou prefeito de todos os Perolenses, desta maneira, trabalhando com respeito e ética, receberei todos os candidatos independentemente de sua sigla partidária.

Em relação aos recursos federais, agradeci sim a senadora Gleisi, pessoa esta que tem o meu respeito e que visitou a maior empresa do nosso município (Grupo Oppnus) onde aproveitei a oportunidade para também agradecer toda minha equipe que foi muito competente na elaboração de projetos para conquista dos referidos recursos.

Aproveito a oportunidade para dizer que também neste um ano e meio de administração junto ao município de Pérola, mesmo com o estado obtendo grandes dificuldades, conveniamos mais de R$ 20.000.000,00 (vinte milhões) de recursos em todas as áreas junto ao governo Beto Richa, governador este que também recebe todos os prefeitos independentemente de sua sigla partidária e que nesta oportunidade, declaro o meu apoio devido a sua conduta municipalista junto aos prefeitos e a toda população paranaense.

DARLAN SCALCO
Prefeito de Pérola – Pr

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Morre aos 83 anos ex-deputado Plínio de Arruda Sampaio, do PSOL

Plínio de Arruda Sampaio, fundador do jornal Correio da Cidadania, morreu hoje aos 83 anos em São Paulo; candidato a presidente da República pelo PSOL, em 2010,  ele conquistou 886 mil votos; era militante da esquerda católica no pré-golpe de 64 e foi deputado Constituinte pelo PT; "Muito triste: acabei de ficar sabendo do falecimento do nosso querido Plínio", chorou pelas redes sociais Bernardo Pilotto, candidato do PSOL ao governo do Paraná.

Plínio de Arruda Sampaio, fundador do jornal Correio da Cidadania, morreu hoje aos 83 anos em São Paulo; candidato a presidente da República pelo PSOL, em 2010, ele conquistou 886 mil votos; era militante da esquerda católica no pré-golpe de 64 e foi deputado Constituinte pelo PT; “Muito triste: acabei de ficar sabendo do falecimento do nosso querido Plínio”, chorou pelas redes sociais Bernardo Pilotto, candidato do PSOL ao governo do Paraná.

O ex-deputado federal Plínio de Arruda Sampaio morreu nesta terça-feira (8), em São Paulo, aos 83 anos. Ele disputou a Presidência da República pelo PSOL, em 2010, quando obteve 886 mil votos. ... 

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
7 Comentários

TRE divulga lista com os 1.030 candidatos do Paraná

São 1.030 candidatos distribuídos nos seguintes cargos: 8 a governador; 7 a senador; 263 a deputado federal; e 727 a deputado estadual; confira a lista.

São 1.030 candidatos distribuídos nos seguintes cargos: 8 a governador; 7 a senador; 263 a deputado federal; e 727 a deputado estadual; confira a lista.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) divulgou nesta terça (8) a relação dos candidatos que requereram registro à s eleições de outubro. ... 

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
11 Comentários

Richa jura que recebeu apoio de 30 cidades da Amusep

O governador Beto Richa (PSDB) jurou que recebeu nesta segunda-feira (7), em Maringá, o apoio dos prefeitos e vice-prefeitos das 30 cidades da região da Amusep (Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense). O tucano afirma que recebeu uma carta de apoio, assinado por 25 prefeitos e cinco vice-prefeitos, entregue pelo presidente da Amusep, José Roberto Ruiz.

A população quer um comportamento digno de seus representantes. Chega de retrocesso, o Paraná quer olhar para o futuro, quer saber o que é bom para garantir qualidade de vida ao seu povo. E eu agradeço o apoio dos prefeitos e sei que juntos poderemos construir um estado ainda mais justo, solidário e melhor para se viver!, disse Beto Richa.

O prefeito de Floresta, José Roberto Ruiz (PP), disse que na história do Paraná “nunca os municípios são tão bem atendidos e recepcionados como na administração do governador Beto Richa. Os recursos estão vindo para os municípios, a população está contente com o governador e nós temos que continuar com Beto Richa, que respeita a população do Paraná. A Amusep está em peso com Beto Richa!, disse.

A prefeita Gisele Faccin (DEM), de Presidente Castelo Branco, agradeceu todos os investimentos feitos por Beto Richa na sua cidade. “Há muito tempo, Presidente Castelo Branco não recebia um volume tão importante e que mudou a vida da população. Beto Richa é o Paraná que acredita, que nós acreditamos, e nós torcemos para que continue neste caminho.!

Mais apoio

Roberto Pupin (PP), prefeito de Maringá, diz a cidade pólo do Noroeste “está fechada com Beto Richa”.

“O P Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
29 Comentários

Dilma hoje é a “Pátria de Chuteiras” contra os abutres da velha mídia

do Brasil 247
Consertar uma tese jornalística errada não é fácil. Mas é o que tentam fazer, neste momento, alguns dos colunistas e editorialistas mais radicais da mídia tradicional. No circuito Merval Pereira-Reinaldo Azevedo-Arnaldo Jabor e outros, a tese que está em campo agora é em tudo diferente da que vigorou até momentos antes da classificação da Seleção Brasileira para a segunda fase do Mundial, dez dias atrás. Até ali, quando ainda existiam apostas contra o sucesso popular e de organização da Copa no Brasil, os mesmos articulistas da Rede Globo e do Grupo Abril trabalhar pelo estabelecimento do clima de medo e apreensão frente ao sucesso do Mundial. Engrossaram, à  sua maneira, o esvaziado #naovaitercopa !“ e ficaram completamente isolados nas arquibancadas vazias dos que apostaram no sucessos do evento.

Agora, numa ampla ofensiva que utiliza todos os meios disponíveis !“ dos programas ditos sérios na rádio CBN ao decadente Domingão do Faustão -, os mesmos caras pregam que o sucesso da Copa é de todos, em exceção. Mas que, se houver perda esportiva e aumento de críticas ao Mundial, a culpa deve recair exclusivamente sobre a torcedora número 1, a presidente Dilma Rousseff.

– Dilma e Lula não marcam gols, sublinhou, com certo desespero, Merval Pereira para seu parceiro Carlos Alberto Sardemberg, nesta terça-feira 8, num bate-bola do time do contra na rádio CBN. No domingo, Faustão fez as vezes de editorialista e repetiu, por dois minutos, que “a verdadeira Copa vai começar agora, com as eleições”, como querendo dizer que a #copadascopas é um evento menor, nada significativa para a vida de um País.

Pelo Grupo Abril, Reinaldo Azevedo irritou-se, em texto no site veja.com, com o gesto de “é tóis”, feito por Dilma com os braços, divulgado na página do Facebook da presidente. Ele reconheceu que não sabia do que se tratava, apesar de a expressão ser popular há pelo menos seis meses. E emendou dizendo que a presidente vibrar e torcer pela Seleção, por Neymar e pelo sucesso da Copa seria “uma tentativa canhestra do poder de manipulação do povo”. Nossa! Para Azevedo, será que Dilma deveria vestir luto por esses dias? Ou talvez sair do País, olhar a Copa de longe? O que ele queria, que Dilma, como ele, torcesse contra?

Por jogadas como essa, é mesmo dura a disputa pela camisa 10 no time dos que jogam contra. Muitos candidatos.

O problema com a tentativa de ajustar a posição editorial sobre a Copa !“ passando da aposta contra para a adesão oportunista e, ainda por cima, tentando criticar a postura da presidente da República por ter-se empenhado e acreditado no sucesso do Mundial !“ é que ela não dará certo. Dilma, esse é o fato, mergulhou de cabeça na Copa no Brasil. Publicamente, não vacilou em comandar a torcida, fazendo apelos pela realização da #copadascopas e jogando alto na capacidade de o povo brasileiro fazer um evento diferenciado. à‰ o que está acontecendo, a olhos vistos.

A esta altura, qualquer que seja o resultado esportivo da Seleção Brasileira, com vitória ou não na partida de 17h00, no Mineirão, em Belo Horizonte, contra a Alemanha, a Copa é um sucesso espetacular. E, como dizem as pesquisas, ajudou sim na recuperação da popularidade da presidente Dilma. Não serão colunistas que perdem credibilidade a cada dia que irão mudar essa situação.

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Veja essa: prefeito do PSDB “arrasta asa” para a petista Gleisi

A senadora Gleisi Hoffmann, candidata da coligação PT-PDT-PCdoB-PRB-PTN ao governo estadual, esteve em Pérola, região noroeste, na manhã desta segunda-feira, 7. Acompanhada do candidato ao senado Ricardo Gomyde e dos deputados Zeca Dirceu e Elton Welter, Gleisi se reuniu com o prefeito Darlan Scalco (PSDB) e demais lideranças políticas do município.

Na reunião com Gleisi, o prefeito enalteceu os programas e os investimentos federais em Pérola.

Temos que agradecer os investimentos federais na nossa cidade. Nos últimos 17 anos, até 2012, Pérola tinha recebido apenas R$ 8,5 milhões do governo federal. Desde que assumimos a prefeitura o município já recebeu cerca de R$ 24 milhões. à‰ um governo que não distingue sigla partidária e, sim, pensa apenas no povo.!

Ainda em Pérola, a candidata visitou a empresa Oppnus Jeans, onde conversou com os mais de 1,2 mil funcionários. Gleisi fez uma prestação de contas de sua atuação como ministra-chefe da Casa Civil e pediu o voto dos trabalhadores.

O Paraná é um estado rico. Se conseguimos fazer tanto pelo Brasil, um País tão grande, tão diferente e com tantas dificuldades, conseguiremos fazer muito mais pelo Paraná.!

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
2 Comentários

Câmara de Ponta Grossa rejeita subsídio ao transporte e greve dos ônibus pode voltar

Os vereadores de Ponta Grossa, nos Campos Gerais, rejeitaram o projeto de lei do prefeito Marcelo Rangel (PPS) que previa subsídio para o transporte coletivo. A votação terminou na tarde desta segunda-feira (7) com 19 votos contrários, dois favoráveis e uma abstenção.

O projeto, que continha erros formais segundo alguns vereadores, foi enviado à  Câmara para cumprir um acordo firmado no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) após greve no transporte coletivo encerrada há um mês. O subsídio limitaria a alta no preço da tarifa, que está em discussão neste mês. Pelo acordo feito no TRT, em 5 de junho, a Viação Campos Gerais (VCG) !“ que opera o transporte coletivo !“ concederia aumento de 9% nos salários e 10% no vale-alimentação dos funcionários.

O aumento já foi acrescentado ao salário de junho. Após receber o subsídio, em parcela única de R$ 2,4 milhões, a empresa aplicaria o reajuste de 10% na folha e de 50% no vale-alimentação. O recurso é a sobra de orçamento da Câmara, que já foi depositada em conta da prefeitura. Com a rejeição do projeto, ele não irá para segunda discussão.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários (Sintropas), Ricardo Peloze, acompanhou a sessão e deixou o plenário afirmando que a rejeição foi um desrespeito aos trabalhadores!.

Ele disse que a categoria irá se reunir ainda nesta semana para decidir os rumos da negociação salarial. Uma nova greve ou um dia de catraca livre estão entre as alternativas estudadas. A greve que ocorreu entre maio e junho durou 17 dias e afetou cerca de 100 mil passageiros por dia.

Ainda para cumprir o acordo com o TRT, o prefeito encaminhou à  Câmara um projeto de lei que propõe a encampação dos quatro terminais de ônibus para custear a limpeza e a segurança dos prédios, no valor mensal de R$ 111,7 mil. O projeto ainda não foi entrou na ordem do dia.

Conforme o presidente da Câmara, Aliel Machado (PC do B), que propôs o subsídio no TRT, o projeto tinha erros, pois não especificava o subsídio e ainda destinava a verba que sobrou do orçamento da Câmara para o Fundo Municipal de Transportes e não para a VCG. O líder de governo, vereador George Luiz de Oliveira (PMN), disse que o dinheiro faria uma escala! do Fundo para a VCG.

via Jornal de Londrina

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
26 Comentários

Por iniciativa de Requião, Parlasul declara apoio à  Argentina em disputa contra ‘fundos abutres’

O Parlamento do Mercosul (Parlasul) aprovou nesta segunda-feira (7) uma declaração de apoio à  Argentina em sua disputa contra os “fundos abutres”. O governo argentino tenta fazer pagamentos a credores que aceitaram acordos de reestruturação das dívidas, mas a Justiça americana bloqueou as transferências, devido à  objeção de fundos especulativos.

Ao recordar o histórico da disputa, o senador Roberto Requião (PMDB-PR), vice-presidente do Parlasul, afirmou que os fundos abutres que resistem ao acordo e exigem o pagamento integral das dívidas argentinas representam apenas 0,45% do total de credores.

– O que vale mais? Os fundos abutres ou a soberania de uma nação? – questionou.

Requião voltou a criticar a decisão da Justiça americana, confirmada pela Suprema Corte daquele país, de não permitir o pagamento argentino apenas à  maioria de credores que aceitaram reestruturações feitas em 2005 e 2010. Há duas semanas, um juiz determinou a devolução de US$ 539 milhões, depositados pela Argentina com essa finalidade.

Declaração

Na declaração, o Parlasul expressa “solidariedade com o povo e o governo da República Argentina e apoio à  consecução de uma solução que não comprometa o amplo processo de reestruturação da sua dívida soberana, rejeitando o comportamento de agentes especulativos que põem em risco os acordos alcançados entre devedores e credores, afetando a estabilidade financeira global!.

O Parlasul também recomenda ao Conselho do Mercado Comum, órgão decisório máximo do Mercosul, que aprove a declaração e peça aos governantes dos estados-membros a liderar um processo de discussão das dívidas externas soberanas nas esferas competentes, em nível mundial.

O parlamentar argentino Guillermo Carmona agradeceu o apoio dos colegas e reiterou que o desejo argentino é apenas o de cumprir suas obrigações.

– A Argentina tem expressado por meio de sua presidente [Cristina Kirchner] a firme vontade de cumprir com suas obrigações frente aos credores, desde que não seja afetada severamente a estabilidade e o desenvolvimento social e econômico.

da Agência Senado, com informações da Assessoria de Imprensa do Parlasul

Leia mais

8 de julho de 2014
por Esmael Morais
15 Comentários

Coluna do Enio Verri: a incoerência do governo Richa parece não ter limites

Enio Verri, em sua coluna desta terça, afirma que perspectiva de derrota na eleição de 5 de outubro, refletido no fracasso da gestão levou os tucanos a apelarem para inverdades e irresponsabilidades!; colunista comenta nota de esclarecimento! do governo Beto Richa acerca do imbróglio entre Copel e Aneel no que diz respeito ao aumento na conta de luz; segundo o colunista, os últimos meses! do governo do PSDB ficarão marcados pela incompetência que administrou o Paraná; petista vê jogada eleitoreira! no tarifaço parcelado em 25% agora e 10% a posteriori; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri, em sua coluna desta terça, afirma que perspectiva de derrota na eleição de 5 de outubro, refletido no fracasso da gestão levou os tucanos a apelarem para inverdades e irresponsabilidades!; colunista comenta nota de esclarecimento! do governo Beto Richa acerca do imbróglio entre Copel e Aneel no que diz respeito ao aumento na conta de luz; segundo o colunista, os últimos meses! do governo do PSDB ficarão marcados pela incompetência que administrou o Paraná; petista vê jogada eleitoreira! no tarifaço parcelado em 25% agora e 10% a posteriori; leia o texto e compartilhe.

Enio Verri* ... 

Leia mais