àndia caingangue vai a Dilma contra privatização de bosque por Richa

Apesar de nota oficial negar intenção de privatizar o Bosque da Copel, em Curitiba, líder caingangue Sandra Terena afirma não acreditar no governo do tucano Beto Richa; índia promete ir à  presidenta Dilma pela preservação de última floresta urbana na capital paranaense.

Apesar de nota oficial negar intenção de privatizar o Bosque da Copel, em Curitiba, líder caingangue Sandra Terena afirma não acreditar no governo do tucano Beto Richa; índia promete ir à  presidenta Dilma pela preservação de última floresta urbana na capital paranaense.

De nada adiantou o governo de Beto Richa (PSDB), por meio de nota oficial da Companhia Paranaense de Energia (Copel), negar a venda de um bosque na estatal no bairro Bigorrilho em Curitiba. A índia caingangue Sandra Terena, ao Blog do Esmael, informou neste sábado (7) que pedirá ajuda à  presidenta Dilma Rousseff (PT) para impedir o tucano de privatizar a área verde.

Segundo a líder da Aldeia Brasil, a Copel foi impedida de construir um prédio administrativo na pequena floresta que traria grande impacto ambiental para a região, além de suprimir este bosque é considerado patrimônio imaterial pelos curitibanos.

à‰ da lavra do advogado Sérgio Botto de Lacerda, ex-Procurador Geral do Estado, mandado de segurança conquistado na Justiça embargando a obra.

Neste ano de 2014, de acordo com Sandra, “a Copel voltou a mostrar as garras e apresentou novos projetos ao Conselho Municipal de Urbanismo de Curitiba sob o número 01-142908/2012” que põem o bosque à  pique.

“Espero que o governador Beto Richa não venha com novas armas para destruir a natureza e uma das últimas áreas verdes em meio à  selva de pedra”, suplicou a índia.

O Blog do Esmael divulgou ontem (6) um vídeo gravado por moradores, ambientalistas, e por Sandra, pedindo “clemência” pelo Bosque da Copel (clique aqui).

No início da noite, a empresa de energia emitiu lacônica nota oficial afirmando que “não irá vender nem fazer empreendimento”. A líder da Nação indígena não acreditou no governo tucano, por isso promete ir a Dilma nos próximos dias.

34 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Quando será que esta jovem índia que mora no Batel vai reivindicar cotas para índios no Congresso Nacional? Quando será que o movimento LGBTPQP vai lutar por cotas no Congresso Nacional? Quando será que o movimento Racial do Negro ou do Preto vai brigar por cotas dos negros no Congresso Nacional? Exigir cotas da população em geral é muito fácil, quero ver brigar por cotas de políticos. Vergonha na cara dessa gente que engana a gente.

  2. Agradeço também os queridos que me defendem desses fakes. Teve um que falou em depilação, mas quem faz depilação com cera é o próprio chefe deles, que também faz bronzeamento artificial e acorda tarde, chega no serviço ali no Centro Cívico só pelas 11 da manhã.

    FAkes, falem mais bobagens aqui, por gentileza…O meu grande amigo delegado Demétrius Gonzada (Nuciber) vai mandar um convitinho pra todos vocês para o seu chefinho que gosta de carros de corrida.

    • Adorei ver a indiazinha escrever FAKE…Fiquei emocionado..
      FAKE é uma palavra de origem inglesa, que na sua tradução mais genérica que dizer FALSO…

      MUITO BEM ÍNDIA FAKE, cadê suas raízes? Manda ver bem no inglês, mas que tal um TUPI-GUARANI?

      kunha XE vai mba’e mombe’u.

  3. Aos falastrões de plantão, tenho realmente um projeto para ajudar os parentes que ficam na rodoviária. Meu projeto é construir uma casa de passagem para os irmãos guaranis, caingangues e xetás, que vem a Curitiba e não tem onde ficar. O local é um terreno no Santa Quitéria que é da própria União, onde funcionava a antiga casa do índio.

    Topo discutir em alto nível. Mas, esses fakes comissionados fantasmas do Bebeto que estão agonizando como rebeldes sem causa, vão ter uma bela surpresa nesta terça-feira quando passarem pelo bosque. Se preparem para conhecer a força de uma borduna. Meus antepassados usavam arco e flecha, minhas armas são outras, mais modernas, porque nós, povos indígenas temos direito de interagir com a sociedade. Senso comum é falar que índio tem que viver no mato. Nós é quem decidimos onde queremos viver. Não moro em um apartamento luxuoso, mas um dia vou morar. Pensamento pequena achar que índio tem que morrer pobre.

    • Então se índio não tem que viver no mato, pra que reserva indígena? Pega e doa elas pros sem terra.. Traz a rapaziada morar tudo na cidade, TRANSFORME TUDO EM EX-ÍNDIO, gente sem raiz, esquecidas das tradições da terra, QUE NEM VOCÊ…

      ÍNDIA FAJUTA, VÁ ENGANAR OUTROS TROXAS…

  4. E o Gustavo, o que está fazendo ? Seria muito bom se ele entrasse no assunto … Pelo menos teriamos uma posição política, já que a Prefeitura terá que dar a liberação da construção. Mas …

  5. Aqueles que criticam a india, que TBC e vão à luta como ela. Que vergonha assistir curitibanos defendendo a destruição do bosque. Pergunte ao Jaime Lerner o que ele acha? Daí vão dizer que o Jaime não sabe nada ?
    É mais uma vergonha …

  6. Prezado Esmael,estamos achando que tem muito palavrão aqui neste pedaço, tem gente que não tem compustura e não somos obrigados a ler resposta de baixão calão.

  7. O Beto nem sabe onde fica o Bosque da Copel, pois ele mora na Ecovile e só vai pra casa de helicóptero.

  8. Ela é tão índia quanto um petista é honesto…..

  9. Nem é desse tamanho todo, é um matinho de merda que tem do lado da via rápida”¦E pra que serve, um lugar todo cercado, com 1/2 dúzia de passarinho?

    O Gustavo Fruet devia desapropriar a área, prolongar a Gastão Câmara, ligar com a Lúcio Rasera, fazer sair no Barigui e fazer uma marginal paralela pra desafogar o trânsito da Mário Tourinho e BR 277″¦

    Esses matagal no meio da cidade só servem pra juntar maconheiro e bandido”¦ ESSA ÍNDIA DEVE SER CHEGADA EM UMA MARIJUANA…

  10. Meus caros, meu nome é Sandra Terena e meu avô Florentino Pedro, fundou há 100 anos a aldeia Icatu, no interior de São Paulo. Meu avô lutou a vida inteira para nós povos indígenas sairmos da margem da sociedade. Meu pai, Marcos Pedro, há 25 anos trabalha com os parentes guaranis no litoral do Paraná e fundou diversas aldeias junto com os caciques litorâneos, de barco a remo à época. Me formei por esses lados do bosque sim, em jornalismo, depois de pegar dez ônibus por dia para ir a faculdade Positivo. 100 anos depois de meu avô ter fundado a Aldeia do Icatu, junto com meu querido amigo e líder, o Cacique Karjer, conhecido como Carlinho, grande amigo Kaingang, guerreiro, participei da fundação de Kakané Porã, primeira aldeia indígena urbana do Sul do Brasil. Onde o cacique tirou parentes de mazelas sociais para um lugar bom. Sou índia, jornalista e tenho muito orgulho do meu povo. Convido quem fala bobagens escondido atrás de fakes a conhecer a minha história, minha aldeia, meu povo. Fica aqui meu email – [email protected]

    • Devia ajudar seus irmão índios que abandonam as aldeias para vender artesanato aqui em Curitiba e os dias que passam por aqui dormem ao relento e frio nas praças… Vaí lá na praça 29 de março dar uma olhadinha…
      E esse bosque que você fala é só um matinho, a COPEL chama de BOSQUE pra ganhar desconto no IPTU do terreno junto a prefeitura de Curitiba… Você pelo jeito é índia DE APARTAMENTO, só viu uma aldeia por foto…

      Esse povo não perde uma chance de aparecer na mídia… Porque não compra uma melancia e uma correntinha?

    • DEPILAÇÃO A CERA KENTE
      Se vc é india, eu e muito aqui tbém são. Afinal grande maioria tem sangue indigene nas veias. Mas indio tem por caracteristica não serem oportunista como vc Se eles souberem a quem vc está prestanto serviços, sentirão vergonha. Seu avô deve estar se revirando no tumulo.
      Se formou em jornalismo numa das faculdades mais caras do Paraná. E “depois de pegar dez ônibus por dia” para ir à faculdade? Em que cidade vc vivia, pois em Curitiba (exceto se ficsse passeando) seria necessário pegar 10 onibus pra chegar à Positivo.

      Vc é uma falastrona, india que faz depilação com cera quente.

  11. se ela e filha de indio e india , nao inporta como ela vive se na aldeia ,reserva ou na cidade , muitas pessoas vieram da roça pra cidade e vivem como querem .

  12. E se você duvidar este P$SD vai vender até o Paraná todo. Imagina eles então no Brasil!

  13. tá de brincadeira dizer que essa moça é índia kkkkk se ela for mesmo manda ir pra mata viver da caça e da pesca e veremos se sobrevive por um dia sequer,parece mais uma patricinha petista

  14. MAIS UMA DO PLAY BOY..MALUCO..

  15. Primeiro que a Dilma, não tem força alguma pra reverter isso se fosse verdade, segundo que a prefeitura sim pode segurar esse projeto. e terceiro que essa moça de India so deve ter o sobrenome, essa cara cheio de maquiagem não tem nada a ver com as pinturas indígenas.
    E quarto não gosto do Beto Preguiça rsrsrs, mas acho que ele não seria tão inocente em querer mexer com esse bosque, a região é de classe média alta pessoas que votam nele e ele não vai querer problema com esse povo.

  16. As problemáticas relacionadas com as ocupações das várzeas, como às inundações que estão ocorrendo na RMC neste final de semana, tendem a se agravar com o decreto editado no começo do ano pelo governo estadual que autoriza as prefeituras municipais a licenciar a ocupação dessas áreas:
    http://www.gazetadopovo.com.br/vidaecidadania/conteudo.phtml?id=1471737

  17. A líder Terena deveria cobrar da Dilma o comportamento da sua ministra Gleisi, que apóia os fazendeiros invasores de reservas, a Barbie do mal que disse que os indios fo PR tinham que ir embora para o Paraguay…

  18. É uma lástima esse governador! Tudo que levam para ele, ele assina, desde a compra de um hotel 5 estrelas para a Procuradoria do Estado até a privatização do Bosque da Copel. Em 5 de outubro e vamos colocar esse incompetente no olho da pista de Formula 1 de onde não deveria ter saído !Q!!

    • Eu paguei as passagens. O dinheiro é meu e faça o que bem entender com ele. Inclusive posso enfiar este dinheiro até na cloaca dos tucanos e demais comissionados.

      • O tal do PETRALHA é tão limitado, mas tão limitado que muda o nome para se esconder no anonimato mas não consegue mudar o linguajar….. esperar o que do PETRALHA????

  19. …,Á GRANDE VERDADE É A SEQUINTE;O PSDB/DEM/PPS…,MANDAM NA ESPELUNCA DESSE JUDICIÁRIO MEQUETREFE,ESSES MALÁCOS DEITA E ROLAM,PRIVATIZAM,SUCATEIAM TUDO,ROUBAM ATÉ Ã ALMA DOS TRABALHADORES E, FODA-SE O RESTO,AFINAL,DENTRO DO JUDICIÁRIO(?),DO PARANÁ/BRASIL,NÃO EXISTE MACHO PARA ENFIAR ESSA BANDIDÁDA NA CADEIA…,COMO DIZ O GRANDE JORNALISTA MÍNO CARTA(CARTA CAPITAL)…,É TUDO FARINHA DO MESMO SACO…,REFORMA DO JUDICIÁRIO, JÁ!!! ACORDA PARANÁ,ACORDA BRASIL!!!

  20. Será que esta moça é índia mesmo? Ela está mais para quem mora em mansão, assiste a TV de Plasma e anda de carro importado.

  21. Meu Deus. Quanta asneira.
    O bosque não pode ser vendido ou demasmatado.
    Mais um factoide Chavista. Nossa líder indígena
    deve se preocupar com as comunidades de Mangueirinha ou
    Quedas. Lá há o que fazer. Ou ela mora no seminário, como
    o blogueiro Esmael, e diz que não é burguês?