Depois de críticas, Richa suspende tarifaço de 35% na energia da Copel

Movimentos sociais, liderados pelo MST e atingidos pelas barragens da Copel, distribuíram panfletos contra o tarifaço de 35,05% de Beto Richa; severamente criticado pelos adversários Requião e Gleisi, tucano "afrouxou o sutiã" e suspendeu o reajustão para os acionistas privados.

Movimentos sociais, liderados pelo MST e atingidos pelas barragens da Copel, distribuíram panfletos contra o tarifaço de 35,05% de Beto Richa; severamente criticado pelos adversários Requião e Gleisi, tucano “afrouxou o sutiã” e suspendeu o reajustão para os acionistas privados.

O governador Beto Richa (PSDB) recuou do aumentão de 35,05% na tarifa da energia da Copel, anunciado nesta terça-feira (24), depois de severas críticas dos adversários Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB).

Pelo Facebook, agora à  noite, retroativo, o tucano disse que determinou a suspensão do reajuste.

“Determinei a suspensão do aumento de 35,05% na tarifa de energia da Copel, proposto pela Aneel e pelo governo federal”, disse Richa.

Para os consumidores residenciais (baixa tensão), o reajuste médio na tarifa anunciado era de 33,49%. Já para a indústria (alta tensão), era de 37,35%.

O governador do PSDB “afrouxou o sutiã” porque, também, movimentos sociais foram protestar contra o tarifaço em frente ao Palácio Iguaçu.

O pedido de suspensão já foi aprovado pelo Conselho de Administração da Copel e encaminhado à  Aneel.

“Vamos estudar, junto à  Copel, uma proposta de reajuste que seja justa. Do total proposto pela Aneel, apenas 1,5% se refere a custos da Copel”, despistou Beto Richa.

O novo aumento atendia interesses de sócios privados da estatal de energia que tiveram seus lucros majorados para 35% pelo governo do PSDB.

Negócios suspeitos com a Tradener, contratação desnecessária quebram Copel distribuidora. Dai vem o tarifaço do governo incompetente!, fulminou Requião.

Gleisi, de olho no Palácio Iguaçu, se disse inconformada! com tarifaço de Richa na conta de luz.

37 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Infelizmente é o fim da política correta no paraná.O que será da política sem essência, sem ética e moral? meus pesâmes

  2. Desde maio esse reajuste estava programado. O Estado do Paraná é o maior acionista da Copel e o aumento saiu sim do seu gabinete. O pedido foi de 32% a ANEEL deu 35%, mas se fazendo ou de sonso, ou de vítima ou aproveitando-se de uma manobra politiqueira da pior categoria, onde todos estão focados na Copa vc me aparece com esse aumento. #foraricha#

  3. Haja óleo de peroba. Primeiro pede o aumento, depois fala que não aprova o aumento. Pra que então fazer a ANEEL perder tempo com a análise do pedido? Pior é escutar na rádio todo esse teatrinho: “governador estuda barrar aumento proposto pelo governo federal”.

    • Sr José Oreia
      Nem foi o governo do estado, nem foi o governo federal. Trata-se de uma regulação controlada pela ANEEL que em tese é independente dos governos. A AES do Rio Grande do Sul teve um aumento autorizado acima de 30%. Tá no estado governado pelo PT. E a tarifa lá é maior que a daqui.E daí?
      Que diferença isso faz? Toda esta “M” é caudada pela falta de chuvas e acionamento das térmicas. Muito, muito mais caras. E te digo, no futuro vai piorar, pois cada vez a menos usinas hidrelétricas “com reservatórios” sendo contruídas.
      Deveriamos levatar a bandeira para baixar os impostos da conta de Luz. São 45%. É só olhas na tua conta. Ta lá. Isso os políticos não querem discutir. Não da voto.

  4. Temos que falar para o Beto Richa para ele não jogar mais futebol, pois toda vez que ele estiver no meio de campo o seu nariz estará empedido na frente. O cara mente mais que o pinóquio, fora Beto Richa, volta Requião.

  5. Estamos diante de um novo golpe de populismo pelo sr Beto Richa? No passado o Lerner usou a redução do pedágio para se reeleger. O Beto Richa baixou a tarifa de ônibus em Curitiba, quando vice,depois do seu prefeito ““ hoje seu Secretário de Estado ““ Taniguchi aumentar, durante breve licença do titular. Beto Richa se beneficiou eleitoralmente. Agora a Copel, sujeita ao poder do Governador, pede o aumento de mais de 30%, a ANEEL concede e o próprio Richa vem a público dizer que vai conversar com a Copel para não aplicar o tal aumento? Vai entender. Falta de administração e rumo no governo do estado ou má fé para com o cidadão e eleitor? Digamos não a mais esta nova mentira e tentativa de nos enrolar. E nossa resposta, infelizmente, só pode se dar nas urnas!

    • Taniguchi, Secretário Estadual do Planejamento do Beto Richa, não é aquele que não pode disputar eleição pois foi condenado por desvio de dinheiro da prefeitura de Curitiba?

  6. É brincadeira de moleque.Já estou imaginando,amanhã,na tribuna da Assembléia,aquele velhaco do Traiano dizendo:’vejam só,a Dilma, do PT,elevou as tarifas da COPEL em 35%,mas o governador Beto Richa não concordou e não vai obedecer,portanto,não vai aumentar” Quão bonzinho esse governador,em ano eleitoral,tentando desesperadamente se reeleger,enganando a população mais uma vez.Essa gente anda vai pagar caro,por tentar subestimar a inteligência de nossa população.

  7. Com o poder das redes sociais hoje em dia onde quase todo mundo está conectado, podemos mostrar a população a verdade sobre esse aumento pedido pela Copel a um tempo atrás e não deixar as pessoas serem manipulados por esse MKT do Beto Preguiça!

  8. Essa Tradener esta em todas hein. Compra barato da Copel e depois vende caro pra mesma Copel. Quem será o mentor dessas vendas? (sera o Estrela da Manhã? Ou o da Emilia Romagna? Ou os dois?)

    • Isso sem falar que o preço da energia contratada despencou de maio para cá, e a tendência com os reservatórios enchendo é que diminua ainda mais. Daí se escuta na rádio que o preço aumentou por causa da seca no sudeste. Esse povo faz jornalismo ou assessoria de imprensa pro governador?

  9. Esse pessoal que está criticando, inclusive vc esmael, precisam estudar mais o sistema energético do país, para parar de distorcer os fatos. Quem define tarifas e aumento e o regulador, no caso o governo.federal. No Paraná, por decisão de Beto Richa, quem tem até 120 kwa de consumo continua protegido. Na época do comedor de mamona era até 100 kwa. Isto dobrou o número de beneficiados.

    • O Paulo Nascimento é muito inteligente pelas suas observações. Se a Copel só necessitava de 1,5 % porque pediu aumento à Aneel de 32% ?

    • Responde pq Beto pediu aumento?

    • Caro amigo,P nascimento,graças a Deus q o comedor de mamona como vc mesmo diz, protegeu, os q consomem ate 100 kwa,isso quer dizer,q requiao deu 100 kwa de isençao e o beto 20, isso quer dizer q requiao protegeu mais os menos favorecidos , obrigado pela esplicaçao, nao precisou nem eu estudar energia, com a sua esplanaçao entendi tudo,vc me ensinou tbm um pouco de politica, agora ja sei em quem votar, em quem procura ajudar mais as pessoas,requiaooooooooooooo

      • O atual governo tem a humildade, como sempre disse em seu discurso, de reconhecer o que foi criado de bom pelos seus antecessores. Assim ocorreu com o Luz Fraterna da Copel, que até 2013 pagava a conta de energia elétrica de 127 mil famílias, com consumo mensal de até 100Kwh. O que é bom precisa ser mantido e melhorado, sem demagogia, por isso o governador Beto Richa aumentou o pagamento para o consumo de até 120Kwh. Com isso o número de famílias abrangidas pelo Luz Fraterna pulou para mais de 220 mil, e tudo dentro do cenário de diminuição da tarifa pelo governo federal, só que às custas dos Estados produtores de energia, especialmente Paraná, São Paulo e Minas Geras, todos governados pelo PSDB. Quem de fato está pagando a redução da tarifa proposta pela Dilma é o PSDB. Estes três estados tiveram perdas bilionárias de receita. Fácil fazer média com chapéu alheio, só que uma hora essa conta iria aparecer no sistema. Se de fato a Copel tivesse pedido 32%, porque autorizar 35%? Vcs estão muito longe de terem o direito de governar um Estado pujante como o Paraná.

    • FOI INICIATIVA DESTE DEPUTADO MANTER OS PROGRAMAS DO LUZ FRATERNA E TARIFA SOCIAL DA AGUA.
      A justificativa do autor da PEC, deputado Elton Welter (PT), é que os programas são bons e precisam ser mantidos, independentemente de quem estiver no governo. “É uma distribuição de renda indireta, onde o estado concede benefícios sociais por meio de pagamento de tarifas públicas diferenciadas para os menos abastados”, disse.

      http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?id=972374

  10. Imagine se ele se eleger de novo.

  11. Ritmo de festa Junina. Olha o aumento!! É mentira…

  12. Ele mesmo pediu e agora ta fingindo de santo. Fora Beto

  13. o beto é pior que aquele cara da praça é nossa “vai que cola” faz a cagada depois arrega de medo.

  14. Esse Beto não passa de um moleque mentiroso.

  15. A mesma atitude hipócrita dele, de quando vice do Taniguchi, em relação as tarifas do transporte coletivo em Curitiba. Vê se cresce Sr. Richa!

  16. Carlos Alberto, o breve, nunca leu Maquiavel que ensinou fazer o mal de uma vez e o bem aos poucos. Alguém se lembra do tarifaço do Detran? Pois é, foi no início do governo. Por pura incompetência não soube administrar as finanças do Estado e “fazer bondades aos poucos”. Merece o ostracismo!

  17. Aqui no Paraná ninguém esta interessado
    na verdade. Todos mentem e focam a eleição.
    Pobre Paraná. Sem opção.

    • Sr Cesar, por favor nos ilumine com a verdade. Quem esta sacaneando,gov federal ou esse playboizinho, para mim tanto faz porque nao votarei em nenhum deles, mas gostaria de saber a verdade.

      • Marceleza a verdade é a seguinte nua e crua. O Beto Richa solicitou o aumento e a Aneel autorizou. Portanto o Governador pediu.

      • Sra Marceleza
        A verdade é uma questão técnica. Houve falta de agua e as térmicas foram acionadas. Térmiocas são mais caras. Muita mais caras que as hidráulicas. A COPEL Dis já pagou por esta energia mais cara e não repassou ao consumidor. A ANEEL analisa estes dados e autoriza que aquilo que já foi pago pela COPEL Dis seja então repassado a tarifa. Isto representa 98,5% do aumento. Os custos internos da COPEL são apenas 1,5%. Este aumento próximo de 30% já foi aplicado na empresa AES do Rio Grande do Sul a poucos meses e ninguém falou nada(É um governo do PT). A opção que o governo do estato tem é pedir a ANEEL o chamado diferimento(e é isso que esta fazendo). O que é diferimento? É dividir o aumento necessário em varias parcelas ao longo deste ano e dos próximos. (este fato já foi feito em 2013 quando o aumento era 14,5% e só foi aplicado em torno de 9%). O fato é que em algum momento, agora ou depois, estes aumentos vão acontecer. Caso contrario as empresas quebram(não só a COPEL(não é culpa delas,de nenhuma delas, a falta de chuvas no pais)).
        O que este politicos deveriam discutir é a carga tributária na conta de Luz. Representa mais de 45%. É uma vergonha. Isso ninguém mecheu pois é a fonte de arrecadação mais segura que existe. Todos nós pagamos a nossa continha de luz no fim do mês. Esses políticos fogem deste tema pois afetariam seus caixas e suas administrações que gastam o que não tem(sem excessão).

  18. Esse atrapalhado poderia nos explicar porque pediu esse reajuste, segundo ele proprio para a COPEL so 1.5 e o resto para os socios privados, sem contar que ainda esses dias anunciaram recorde no lucro liquido da empresa.

  19. “Determinei a suspensão do aumento de 35,05% na tarifa de energia da Copel, proposto pela Aneel e pelo governo federal”. Ué, mas quem propôs o aumento afinal? Esmael, não distorça as informações, por favor.

  20. É O VELHO GOLPE DO BOI NO QUARTO APERTADO,DE NOVO TÁ TIRANDO O BOI E DA UMA DE SANTO,COISA DE MALANDRO AGULHA.