Biondi desiste da reeleição de Richa e abre crise no PSDB do Paraná

Perda de marqueteiro abre crise no PSDB do Paraná; Nelson Biondi desertou da campanha pela reeleição de Beto Richa; publicitário preferiu cuidar, exclusivamente, do projeto continuísta do governador tucano Geraldo Alckmin, de São Paulo; desistência do marqueteiro causa desarranjo operacional na propaganda eleitoral do governador paranaense e estragos de ordem econômica no entorno do ninho; moral da história, segundo Biondi: é melhor um tucano na mão que dois voando.

Perda de marqueteiro abre crise no PSDB do Paraná; Nelson Biondi desertou da campanha pela reeleição de Beto Richa; publicitário preferiu cuidar, exclusivamente, do projeto continuísta do governador tucano Geraldo Alckmin, de São Paulo; desistência do marqueteiro causa desarranjo operacional na propaganda eleitoral do governador paranaense e estragos de ordem econômica no entorno do ninho; moral da história, segundo Biondi: é melhor um tucano na mão que dois voando.

Nelson Biondi não é mais o marqueteiro oficial da campanha pela reeleição do governador do Paraná Beto Richa (PSDB). Nome preferido do tucano na propaganda do rádio e da TV desertou do projeto porque optou pela reeleição do governador Geraldo Alckmin, de São Paulo, que seria “mais segura”.

Biondi colecionou a derrota, em 2012, do ex-prefeito Luciano Ducci (PSB) na corrida pela reeleição à  Prefeitura de Curitiba. O pupilo do governador tucano sequer avançou para o segundo turno naquela peleja.

A desistência do marqueteiro abriu crise no ninho tucano paranaense, pois, além do desarranjo operacional na propaganda eleitoral de Richa, também há estragos de ordem econômica no entorno — se é que o leitor me entende.

Moral da história, segundo o marqueteiro Biondi: é melhor um tucano na mão que dois voando.

17 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Hahahaha.
    Já esta no desesperado.
    Pessoal esta sté cotando trazer de Foz o Gilmar da Itaipu para tocar o campanha do Beto.
    Petistas para bater em petista!!!
    Ou entregar o jogo.

  2. Dizem que quando o navio está fazendo água os primeiros a sair do barco são os ratos. Pois é será que o navio do Beto tá afundando? Pois os sinais já são visíveis. Os ratos tão pulando fora. E tem gente que acha o cara o bambambam…ah,ah,ah…..

  3. Tudo incomoda a equipe atrapalhada do atual Governo.
    Alias, esta equipe conquistou a maior derrota dos últimos tempos nas eleições municipais. Perdeu e desembarcou no Governo do Estado.
    Certamente vai perder as eleição para Governo. Agora, onde irão desembarcar eu desconheço.

  4. Uhhhh, que grande problema. Quase não tem marqueteiro bom no mercado.

  5. Parreiras Rodrigues, vê se toma vergonha na cara velho. Pare de lamber o saco dos DEMo-Tucanalhas e vá cuidar das suas pantufas.

  6. Tudo muito normal. Onde abertura de crise? Biondi simplesmente concluiu pelo desenvolvimento duma só campanha e pronto,

  7. Ainda esta em tempo de cair fora pessoal. Com certeza o betinho vai ter mais baixas pois a derrota esta chegando.

  8. Mais um que pulou fora do barquinho. Garoto experto. KKKKKKKK

  9. …,Á FOTO DIZ TUDO…,ESTES SÃO OS PALADÍNOS DA MORAL…, DO PARANÁ/BRASIL,OS, IN-TO-CÁ-VEIS,”GUERIDINHOS”,DO JUDICIÁRIO(?)…,QUE INVEJA DO JUDICIÁRIO DA FRANÇA…,REFORMA DO JUDICIÁRIO,JÁ!!! Á PIOR DESGRAÇA DE UM POVO,É UM POVO,SUBMÍSSO,COVARDE E,SEM CULTURA…,ACORDA PARANÁ,ACORDA BRASIL!!!

  10. O Biondi é bom, mas o PR tem excelentes profissionais. Não tem crise nenhuma.

  11. Todo bom marqueteiro sabe que produto vencido ou estragado somente compra quem é muito idiota e por isso caiu fora.

  12. o beto é produto ruim que não vai vender, é como vender pente pra careca ou cinzeiro pra moto.

    • Produto ruim!? O cara foi o prefeito mais votado de Curitiba, quase unanimidade nas urnas. Depois ganhou o estado derrubando com uma só tacada o Requião, a Gleise e o Osmar Dias que estavam juntos contra ele. O cara é tão fácil de vender como cerveja no verão.

  13. AÉCIO NO RODA VIVA. MAIS UM QUE FALA, FALA, FALA, MAS NÃO DIZ NADA DE NOVO DE VERDADE. Carreirissstaaa, igual o avô, que morreu de velho agarrado ao poder. Fala sério,30 anos se reelegendo. E vai acabar com a reeleição ? Então tá. Conte-nos então, agora, aquela do papagaio, aos “sabem de nada, inocentes”. O problema do Aécio, tb, a exemplo dos demais candidatos convencionais do partidarismo-elleitoral, velhaco e vencido, é que elles falam, falam, falam, mas não conseguem dizer nada de novo de verdade ao encontro daquilo que 70% da população está querendo, que são as mudanças de verdade: sérias, estruturais e profundas, que implicam em ruptura. Afeiçoam-se quando muito a mais dos mesmos. Ficam só girando em torno da ordinariedade das coisas e dos problemas, igual o cachorro doido girando em torno do próprio rabo sem sair do lugar comum, não conseguem ser extraordinários em nada. Ficam só no velho trololó, trololó, trololó… (sofismas, bravatas, palanquísmo vazio, 171 eleitoral…), típicos do velho continuísmo da mesmice, das velhas heranças malditas, dos quais o povo está farto há muito tempo, quer se libertar e que, agora, se não encontrar alternativa de verdade a tudo isso aí, está disposto até a votar nulo, em branco ou abster-se, ou, ao invés de votar, voltar às ruas pelo Novo de Verdade, se necessário, se este continuar cercado pelos partidos, pelo golpismo e pela mídia velhaca, pró-continuísmo da mesmice, serviçais do capital velhaco.