Sem PMDB, Palácio Iguaçu já pressiona Ratinho Jr para a vice de Richa

Ex-candidato a prefeito de Curitiba, Ratinho Júnior (PSC), está sendo pressionado pelo Palácio Iguaçu e Assembleia Legislativa para concorrer à  vice na chapa de Beto Richa; "Quem não tem cão caça com Ratinho Júnior", confidenciou ao Blog do Esmael um assessor do governador tucano, ao admitir pela primeira vez a candidatura própria no PMDB; apresentador Ratinho, que zela pelos negócios da família, reluta plano B do tucanato envolvendo seu filho; deputados torcem para eliminar a concorrência de Júnior no eleitorado popular.
Ex-candidato a prefeito de Curitiba, Ratinho Júnior (PSC), está sendo pressionado pelo Palácio Iguaçu e Assembleia Legislativa para concorrer à  vice na chapa de Beto Richa; “Quem não tem cão caça com Ratinho Júnior”, confidenciou ao Blog do Esmael um assessor do governador tucano, ao admitir pela primeira vez a candidatura própria no PMDB; apresentador Ratinho, que zela pelos negócios da família, reluta plano B do tucanato envolvendo seu filho; deputados torcem para eliminar a concorrência de Júnior no eleitorado popular.
“Quem não tem cão caça com Ratinho Júnior”, confidenciou ao Blog do Esmael um governista. Ele se referia ao plano B do Palácio Iguaçu caso o PMDB decida, na convenção estadual do próximo dia 20 de junho, pela cada vez mais provável candidatura própria ao invés da coligação com o PSDB do governador Beto Richa (PSDB).

O deputado federal Ratinho Júnior (PSC), que pretende disputar a Assembleia Legislativa este ano, pode se transformar na mais nova obsessão de Richa. Sem os peemedebistas, o ex-candidato a prefeito de Curitiba já é tido como “sonho de consumo” do tucano, que tentará a reeleição.

O Blog do Esmael registrou que no final de semana mais um deputado do PMDB, Jonas Guimarães, da região de Cianorte, no Noroeste do estado, abandonou a tese de coligação para aderir à  candidatura própria do senador Roberto Requião (clique aqui). Pelas contas feitas a estibordo e bombordo, o movimento “Volta Requião” já conquistou maioria na bancada estadual do partido.

Entretanto, Ratinho Júnior deverá relutar para aceitar a vice de Richa. Age contra essa composição seu pai, o apresentador Ratinho, que tem a incumbência de zelar pelos negócios da Rede Massa. Além de interesses locais, o apresentador-empresário também tem fortes relações comerciais nacionais. Escolher um lado na majoritária poderia colocar tudo isso em risco.

A frase do governista “quem não tem cão caça com Ratinho Júnior” é muito emblemática porque há nela uma certeza do Palácio Iguaçu, que pressiona no sentido de torná-la uma realidade concreta.

Os deputados que possuem o mesmo perfil de Ratinho igualmente lutam para tirá-lo da corrida pela Assembleia, pois, assim, imaginam, sobrariam mais votos nas camadas mais populares. Ou seja, para os parlamentares que temem a concorrência, Ratinho Júnior seria o melhor vice do mundo…

Comments are closed.