Dengue se alastra em Londrina. Culpa dos governos Kireeff e Richa que não investem em saúde ou do povo?

via Jornal de Londrina

Em apenas uma semana, número de casos de dengue confirmados em Londrina saltou de 452 para 741. A situação é crítica em diversos municípios da Região. A crescente infestação pela dengue é reflexo do baixo investimento do governo do estado e da prefeitura na saúde pública e no combate ao mosquito transmissor. Entre as medidas emergenciais, o prefeito Alexandre Kireeff (PSD) deve elevar o valor da multa(!) para quem tiver foco do mosquito em casa; ou seja: a culpa é do cidadão.

Em apenas uma semana, número de casos de dengue confirmados em Londrina saltou de 452 para 741. A situação é crítica em diversos municípios da Região. A crescente infestação pela dengue é reflexo do baixo investimento do governo do estado e da prefeitura na saúde pública e no combate ao mosquito transmissor. Entre as medidas emergenciais, o prefeito Alexandre Kireeff (PSD) deve elevar o valor da multa(!) para quem tiver foco do mosquito em casa; ou seja: a culpa é do cidadão.

Com aumento de 64% nos casos confirmados de dengue em apenas uma semana, a situação de Londrina em relação à  doença é bastante preocupante, segundo a chefe da Vigilância Epidemiológica da 17!ª Regional de Saúde (RS), Ana Paula Guimarães dos Santos. Entre 8 e 15 de maio, os casos da doença saltaram de 452 para 741. Somado a esse crescimento, ainda há uma estimativa de pelo menos mais mil casos da doença não registrados. Com isso, os casos confirmados passariam para 1.741, o que indicaria uma situação epidêmica.

Para minimizar os impactos de uma epidemia, o prefeito Alexandre Kireeff assinou ontem decreto estabelecendo estado de emergência na Saúde e alerta epidemiológico. Hoje, ele deve assinar outro decreto, elevando o valor da multa para quem tiver foco do mosquito em seu imóvel. O prefeito não adiantou de quanto será esse aumento.! 

A declaração de emergência na Saúde e o alerta epidemiológico visam dar autonomia para a secretaria de Saúde nas ações emergenciais a serem realizadas entre os dias 22 e 27 de maio. Estou dando amparo jurídico para que entrem nos imóveis mesmo sob recusa do morador, para aquisição de suprimentos emergencialmente, para flexibilização de funções de servidores da Saúde para que atuem nos mutirões, entre outras ações necessárias!, disse Kireeff.

Entre esta quinta-feira e a próxima terça-feira, a meta, diz o prefeito, é ter mil pessoas atuando nos mutirões de limpeza e na aplicação de inseticidas com os carros de fumacê. Vamos ampliar radicalmente estes mutirões.! Kireeff deve detalhar hoje o conteúdo dos decretos e as ações a serem desenvolvidas. Os indicadores apontam para uma epidemia e estas ações são para minimizar os seus impactos.!

Ana Paula Santos afirma que os números atuais de casos confirmados são apenas a ponta do iceberg!. Temos 1,5 mil pessoas notificadas que não voltaram após os seis dias estipulados para coleta de material para confirmação da doença!, diz. !Em Londrina, em média 70% das notificações são confirmadas. O que indica que destas 1,5 mil notificações, mil seriam confirmadas, colocando Londrina em uma situação epidêmica.!

A gerente da Vigilância Epidemiológica do Município, Sandra Caldeira de Melo, afirma que neste ano a situação é mais preocupante do que no ano passado – quando neste mesmo período foram confirmados 900 casos – em função do crescimento abrupto dos casos da doença. Esse comportamento, de acordo com ela, é explicado devido a demora na queda da temperatura. Estamos em meados de maio e o clima ainda não esfriou. Então, temos temperatura alta, o mosquito circula [e o número de casos aumenta] e temos os focos!, afirma. As ações neste momento têm que ser para eliminar estes focos e aplicar inseticidas,

15 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I just want to mention I’m newbie to blogging and truly enjoyed you’re blog site. Most likely I’m going to bookmark your site . You surely have remarkable articles. Kudos for sharing your website.

  2. Creio que o Problema da Dengue não dever ser Palco de Politicagem para nenhum Governo, quer seja PSDB, PMDB, PT e outros, pois essa situação atingi o BR, inclusive municípios de Pequeno Porte.

    Esse Problema esbarra nas questões Sociais que envolve INTEGRALMENTE NÓS SOCIEDADE, que não conseguimos cuidar dos nossos Terrenos. O cuidado da Dengue Começa em Casa.

  3. Culpa do Beto e dos Comissionados que ficam fazenda “cagadas” em todos os lugares.

  4. Os mosquitos agradecem!!!!!

  5. Genial o Genildo. Mais uma vez uma jogada de verde do blogueiro bate na trave.

    Mas, concordo com os que debitam a dengue, na conta do povo. E olhem as nossas calçadas enfeitadas de bitucas de cigarro, garrafas plásticas; as margens dos nossos rios, autênticas lixeiras; terrenos baldios, baldios o caraio…

  6. Culpa da justiça que mantem o mosquitão mor preso o nosso Gaieske! senão ele fazia uma limpa nas musquitas do paraná, já que é apenas a fêmea de pica e transmite a dengue!

  7. Quer mesmo saber de quem é a culpa Esmael, pois bem:
    Parte da culpa é do André Vargas, londrinense que em vez de cuidar dos interesses da terra dele preferiu cuidar dos interesses dele.
    Parte da culpa é do Gilberto de Carvalho, londrinense que em vez de ajudar Londrina prefere ajudar o MST.
    Parte da culpa é do Alberto Youssef, londrinense que em vez de não roubar dinheiro da saúde pública de Londrina preferiu pilhar o ministério da saúde.
    Parte da culpa é da Gleise, que já foi secretária de gestão pública da prefeitura de Londrina mas por birra contra o governo do PSDB boicotou as verbas federais para o Paraná.
    Parte da culpa é da presidente Dilma que libera verbas federais para a região norte e nordeste do país pois lá é seu reduto eleitoral por causa do bolsa família.
    Parte da culpa é do PT, que desvia dinheiro público como o mensalão, Pasadena, perdoa divida de países africanos e sul-americanos tidos como “parceiros”, constrói portos em Cuba…..

  8. Deixem de ser estupidos, Dengue não é culpa exclusiva de Governos, a maior parcela de Culpa é da própria população que acumula Lixo, Vasos, Garrafas, Pneus etc a céu aberto, jogam lixo em terrenos Baldios. Por favor deixem de ser calhordas e acusarem governos pela ignorância da População. As campanhas e propagandas advertem e ensinam, mas a população ignora e ai fica facil acusar outros.

  9. londrina terra da dengue e de falsos moralistas

  10. Não perde uma chance d atacar o governo hein vendido!! dengue meu amigo não é questão de investimento e sim conscientização da população, ta certo o prefeito de meter multa na em quem tem foco em casa o q custa dar uma olhada ver se não tem nada! mais o povo tem preguiça até pra isso ta certinho o prefeito tem q dar autonomia para os agentes de saúde e multar quem não quiser colaborar!

  11. Caro Esmael!

    É mais que sabido que o maior e histórico problema da dengue em qualquer localidade deste país é em primeiro lugar, “culpa” da população!

    Sugiro vc rever inumeras matérios no youtube com relação a este problema!

    Culpar exclusivamente os poderes “publicos” É MUITA BURRICE!

    Se liga!

  12. A culpa é do Governo Richa! Engraçado pensávamos que era do Requião em 2010! A doença não é sazonal é política! Quais eram os números em 2010? O Estadão nos esclarece:

    Paraná confirma 31.835 casos de dengue em 2010 http://www.estadao.com.br/noticias/geral,parana-confirma-31835-casos-de-dengue-em-2010,625664,0.htm