Por Esmael Morais

Richa: STF impõe multa de R$ 100 mil ao governo federal por descumprir liberação de empréstimo ao PR

Publicado em 03/04/2014

Governador Beto Richa resolveu arrancar a fórceps liberação de empréstimos junto ao STN; tucano, parecendo não acreditar na expedição de Romanelli, que na próxima quarta se encontrará com Arno Augustin, secretário Nacional do Tesouro, anunciou na noite desta quinta (3) decisão do STF que impõe multa diária de R$ 100 mil ao governo federal caso não libere  empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná.

Governador Beto Richa resolveu arrancar a fórceps liberação de empréstimos junto ao STN; tucano, parecendo não acreditar na expedição de Romanelli, que na próxima quarta se encontrará com Arno Augustin, secretário Nacional do Tesouro, anunciou na noite desta quinta (3) decisão do STF que impõe multa diária de R$ 100 mil ao governo federal caso não libere empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná.

O governador Beto Richa (PSDB), em seu perfil no Facebook, na noite desta quinta (3), informou que o ministro Marco Aurélio Mello, do STF, impôs multa diária de R$ 100 mil ao governo federal se não liberar empréstimo de R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná.

Pelo jeito, o tucano não acreditou muito na expedição na quarta 9 comandada pelo deputado Luiz Cláudio Romanelli (PMDB), aprovada na Assembleia Legislativa, para cobrar a libração dos recursos junto ao secretário Nacional do Tesouro, Arno Augustin (clique aqui). Richa quer arrancar o dinheiro da União a fórceps.

A seguir, a íntegra do comunicado do governador Beto Richa:

“Mais uma vez o Supremo Tribunal Federal reconheceu a discriminação que o Estado do Paraná vem sofrendo do governo federal e dos adeptos do quanto pior melhor, que buscam o poder a qualquer custo. O ministro Marco Aurélio determinou à  União a liberação dos R$ 817 milhões do Proinveste ao Paraná. Dinheiro para ser investido em todas s regiões do Estado. Caso haja o descumprimento desta decisão, o governo federal será multado diariamente em R$ 100 mil, além da responsabilização cabível considerados o campos cível e penal. O nosso governo vem trabalhando dobrado para suprir a lacuna deixada pelo governo federal em nosso Estado. Boa noite a todos!!”