Por Esmael Morais

Requião diz que já encomendou “missa de sétimo dia” para Richa

Publicado em 12/04/2014

Militantes do PMDB aclamaram o nome de Roberto Requião, em União da Vitória, neste sábado (12), como candidato ao governo do Paraná; apesar do entusiasmo dos militantes no evento, haverá convenção estadual em junho próximo para definir o nome peemedebista na corrida pelo Palácio Iguaçu; para mostrar que o projeto autônomo é um caminho sem volta no partido, senador registrou sua pré-candidatura ontem à  tarde na sede do diretório estadual; "Depois da pesquisa com delegados da convenção do PMDB, Beto Richa mandou rezar sua própria missa de sétimo dia na capela do Iguaçu", disse Requião à  plateia, que foi ao delírio.

Militantes do PMDB aclamaram o nome de Roberto Requião, em União da Vitória, neste sábado (12), como candidato ao governo do Paraná; apesar do entusiasmo dos militantes no evento, haverá convenção estadual em junho próximo para definir o nome peemedebista na corrida pelo Palácio Iguaçu; para mostrar que o projeto autônomo é um caminho sem volta no partido, senador registrou sua pré-candidatura ontem à  tarde na sede do diretório estadual; “Depois da pesquisa com delegados da convenção do PMDB, Beto Richa mandou rezar sua própria missa de sétimo dia na capela do Iguaçu”, disse Requião à  plateia, que foi ao delírio.

O senador Roberto Requião foi aclamado na manhã deste sábado (12), em União da Vitória, região Sul, como “candidato” do PMDB nas eleições de outubro durante a passagem da caravana “Volta, Requião”. Entretanto, apesar do entusiasmo dos militantes no evento pela candidatura própria, haverá convenção estadual em junho próximo.

“Depois da pesquisa com delegados da convenção do PMDB, Beto Richa mandou rezar sua própria missa de sétimo dia na capela do Iguaçu”, discursou o senador para o delírio da plateia. Requião disse que o tucano não tem mais salvação.

O evento realizado hoje na Câmara Municipal, além de união-vitorienses, também mobilizou lideranças peemedebistas da região e militantes da União da Juventude Socialista (UJS) da área do Contestado.

Ontem à  tarde, Requião registrou no diretório estadual do partido sua pré-candidatura ao governo do estado nas eleições de 5 de outubro. Segundo ele, a candidatura própria é um caminho sem volta para o PMDB.