Por unanimidade, servidores da saúde mantêm greve por tempo indeterminado; assista ao vídeo

Publicado em 2 abril, 2014
Compartilhe agora!

Por unanimidade, servidores da saúde resolveram manter greve por tempo indeterminado no Paraná; categoria que já está parada há 16 dias realizou assembleia no final da tarde de hoje (2) em Curitiba; assista ao vídeo.
Por unanimidade, servidores da saúde resolveram manter greve por tempo indeterminado no Paraná; categoria que já está parada há 16 dias realizou assembleia no final da tarde de hoje (2) em Curitiba; assista ao vídeo.
Uma assembleia com cerca de 800 servidores da saúde, que estão em greve há 16 dias, por unanimidade, decidiu nesta desta quarta (2) manter a paralisação por tempo indeterminado no Paraná. A categoria se reuniu há pouco nas dependências do Restaurante Universitário (RU) da Universidade Federal de do Paraná (UFPR), em Curitiba (assista ao vídeo abaixo).

Este blog acompanhou desde o início desta manhã a movimentação dos grevistas no Centro Cívico. O leitor pode recuperar imagens e informações na Fanpage do Blog do Esmael clicando aqui.

Inicialmente, a mesa diretora da assembleia sugeriu suspender a greve até nova rodada de negociações no próximo dia 28. No entanto, teve de recuar diante da disposição da base em continuar de braços cruzados até a pauta de reivindicação for integralmente atendida pelo governador Beto Richa (PSDB).

A categoria dos trabalhadores na saúde tem forte presença da juventude, que disse estar disposta a pagar o preço da luta.

Os grevistas reivindicam um novo plano de carreira para os servidores, reajuste de 30% na gratificação de atividade em saúde, contratação de mais funcionários, além de melhores condições de trabalho.

O Sindicato dos Trabalhadores da Saúde Pública (SindSaúde) estima que 6 mil servidores da saúde pública paranaense estejam de braços cruzados. Hospitais regionais estão funcionando com 30% dos funcionários, como determina a lei.

Assista ao vídeo com a votação na assembleia da saúde:

Compartilhe agora!

Comments are closed.