Por Esmael Morais

Conselho de à‰tica aceita processo contra André Vargas

Publicado em 29/04/2014

Antes da interrupção, uma servidora da Câmara havia sido nomeada advogada dativa para representar André Vargas, já que o parlamentar não compareceu à  reunião e também não enviou advogado para representá-lo junto ao conselho.

Com a aprovação do relatório preliminar, André Vargas terá 10 dias úteis para apresentar sua defesa escrita. O prazo começa a correr depois que o deputado for notificado. Além de uma viagem de jatinho paga pelo doleiro Alberto Youssef, há suspeitas de que Vargas teria intermediado interesses de Youssef em contratos com o Ministério da Saúde.

André Vargas pediu desfiliação do PT na sexta-feira (25), partido no qual militou por 25 anos, mas até agora seu desligamento da agremiação não foi formalizado na Câmara.