Por Esmael Morais

Coluna do Requião Filho: Governo Richa não existe. Caso de “falsos professores” retrata mundo faz de conta tucano!

Publicado em 17/04/2014

O que importa para eles é a imagem.

Querem vender novamente um produto, querem confundir o eleitor com uma imagem de algo que não existe, vão treinar e ensaiar os textos nos quais eles não acreditam, com promessas que não pretendem cumprir e vão aparecer na sua sala de televisão repetindo aquilo que a pesquisa disse que você queria ouvir.

Estarão com comissionados abanando faixas de aprovação e atores sorrindo dizendo que foram atendidos, exibirão gráficos distorcendo números e PRINCIPALMENTE arranjando desculpas para as promessas não cumpridas. Anotem, dirão que a culpa não foi deles.

Não vão mencionar os aumentos seguidos de água e luz, nem falar da privatização da saúde, muito menos do arrocho fiscal nos empresários.

As famosas pesquisas dizem que a população quer renovação, mas quer manter aquilo que já ganhou. Mostram que a Bolsa Família é bem-vinda nos rincões, mas que só isto não basta; querem mais saúde, mais educação, querem infraestrutura, esgoto, água e luz, querem asfalto.

A população cresce como povo, quer mais e melhor, aprende seus direitos e quer melhorar de vida. Não basta vir com imagens falsas e falso discurso nos quais eles não acreditam. O nosso senso crítico do serviço público torna-se cada vez mais exigente.

Todos os comissionados do mundo atacando adversários na internet e elogiando o governo de forma descarada não irão mudar nossa percepção de realidade. Queremos um Paraná de palavra, palavra dada, palavra cumprida, chega de dialogo e blábláblá.

Estado de respeito é o Estado que faz, e sustenta seus feitos. Vamos mostrar aos criadores do produto que o Paraná tem povo e não apenas financiadores de campanha. Abre o olho Paraná.

*Requião Filho é advogado, especialista em políticas públicas, escreve à s quintas no Blog do Esmael.