Por Esmael Morais

Em bate-boca, Gleisi dispara contra Richa: “Mentiroso!”

Publicado em 01/02/2014

Evento da Aprosoja, na região de Goioerê, Noroeste do Paraná, quase terminou em unhadas entre o governador Beto Richa e a ministra Gleisi Hoffmann; bate-boca começou quando o tucano, último a discursar, acusou o governo federal de barrar empréstimos ao estado; petista, em entrevista coletiva, disparou: ele é mentiroso!!; a pancadaria seguiu para o município de Umuarama, durante entrega de 600 moradias do programa Minha Casa, Minha Vida; Gleisi, a primeira a discursar, deu o troco chamando o governador do PSDB de o Rei do Pedágio! e acusando-o de quebrar o Paraná; ministra disse ainda que endividamento e Seproc proíbem empréstimos e que dinheiro tomado de terceiros não pede ser usado para pagar folha de pagamento; deputado André Vargas tentou achar explicação para o nervosismo de Richa: acho que ele sabe alguma coisa que ainda não sabemos; talvez ele esteja lendo algumas pesquisas que as deixam-no tenso!.

Evento da Aprosoja, na região de Goioerê, Noroeste do Paraná, quase terminou em unhadas entre o governador Beto Richa e a ministra Gleisi Hoffmann; bate-boca começou quando o tucano, último a discursar, acusou o governo federal de barrar empréstimos ao estado; petista, em entrevista coletiva, disparou: ele é mentiroso!!; a pancadaria seguiu para o município de Umuarama, durante entrega de 600 moradias do programa Minha Casa, Minha Vida; Gleisi, a primeira a discursar, deu o troco chamando o governador do PSDB de o Rei do Pedágio! e acusando-o de quebrar o Paraná; ministra disse ainda que endividamento e Seproc proíbem empréstimos e que dinheiro tomado de terceiros não pede ser usado para pagar folha de pagamento; deputado André Vargas tentou achar explicação para o nervosismo de Richa: acho que ele sabe alguma coisa que ainda não sabemos; talvez ele esteja lendo algumas pesquisas que as deixam-no tenso!.

Definitivamente, a campanha eleitoral já começou a partir deste sábado (1). Veja se eu tenho razão, caro leitor.

Na manhã de hoje no evento da Aprosoja, que deu a largada à  colheita de soja no município de Quarto Centenário, região Noroeste, a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann (PT), e o governador Beto Richa bateram boca em público.

O tucano aproveitou o evento para cobrar a liberação de empréstimos que estão represados na Secretaria Nacional do Tesouro. A petista não gostou do tom do governador e disparou sem dó nem piedade: “mentiroso!”.

O bate-boca entre Richa e Gleisi foi testemunhado por cerca de mil pessoas, dentre as quais pelo deputado André Vargas (PT), vice-presidente da Câmara e coordenador da campanha de da ministra.

“O Beto está transtornado, acho que é problema clínico. Ele reclamou dos empréstimos num evento nada ver. Achei que ele foi muito deselegante, por isso mereceu o corretivo da Gleisi”, analisou Vargas.

O mau-humor do tucano começou quando cerimonial do evento o chamou para mesa como senador! Beto Richa.

As comitivas de Richa e Gleisi estão agora em Umuarama, na mesma região Noroeste, onde entregam 600 casas do programa federal Minha Casa, Minha Vida. Quem também está na cidade é o senador Roberto Requião (PMDB).

Segundo informações preliminares, em Umuarama, nesta tarde, foi a vez de Gleisi tomar iniciativa e partir para cima de Richa. Ela disse que o pedágio da PR-323 está muito cara, por R$ 7,60 a cada 100 km, e afirmou que o do governo federal fez a Transboiadeira (BR-487, que liga o Mato Grosso do Sul a Ponta Grossa, no Paraná) por R$ 420 milhões sem pedágio.

Gleisi, na cara de Richa, respondeu que os endividamentos feitos pelo governador impedem que o Paraná contraia empréstimos. Ela acusou o tucano de quebrar o estado, inchar a máquina com comissionados e de querer usa dinheiro de terceiros para pagar a folha de pagamento.

André Vargas tem uma tese sobre o nervosismo de Richa: acho que ele sabe alguma coisa que ainda não sabemos; talvez ele esteja lendo algumas pesquisas que as deixam-no tenso!.