3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
76 Comentários

Governo Richa dá novo aumento de 30% a comissionados e revolta educadores no PR

Em 6 de janeiro de 2014, através do decreto 9865, na surdina, o governador Beto Richa (PSDB) autorizou o pagamento da “gratificação de encargos especiais” será paga em valor fixo, de acordo com a simbologia do cargo ou função, tendo como base a tabela vigente, acrescida de trinta por cento para os cargos de simbologia DAS!, C! ou “Função”. A traquinagem só veio a público nesta segunda-feira (3), depois que uma leva de decretos foi publicada no Diário Oficial do Estado com data retroativa.

Na prática, o reajuste 30% para os ocupantes de cargos em comissão vai na contramão do discurso da austeridade e do respeito ao limite Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) — que foi a base do argumento do governador para dizer que não teria como pagar R$ 100 milhões atrasados à  valores de avanços na carreira (progressões e promoções) em atraso há vários meses, bem como a implantação de 33% da hora-atividade nas escolas.

“Em cada escola temos educadores descontentes com o calote dado pelo governo. E aí, em um toque de mágica, o governador assina um reajuste de 30% para cargos comissionados. à‰ grande a revolta entre professores e funcionários da rede pública estadual”, desabafou Professor Paixão, diretor de Comunicação da APP-Sindicato, em sua página pessoal.

Na manhã desta segunda-feira (3), Richa foi vaiado depois de pronunciamento exibido nas 2,1 mil escolas da rede pública estadual na abertura da Semana Pedagógica. Na palestra à  distância, o tucano atribuiu o calote do governo estadual nos educadores e o descumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal, o que implica no não pagamento de R$ 100 milhões devidos à  categoria, à  falta de repasses de verbas federais (clique aqui para relembrar).

Já pela tarde de hoje, na Assembleia Legislativa, foi a vez do vice-governador e secretário Educação, Flávio Arns (PSDB) ser alvo de vaias. Ele fazia o balanço dos três anos de gestão do governo do PSDB. As estridentes manifestações contrárias das galerias, formadas por funcionários públicos, o impediu de prosseguir a leitura do discurso (clique aqui para ouvir o áudio).

Richa privilegia comissionados

Pelo histórico, o governador prefere os servidores de confiança aos de carreira do estado. Em outubro de 2011, o tucano concedeu aumento de até 128% a esses funcionários que não precisam de concurso para ingressar na máquina pública. Em contrapartida, na época, os professores tiveram apenas reajustes em duas parcelas de 2,83% (clique aqui para relembrar).

Além desse aumentão para os cargos de livre nomeação, Richa também inchou a máquina autorizando 140 novas nomeações no final de 2012 (clique aqui) e pelo menos outros 30 na Sanepar (clique aqui).

Em outubro do ano passado, depois de ultrapassar o limite da LRF, Richa anunciou extinção de dois mil cargos em comissão (clique aqui para relembrar), mas, pelo jeito, continua tudo como dante Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
49 Comentários

No Congresso, Vargas cerra punhos em provocação a Barbosa; veja as imagens

Deputado André Vargas (PT-PR), vice-presidente da Câmara, na tarde desta segunda (3), cerrou os punhos várias vezes, repetindo o gesto de José Genoino e José Dirceu, condenados no mensalão, em provocação ao ministro Joaquim Barbosa, presidente do STF, algoz dos petistas; Barbosa, que participava da abertura da sessão legislativa de 2014, ficou o tempo todo de cabeça baixa no ensaio fotográfico! do parlamentar paranaense, que, no processo de julgamento e definição das penas dos réus na AP 470, chegou defender o impeachment do magistrado; veja as imagens.

Deputado André Vargas (PT-PR), vice-presidente da Câmara, na tarde desta segunda (3), cerrou os punhos várias vezes, repetindo o gesto de José Genoino e José Dirceu, condenados no mensalão, em provocação ao ministro Joaquim Barbosa, presidente do STF, algoz dos petistas; Barbosa, que participava da abertura da sessão legislativa de 2014, ficou o tempo todo de cabeça baixa no ensaio fotográfico! do parlamentar paranaense, que, no processo de julgamento e definição das penas dos réus na AP 470, chegou defender o impeachment do magistrado; veja as imagens.

O deputado federal André Vargas (PT-PR), vice-presidente da Câmara, cerrou os punhos em ato de provocação ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, e em solidariedade aos petistas condenados no processo do mensalão — José Genoino, Delúbio Soares e José Dirceu. ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
25 Comentários

Aécio toma as dores de Richa: perseguição ao Paraná é injustificável!

do Brasil 247O senador e pré-candidato do PSDB à  Presidência da República, Aécio Neves, criticou nesta segunda-feira 3 o que considera uma “discriminação desrespeitosa para com a população do Paraná”. O tucano falava sobre as “dificuldades crescentes” que o Paraná tem, “diferente de outros estados, na obtenção de recursos, que não são da União, não são de um partido político”.

“à‰ inexplicável, injustificável que haja perseguição a qualquer estado da Federação, quanto mais um estado da importância do Paraná, da tradição do Paraná”, afirmou Aécio Neves em coletiva de imprensa. O senador participou hoje do Show Rural Coopavel, na cidade de Cascavel, ao lado do governador Beto Richa (PSDB). Foi a primeira entrevista coletiva e a primeira viagem do presidenciável em 2014.

“à‰ obrigação do governo federal compartilhar investimentos com estados e municípios. à‰ quase um crime você punir um determinado estado por causa de uma opção política”, continuou Aécio. “Mas a força do governador Beto Richa, o nosso apoio no Congresso vai ser permanente para que possamos por fim a essa discriminação desrespeitosa com a população do Paraná. Porque ao punirem o governador não o punem pessoalmente, punem a população do estado”, acrescentou.

As declarações de Aécio rebateram a fala feita no fim de semana por Gleisi Hoffmann, que deixou hoje o ministério da Casa Civil para se dedicar à  campanha ao governo do Paraná. Depois de Richa ter acusado o governo federal de barrar empréstimos ao estado, Gleisi chamou o governador de “mentiroso” em entrevista coletiva. O confronto continuou no município de Umuarama, onde num evento, a ministra voltou a atacar o tucano, quem chamou de “Rei do Pedágio” e o acusou de quebrar o estado (clique aqui e aqui para relembrar).

“Não fosse agronegócio, economia estaria pior”, diz Aécio

Ainda na coletiva, Aécio ressaltou a importância do agronegócio para a economia do País. “A nossa presença aqui é para dizer que não apenas respeitamos o agronegócio e o produtor rural, nós queremos muito mais do que isso. Queremos um governo que efetivamente seja parceiro do agronegócio, um Ministério da Agricultura que recupere sua capacidade de influenciar e de ajudar a conduzir a política econômica do Brasil e deixe de ser apenas um espaço para atendimento de demandas político-partidárias”, afirmou o presidenciável.

O parlamentar lembrou que “vamos ter uma safra recorde esse ano”, mas que, infelizmente, “parte dela mais uma vez se perderá pela ausência de armazenamento, fruto da incapacidade do governo planejar e investir”. Aécio lembrou ainda que “precisamos ter um seguro safra que garanta e estimule o produtor rural, mas precisamos ter também preços mínimos que sejam efetivamente honrados pelo governo”.

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
17 Comentários

Vice-governador Flávio Arns é vaiado na abertura dos trabalhos da Assembleia; ouça o áudio

Vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns, do PSDB, também foi alvo de apupos nesta segunda-feira; ele recebeu várias vaias durante balanço de governo na abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa; hoje pela, nas 2,1 mil escolas da rede pública, governador Beto Richa já havia sido vaiado à  distância pelos educadores que se revoltaram com seu pronunciamento em vídeo; ouça o áudio com as vaias a Arns.

Vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns, do PSDB, também foi alvo de apupos nesta segunda-feira; ele recebeu várias vaias durante balanço de governo na abertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa; hoje pela, nas 2,1 mil escolas da rede pública, governador Beto Richa já havia sido vaiado à  distância pelos educadores que se revoltaram com seu pronunciamento em vídeo; ouça o áudio com as vaias a Arns.

Não foi somente o governador Beto Richa (PSDB) que recebeu vaias nesta segunda-feira (3). O vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns (PSDB), também mereceu vários apupos na abertura da sessão de instalação dos trabalhos de 2014 na Assembleia Legislativa do Paraná. ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
6 Comentários

Em nota, governo do Paraná desmente Gazeta do Povo e jura que nunca espionou ninguém

O governo Beto Richa (PSDB) publicou uma nota de esclarecimento, nesta segunda-feira (3), esclarecendo que ” Não houve qualquer invasão de caixas postais de contas de e-mail”, conforme denúncia publicado na edição de ontem (2) no jornal Gazeta do Povo — e repercutida aqui neste espaço (clique aqui para relembrar).

Na reportagem de ontem, o jornal afirma que contas de e-mail Expresso Livre Mail!, controlada pela Companhia de Tecnologia da Informação do Paraná (Celepar), estão sendo monitorada há muito tempo. Agentes do Gaeco (Grupo de Combate ao Crime Organizado), da receita estadual e policiais civis e militares teriam sido vítimas da espionagem.

“Até a presente data não há registro oficial de qualquer reclamação de invasão de caixas postais por usuários do Expresso”, diz um trecho da nota.

A seguir, leia a íntegra do desmentido do governo do Paraná:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A CELEPAR, tendo em vista informações veiculadas pela imprensa e em respeito ao Governo do Estado e à  sociedade paranaense, para os quais presta relevantes serviços há 49 anos, esclarece:

1. Não houve qualquer invasão de caixas postais de contas de e-mail utilizando-se da conta Administrador Expresso SESP!. O fato está comprovado por análise técnica de registros históricos de acesso à s contas, realizada no dia 2/2/2014, por técnicos da CELEPAR, acompanhados por representantes da área de Segurança Pública do Estado;

2. Até a presente data não há registro oficial de qualquer reclamação de invasão de caixas postais por usuários do Expresso;

3. Não existe Usuário Secreto!. A conta de e-mail mencionada pela imprensa é de Administração do Sistema de e-mails Expresso e está em uso desde 2004. Sua finalidade é de gestão do serviço;

4. A habilitação da funcionalidade de compartilhamento das contas da SESP com o usuário Administrador Expresso SESP! ocorreu numa operação de manutenção do sistema, em junho de 2013. A situação era visível aos usuários, podendo ser eliminada individualmente a qualquer momento pelo detentor da conta e não gerou qualquer invasão à s caixas postais, compro Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
48 Comentários

Requião volta dizer que vence no 1!º turno as eleições no Paraná

Roberto Requião, em entrevista a este blogueiro, nesta segunda-feira (3), revelou números inéditos sobre a disputa pelo Palácio Iguaçu; senador acredita que as pesquisas lhe sorriem e acha que ganha pela quarta vez o Palácio Iguaçu já no primeiro turno; Eles [Gleisi e Richa] são a mesma coisa. A fonte de financiamento de ambos é a mesma, por isso o desespero e a baixaria neste final de semana!, criticou Requião; o peemedebista disse que representa algo diferente do neoliberalismo, da privatização, proposto pela petista e pelo tucano!.

Roberto Requião, em entrevista a este blogueiro, nesta segunda-feira (3), revelou números inéditos sobre a disputa pelo Palácio Iguaçu; senador acredita que as pesquisas lhe sorriem e acha que ganha pela quarta vez o Palácio Iguaçu já no primeiro turno; Eles [Gleisi e Richa] são a mesma coisa. A fonte de financiamento de ambos é a mesma, por isso o desespero e a baixaria neste final de semana!, criticou Requião; o peemedebista disse que representa algo diferente do neoliberalismo, da privatização, proposto pela petista e pelo tucano!.

O senador Roberto Requião (PMDB), em entrevista ao blog, nesta segunda-feira (3), afirmou ter convicção de que vence a disputa pelo governo do Paraná já no primeiro turno. ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
4 Comentários

Governo Richa prevê dificuldades na volta do recesso na Assembleia do PR

Eleições de 2014 deverão esquentar debates na Assembleia Legislativa do Paraná, que retoma atividades nesta segunda (3); líder do governo Beto Richa, deputado Ademar Traiano, prevê maior dificuldade, mas se diz preparado para o embate no parlamento; neste final de semana, os três principais pré-candidatos ao Palácio Iguaçu -- Richa, Gleisi e Requião -- percorreram a mesma região Noroeste; deu no que deu: houve pancadaria! entre petista e tucano; peemedebista agiu como "bombeiro" no entrevero.

Eleições de 2014 deverão esquentar debates na Assembleia Legislativa do Paraná, que retoma atividades nesta segunda (3); líder do governo Beto Richa, deputado Ademar Traiano, prevê maior dificuldade, mas se diz preparado para o embate no parlamento; neste final de semana, os três principais pré-candidatos ao Palácio Iguaçu — Richa, Gleisi e Requião — percorreram a mesma região Noroeste; deu no que deu: houve pancadaria! entre petista e tucano; peemedebista agiu como “bombeiro” no entrevero.

O líder do governo Beto Richa (PSDB), na Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano (PSDB), afirmou que está “afiando as facas” para o retorno do recesso na tarde desta segunda-feira (3). ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
3 Comentários

Foz vai ganhar novo jornal diário

Fui convidado a opinar sobre layout de novo jornal diário de Foz do Iguaçu; gostei do projeto gráfico; grupo de empresários da tríplice fronteira estuda lançar O Dia! com tiragem inicial de 20 mil exemplares em parque gráfico próprio.

Fui convidado a opinar sobre layout de novo jornal diário de Foz do Iguaçu; gostei do projeto gráfico; grupo de empresários da tríplice fronteira estuda lançar O Dia! com tiragem inicial de 20 mil exemplares em parque gráfico próprio.

Vi e com agrado a iniciativa impressa de um novo jornal diário para Foz do Iguaçu. à‰ ainda um layout, mas muito bom de pegar e ler. O projeto é ousado e bancado por 30 empresários da região. Segundo apurei eles querem um jornal independente, longe das pendengas políticas.  ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
71 Comentários

Semana Pedagógica: Richa é vaiado ao culpar governo federal pela falta de recursos na educação; assista

Professores e funcionários inciam ano letivo com protesto contra governo do PR

Início do ano letivo de 2014 começa muito tenso nas escolas da rede pública do Paraná; governador Beto Richa foi vaiado hoje, em Pato Branco, região Sudoeste, durante abertura da Semana Pedagógica; apupo ocorre quando uma escola exibiu vídeo em que o tucano fala das "conquistas" do magistério em seu governo; educadores ficaram revoltados quando o tucano disse que não tem como cumprir a Lei do Piso porque a Lei de Responsabilidade Fiscal, ou seja, não vai honrar os R$ 100 milhões em dívida nem implantar os 33% de hora-atividade; Richa culpou o governo federal pela falta de repasse de verbas à  educação.

Início do ano letivo de 2014 começa muito tenso nas escolas da rede pública do Paraná; governador Beto Richa foi vaiado hoje, em Pato Branco, região Sudoeste, durante abertura da Semana Pedagógica; apupo ocorre quando uma escola exibiu vídeo em que o tucano fala das “conquistas” do magistério em seu governo; educadores ficaram revoltados quando o tucano disse que não tem como cumprir a Lei do Piso porque a Lei de Responsabilidade Fiscal, ou seja, não vai honrar os R$ 100 milhões em dívida nem implantar os 33% de hora-atividade; Richa culpou o governo federal pela falta de repasse de verbas à  educação.

O governador Beto Richa (PSDB) começou esta segunda-feira (3) com o pé esquerdo. Ele foi vaiado na maioria das 2,1 mil escolas da rede pública do Paraná quando foi exibido um vídeo com seu pronunciamento aos cerca de 80 mil professores e 20 mil funcionários que participam da Semana Pedagógica, que vai de hoje até sexta-feira (7). A atividade precede ao início do ano letivo na semana que vem para de 2,2 milhões de alunos matriculados. ... 

Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
13 Comentários

Alstom reconhece propina em usina do governo FHC

do Brasil 247
Um dos pivôs dos escândalos de suborno de governos tucanos em São Paulo, a Alstom reconheceu também ter pago uma comissão, em janeiro de 1999, para vender equipamentos para a hidrelétrica de Itá, em Santa Catarina. O valor correspondia a R$ 1,6 milhão (em valores de hoje, R$ 6 milhões). A revelação consta em documentos de uma auditoria interna, publicados pela Folha de S. Paulo.

A hidrelétrica de Itá foi um dos projetos do programa de privatização no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

Em 1995, a Eletrobras assinou a concessão para o consórcio AAI (Associação de Autoprodutores Independente), formado pela CSN (Companhia Siderúrgica Nacional), OPP Petroquímica e OPP Polietilenos (empresas do grupo Odebrechet) e a Companhia de Cimento Itambé.

Segundo fontes ouvidas pela Folha, a Eletrobras e a Eletrosul eram as empresas que tinham relações com a Alstom porque a multinacional é uma tradicional fornecedora do setor elétrico.

Em São Paulo, segundo depoimento à  Justiça do ex-diretor comercial da multinacional, o engenheiro francês André Botto, a direção da Alstom na França autorizou o pagamento de propina de 15% sobre um contrato de US$ 45,7 milhões (R$ 52 milhões à  época) para fechar um negócio com uma estatal paulista em 1998.

O esquema resultou no contrato com a EPTE (Empresa Paulista de Transmissão de Energia) e a Eletropaulo para a venda de equipamentos para três subestações de energia.

O documento também menciona propina à  Secretaria de Energia e à s diretorias administrativa, financeira e técnica da EPTE. Na época, a pasta era comandada por Andrea Matarazzo – hoje vereador em São Paulo pelo PSDB, que arrecadou US$ 3 milhões para a própria re Leia mais

3 de fevereiro de 2014
por Esmael Morais
36 Comentários

Coluna do Marcelo Araújo: A ilegal indústria da multa de Gustavo Fruet!

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda, acusa o prefeito Gustavo Fruet (PDT) de cometer ilegalidade para garantir arrecadação através da indústria da multa em Curitiba; colunista relata que um único caminhoneiro recebeu dezenas de notificações da prefeitura, que "está sedenta por arrecadar"; advogado especialista em multa e trânsito classifica gestores municipais como "incompetentes", além de desconhecedores da legislação vigente; "Parece que a

Marcelo Araújo, em sua coluna desta segunda, acusa o prefeito Gustavo Fruet (PDT) de cometer ilegalidade para garantir arrecadação através da indústria da multa em Curitiba; colunista relata que um único caminhoneiro recebeu dezenas de notificações da prefeitura, que “está sedenta por arrecadar”; advogado especialista em multa e trânsito classifica gestores municipais como “incompetentes”, além de desconhecedores da legislação vigente; “Parece que a “barrigada” com as 60 mil multas irregulares na tentativa de fraude ainda não serviram de lição!, comparou; leia o texto.

por Marcelo Araújo* ... 

Leia mais

Esmael Morais 2009-2018. O Blog do Esmael é liberto das excludentes convenções mercantis Copyright ©. O site não cobra pelos direitos autorais, portanto, pode e deve ser reproduzido no todo ou em parte, além de ser liberado para distribuição desde que preservado seu conteúdo e o nome do autor. | A política como ela é em tempo real.

Topo