A estranha ausência de Gleisi Hoffmann

Sem a presença da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, pré-candidata do PT ao Palácio Iguaçu, o Ministério do Esporte anunciou ontem, em Brasília, a lista de 14 municípios paranaenses que serão beneficiados com a construção de 15 Centros de Iniciação ao Esporte (CIE).

A solenidade, que aconteceu no Auditório do DNIT, contou com as presenças dos ministros do Esporte, Aldo Rebelo, e do Planejamento, Miriam Belchior, além de prefeitos de todo o país.

Cada CIE pode custar até R$ 3 milhões, segundo Ricardo Gomyde, diretor de Futebol do Ministério do Esporte, que aproveitou para ele mesmo indicar os municípios paranaenses que receberão o benefício: Curitiba (duas unidades, uma no Tatuquara e outra no Cajuru), Apucarana, Arapongas, Cascavel, Foz do Iguaçu, Guarapuava, Londrina, Maringá, Paranaguá, Pinhais, Ponta Grossa, São José dos Pinhais, Toledo e Umuarama receberão uma unidade cada.

Gomyde é candidato e não esconde isso de ninguém. Gleisi também se diz no PT pré-candidata, mas esconde de todos.

Não é segredo que a frente política trabalha com a hipótese de a ministra “pipocar” e não disputar o governo do Paraná contra Beto Richa (PSDB). Até mesmo os petistas ouvidos por este blog desconfiam dessa possibilidade.

Uma das alternativas para o palanque de Dilma Rousseff no estado, de acordo com dirigentes do PT, seria o senador Roberto Requião que cada vez mais consolida sua condição de candidato no PMDB. Em uma eventual composição, caberia aos petistas indicar o vice-governador. Dois nomes despontam nessa lista: Luizão Goulart, prefeito de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, e o deputado André Vargas.

Vargas acredita que Gleisi sairá candidata, apesar das especulações, mas, caso não saia hipótese que considera remota, ele disse que seria candidato ao Senado.

Luizão, cuja aprovação de sua gestão bate a casa dos 95%, não foi encontrado para comentar a lembrança para ocupar a vice de Requião, entretanto, vale ressaltar, agindo como candidato fosse, esteve presente no evento que distribuiu ao Paraná os 15 Centros de Iniciação ao Esporte, incluídos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

Estranhamente, Gleisi não compareceu.

Comments are closed.