“Fruet prometeu, agora tem que cumprir com educadores”, cobram duccistas

Publicado em 26 novembro, 2013
Compartilhe agora!

Na campanha de 2012, candidatos a prefeito, inclusive Fruet, assinaram compromisso com educadores; quando precisava de votos, pedetista prometeu reformular o plano de carreira dos educadores da educação infantil, equiparando-o aos dos professores, com os mesmos direitos, incluindo aposentadoria especial; grevistas cruzaram os braços para cobrar a fatura; daí, Fruet, vai cumprir a promessa assinada com os educadores?
Na campanha de 2012, candidatos a prefeito, inclusive Fruet, assinaram compromisso com educadores; quando precisava de votos, pedetista prometeu reformular o plano de carreira dos educadores da educação infantil, equiparando-o aos dos professores, com os mesmos direitos, incluindo aposentadoria especial; grevistas cruzaram os braços para cobrar a fatura; daí, Fruet, vai cumprir a promessa assinada com os educadores?
Correligionários do ex-prefeito Luciano Ducci (PSB) dizem assistir de camarote greve geral dos educadores municipais de Curitiba, iniciada hoje, reivindicando isonomia salarial com o magistério.

Fruet assinou todos os documentos e cartas de compromissos com sindicatos, associações, entidades, durante a campanha eleitoral de 2012 (clique aqui para relembrar).

A vice-prefeita Mirian Gonçalves, do PT, subiu ao caminhão de som para sugerir formação de comissão de negociação; assembleia de educadores, no final desta tarde, decidiu pela continuidade da greve.
A vice-prefeita Mirian Gonçalves, do PT, subiu ao caminhão de som para sugerir formação de comissão de negociação; assembleia de educadores, no final desta tarde, decidiu pela continuidade da greve.
“Na hora da colheita dos votos valia tudo”, alfinetam duccistas, lembrando que o ex-prefeito se recusou a fazer “pacto com a demagogia” visando apenas buscar votos.

“Fruet dizia que não precisava registrar proposta no cartório porque estava dando a palavra dele de atender a pauta de reivindicações. Agora é hora da cobrança da fatura, começando pelos educadores”, cobram as viúvas de Ducci.

Daí, Fruet, vai cumprir a promessa assinada com os educadores? Sim ou não?

Compartilhe agora!

Comments are closed.