Richa quer comissionados do governo agindo como “trolls” nas redes sociais

Publicado em 1 setembro, 2013
Compartilhe agora!

Em reunião com servidores comissionados, no sábado, Richa pediu para que todos entrem no Facebook e no Twitter para fazer o combate político virtual nas redes sociais; na prática, o tucano quer criar um exército de "trolls" visando uma guerra cibernética nas eleições de 2014.
Em reunião com servidores comissionados, no sábado, Richa pediu para que todos entrem no Facebook e no Twitter para fazer o combate político virtual nas redes sociais; na prática, o tucano quer criar um exército de “trolls” visando uma guerra cibernética nas eleições de 2014.
O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), reuniu-se ontem (31), em Curitiba, com o primeiro e segundo escalões para pedir aos comissionados — cerca de 5 mil servidores — ingressem nas redes sociais para fazer o combate político virtual nas redes sociais.

Na prática, o tucano quer criar um exército de “trolls” visando uma guerra cibernética nas eleições de 2014.

No linguajar da Internet, “troll” é a definição aos que fazem uso de redes sociais para alterar o ambiente de paz, com postagens que promovem discórdias entre os membros. Geralmente, o “troll” dissemina ódio e utiliza nomes fakes (falsos) para não ser identificado.

O governador Beto Richa aproveitou o encontro, realizado no Clube da Urca, para avisar que haverá mudanças no secretariado como havia adiantado este blog na manhã de sexta (30).

Compartilhe agora!

Comments are closed.