CPI do Pedágio acredita que Lerner vá depor amanhã. E você, o que acha disso?

Compartilhe agora!

Nelson Luersen, presidente da CPI do Pedágio, acredita que Jaime Lerner vai comparecer amanhã para depor na Assembleia sobre contratos com as concessionárias nas rodovias paranaenses; boa parte da frente política não acredita que o pai do pedágio! dará o ar da graça na comissão de investigação; e você, acredita que ex-governador sentará na cadeira da CPI?; opine.
Nelson Luersen, presidente da CPI do Pedágio, acredita que Jaime Lerner vai comparecer amanhã para depor na Assembleia sobre contratos com as concessionárias nas rodovias paranaenses; boa parte da frente política não acredita que o pai do pedágio! dará o ar da graça na comissão de investigação; e você, acredita que ex-governador sentará na cadeira da CPI?; opine.
O presidente da CPI do Pedágio, Nelson Luersen (PDT), acredita que o ex-governador Jaime Lerner comparecerá amanhã, dia 1!º, à s 9 horas, para depor na Assembleia Legislativa do Paraná sobre os contratos de concessão das rodovias paranaenses.

O parlamentar reconheceu que até o início da tarde de hoje “Lerner não havia confirmado oficialmente sua presença na Reunião Ordinária, mas ele é aguardado para falar sobre os motivos que o levaram a elaborar o Programa Estadual de Concessão de Rodovias e a cortar o valor da tarifa em 50% nas vésperas das eleições”.

“à‰ importante que o ex-governador nos apresente os motivos pelos quais resolveu reduzir unilateralmente a tarifa do pedágio, mesmo depois de estudos realizados e de licitação feita com preços estabelecidos pelo Estado. Foi esta redução que possibilitou toda a controvérsia judicial que hoje vivemos. Precisamos deixar tudo isto transparente para o povo do Paraná”, declarou Luersen.

Jaime Lerner é considerado o pai do pedágio no Paraná, por isso sua presença na CPI tem relevância técnica e política.

Também está previsto para ser ouvido o presidente da Federação dos Transportes de Cargas do Paraná (Fetranspar), Sérgio Malucelli.

Compartilhe agora!

Comments are closed.