Campanha de trânsito de Gustavo Fruet vira bate-boca em Curitiba

Compartilhe agora!

Ex-secretário Municipal de Trânsito, Marcelo Araújo, especial para o blog, analisa nova campanha milionário de Fruet: "inócua, sem efeito prático", diz ele; opinião do advogado gerou ontem, na Câmara, bate-boca com a atual titular da pasta, Luiza Simonelli, que sapecou: "ele entende é de multa"; Araújo levou na esportiva: "Sim, de multas eu entendo mesmo, por isso eu posso opinar como ninguém"; assista à  nova propaganda e dê a sua opinião; afinal, a campanha com
Ex-secretário Municipal de Trânsito, Marcelo Araújo, especial para o blog, analisa nova campanha milionário de Fruet: “inócua, sem efeito prático”, diz ele; opinião do advogado gerou ontem, na Câmara, bate-boca com a atual titular da pasta, Luiza Simonelli, que sapecou: “ele entende é de multa”; Araújo levou na esportiva: “Sim, de multas eu entendo mesmo, por isso eu posso opinar como ninguém”; assista à  nova propaganda e dê a sua opinião; afinal, a campanha com “Vovó Gertrudes” pode ou não resolver alguma coisa no caótico trânsito de Curitiba?
O que era para ser uma campanha educativa direcionada aos motoristas curitibanos acabou virando um verdadeiro bate-boca no trânsito. “Vovó Gertrudes”, personagem da atriz Regina Vogue, está consumindo cerca de R$ 2,5 milhões da prefeitura da capital paranaense em publicidade.

“O problema é que esse dinheiro está sendo jogado fora porque a campanha é inócua e com várias falhas técnicas”, diz o advogado Marcelo Araújo, ex-secretário Municipal de Trânsito e colunista deste blog.

A atual secretária do Trânsito, Luiza Simonelli, durante audiência pública para debater Educação e Pacificação do Trânsito em Curitiba!, realizada ontem à  tarde na Câmara de Vereadores, preferiu bater boca com Marcelo Araújo.

“Ele entende de multas”, disse a secretária do prefeito Gustavo Fruet (PDT). Por sua vez, bem-humorado, Marcelo Araújo ironizou: “Sim, de multas eu entendo, por isso eu posso opinar como ninguém”.

Em sua coluna semanal neste blog, Araújo tem apontado a “ineficiência” da campanha humorística sobre trânsito. Para ele, que é especialista no assunto, “é preciso choque de realidade para uma campanha sensibilizar seu público-alvo. Não basta, apenas, ser divertida”, alerta.

O ex-secretário aproveitou para criticar a nova peça publicitária da prefeitura (assista ao vídeo abaixo):

Especial para este blog, Marcelo Araújo faz uma nova análise técnica dessa propaganda de Fruet. Confira:

Sem dúvida que a Vovó Gertrudes vai fazer história, e a melhor maneira de internalizar as mensagens educativas é assistir várias vezes. Além da educação para o trânsito, as mensagens também podem ser usadas em salas de aula nos momentos de lazer para ver quem encontra mais…digamos…detalhes, senão vejamos:

– Caso fosse ano eleitoral já haveria um problema com a placa dos carros utilizados na campanha, tanto do Corolla igual aos usados pelos Secretários (PMC-2013) e o Honda (PMC-2103) a Justiça Eleitoral com base na Lei 9504/97 poderia entender que se trata de uma promoção da Prefeitura Municipal de Curitiba !“ 2013!!!, o que sabemos que é mera coincidência pois seria irregularidade da Lei 9303/97 (Código de Trânsito) usar placas falsas ou adulteradas.

– No início da filmagem a jovem de costas tenta roubar a cena da Vovó, e ao final da cena a mesma jovem aparece de costas já sem sua blusa de lã. Será sua netinha?

– Não dá pra entender se é o motorista do Corolla que pára na faixa ou se ele na verdade evita o atropelamento da Vovó que nesse momento (22 segs) o semáforo de pedestres está fechado para a Vovó. Nessa mesma fração de segundos é de se questionar se a Vovó deveria fazer aquele malabarismo que pode prejudicar as juntas ou deveria chamar a agente de trânsito que está de costas. A mesma jovem do início também olha a Vovó poderia ter chamado a agente que estava ao seu lado, só não se sabe se para autuar o motorista ou evitar que a Vovó passe no vermelho.

– Ao final não se sabe o que chama mais a atenção, ou deveria chamar a atenção da Vovó, se a moça atravessando fora da faixa ou o Fócus preto que se encontrava estacionado no local proibido junto à  já desgastada mas ainda visível faixa amarela junto ao bordo, enquanto a jovem do início passa sem sua blusa.

A série da Vovó Gertrudes está realmente excelente, divertidíssima!!!

Compartilhe agora!

Comments are closed.