Por Esmael Morais

Colombo (PR), sob o jugo do PSDB, pode se transformar hoje na capital nacional dos banguelas

Publicado em 09/07/2013

Dentistas ameaçam prefeita tucana Beti Pavin: "se lei revogando isonomia com médicos for revogada, vamos embora para Cuba".

Dentistas ameaçam prefeita tucana Beti Pavin: “se lei revogando isonomia com médicos for revogada, vamos embora para Cuba”.

O município de Colombo, na região metropolitana de Curitiba, depois de ganhar destaque nacional como o mais nepotista do país (clique aqui para relembrar), agora quer mais um título inédito: luta para sagrar-se como capital nacional dos banguelas.

Veja essa situação, caro leitor. Cerca de 50 dentistas podem pedir demissão em massa do quadro de funcionários da prefeitura de Colombo. Os “médicos da boca” ameaçam ir para Cuba, onde julgam ser mais bem valorizados que na administração do PSDB.

A prefeita Beti Pavin (PSDB) enviou para Câmara de vereadores projeto de lei de n!º 03/2013 revogando a Lei n!º. 1253, de 04 de abril de 2012, que garante isonomia entre médicos e dentistas.

A dentista Daniela Santos Rodrigues disse ao blog que o salário inicial para carreira de dentista é de R$ 2.090,00 e de médico cerca de R$ 2.500,00, no município, ambos os cargos com jornada de 20 horas, mas, segundo ela, não é a diferença salarial que faz os odontólogos se mobilizarem.

Estamos lutando pela valorização da categoria e essa equiparação sintetiza isso!, explica a dentista, que alerta: “Se os vereadores votarem a revogação da Lei da isonomia estarão cometendo uma ilegalidade sem precedentes”.

A votação do título “Capital dos Banguelas” será hoje, à s 16 horas, na Câmara de vereadores de Colombo.