Sérgio Souza relata PEC que acaba com voto secreto de deputados e senadores

Sérgio Souza, que não gosta de fazer muito barulho, relata no Senado PEC que extingue voto secreto na Câmara e no Senado; para o parlamentar, não há sentido em ocultar o voto nas sessões do Congresso Nacional.

Sérgio Souza, que não gosta de fazer muito barulho, relata no Senado PEC que extingue voto secreto na Câmara e no Senado; para o parlamentar, não há sentido em ocultar o voto nas sessões do Congresso Nacional.

O senador Sérgio Souza (PMDB-PR), aquele que não faz barulho, é relator da Proposta de Emenda à  Constituição (PEC) n!º 20/2013 que põe fim ao voto secreto do parlamentar na Câmara e no Senado. A proposta é de autoria do senador Paulo Paim (PT-RS), que altera os artigos 52, 55 e 66 da Constituição Federal para estabelecer o voto aberto, fulminando com o voto oculto.

A PEC tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado e terá parecer favorável do senador, tão logo seja incluída na pauta de votações. Se for aprovada, ela será votada pelo plenário do Senado e depois seguirá para a Câmara dos Deputados.

Não há sentido em ocultar o voto do parlamentar nas sessões da Câmara dos Deputados, do Senado e do Congresso Nacional. A população precisa tomar conhecimento de como votou o político que ele ajudou a eleger. Nada mais justo que este cidadão possa fiscalizar suas ações e posturas através do voto aberto!, afirmou Sérgio Souza.

Hoje, a Constituição Federal prevê voto secreto nos casos de aprovação de chefes de missão diplomática de caráter permanente; exoneração, de ofício, do Procurador-Geral da República antes do término do seu mandato; a perda de mandato do parlamentar; e derrubada de veto presidencial.

6 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. os parlamentares tão tirando a roupa e ficando de quatro para imprensa.se os parlamentares votarem aberto eu tambem quero.quero manifestar na secção de votação o meu voto e o meu candidato. então quando o juri for condenar uma pessoa o voto tambem não deve ser secreto.voceis tão detoriando o parlamento. se perderem a proxima eleição que percam. mas não entreguem o parlamento aos bisbilhoteiros! como vai votar uma materia poemica? ainda uma que o relator a imprensa esconde …cujo o relator é do psdb aquela que jogam nas costas do feliciano.o gallo falou o nome do deputado do psdb…o psdb é dono da redação da materia poemica que a imprensa esconde .até o giba do balanço geral esconde . eu teria vergonha de mentir ao povo..o deputado campos me parece..

  2. a única coisa que os políticos tem medo e pavor é do povo , infelizmente só agora resolveram se mexer a favor do brasil.

  3. Se o voto não for secreto o parlamentar fica nas mãos da imprensa. O voto do parlamentar tem de ser secreto em 99% das situações. Talvez em processo de cassação de mandato deva ser a descoberto, mesmo assim estou desconfiado. Somente em ditaduras é exigido o voto do parlamentar a descoberto.

  4. Ele é muito mais eficiente do que o senador do Paraguai de R$ 16 milhões.

  5. Se o cara representa o povo, como o seu voto pode ser secreto? Nós temos que saber o que o nosso representa faz…
    Que legal esse piazão tá mandando ver… Tomara que não seja só fogo de palha…