Mesmo com apoio da mídia e apelo ao STF, Marina não consegue assinaturas para novo partido

do Brasil 247

Neste fim de semana, ex-ministra voltou a dizer que se for aprovado no Senado o PL que limita benefícios a novas siglas, ela recorrerá ao Supremo Tribunal Federal, por meio de uma ação indireta de inconstitucionalidade (Adin); na semana passada, Marina Silva já se humilhou a Joaquim Barbosa para tentar reverter a proposta no Congresso; a verdade, porém, é que apesar de ter conseguido 20 milhões de votos quando se candidatou à  presidência em 2010, ela vem tendo dificuldades até mesmo para coletar as assinaturas necessárias para o registro do Rede Sustentabilidade, partido que tenta criar.

Neste fim de semana, ex-ministra voltou a dizer que se for aprovado no Senado o PL que limita benefícios a novas siglas, ela recorrerá ao Supremo Tribunal Federal, por meio de uma ação indireta de inconstitucionalidade (Adin); na semana passada, Marina Silva já se humilhou a Joaquim Barbosa para tentar reverter a proposta no Congresso; a verdade, porém, é que apesar de ter conseguido 20 milhões de votos quando se candidatou à  presidência em 2010, ela vem tendo dificuldades até mesmo para coletar as assinaturas necessárias para o registro do Rede Sustentabilidade, partido que tenta criar.

A ex-ministra e presidenciável Marina Silva voltou a afirmar neste fim de semana, em visita a Montes Claros (MG), que se o Projeto de Lei que restringe benefícios a novos partidos, em tramitação no Congresso, for aprovado no Senado, ela recorrerá à  Justiça. Sua intenção é entrar com uma ação indireta de inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal, onde ela inclusive já esteve com o presidente Joaquim Barbosa, num encontro que marcou um ponto contra a democracia (leia mais em Marina se curva ao STF e encolhe a democracia).

Acontece que, mesmo desesperada para tentar reverter o PL 4.470/12, que limita o acesso de novos partidos aos recursos do Fundo Partidário e ao tempo de propaganda eleitoral no rádio e na televisão, Marina ainda está longe de conseguir o apoio necessário para o registro de sua legenda, a Rede Sustentabilidade, criada principalmente para lançá-la à  presidência da República em 2014. De acordo com a Lei dos Partidos, de 1995, um partido precisa de 0,5% dos votos válidos da última eleição !“ descontando brancos e nulos. Atualmente, um total de 492 mil, portanto.

Como lembra reportagem do Valor Econômico desta segunda-feira, a coleta, de acordo com a lei, não tem muitas exigências. à‰ liberada até a compra de apoio !“ por meio de brinde ou dinheiro !“ e não obriga a divulgação dos financiadores ou de gastos. E Marina, mesmo diante dessa legislação pouco exigente e já tendo ido atrás de celebridades como Caetano Veloso e Gilberto Gil, está longe de cumprir a tarefa. Até o início deste mês, foram colhidas 263,5 mil assinaturas, bem abaixo da meta de 300 mil prevista até abril. O prazo final para disputar as eleições do ano que vem é que o partido esteja registrado até 6 de outubro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sendo que a tramitação na Justiça leva cerca de dois meses.

O processo pode demorar ainda mais se houver problemas nas assinaturas. Presidente provisório do Solidariedade, sigla em formação criada pelo deputado Paulo Pereira da Silva (PDT-SP), presidente da Força Sindical, exemplifica o drama: “Normalmente, perde-se cerca de 40% das assinaturas”, diz. “Sempre há problemas com a grafia da assinatura, com eleitores que estão com o título irregular, assinam duas vezes ou simplesmente não fornecem os dados verdadeiros”, explica. O deputado federal Walter Feldman (PSDB-SP), coordenador do Rede, garante, no entanto, que o prazo não é uma preocupação do movimento. “Lançamos o partido em 16 de fevereiro e só em março nos organizamos para a coleta. Agora, com a estrutura ajeitada, poderemos alcançar o necessário até junho”, diz.

16 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Gente tipo esse Conselheiro me irrita!!!

  2. silvania e trabalhador! vcs podem assinar para colaborar com a formação da rede, no calçadão da xv, tem uma barraca diariamente ao lado do bondinho.

  3. Sugestão: os otários que querem assinar pra tal da “Rede” podem deixar de ser otários um pouco e – antes – pedir pro bilionário dono da Natura ASSINAR UM CHEQUE polpudo pro eleitor. Grana da grossa a Marina tem, só não pode mostrar muito por aí pra não dar bandeira que o partido dela tá montado na bolada. Cheio de ex-ministros do tempo de Collor e FHC do lado dela.

    • Você está falando do Antonio Luiz Seabra, grande empreendedor Brasileiro, poderia dizer o que o desabona? Ah, ele é bilionário…E qual é o problema, é proibido? É um dos poucos industriais brasileiros comprometido com a preservação do meio ambiente de verdade, e isso faz parte dos seus produtos e processos.
      Quanto à Marina, esta sim é uma mulher de fibra. Sua história de vida sim, é de uma pessoa batalhadora que soube driblar as dificuldades da vida.
      Viveu em uma palafita , a 70 km do centro de Rio Branco, em uma família de onze filhos, dos quais somente oito sobreviveram. Perdeu a mãe com quatorze anos, aos quinze foi viver em Rio Branco, para tratar uma hepatite, na mesma época, duas de suas irmãs faleceram, uma vítima de sarampo e outra vítima de malária. Seu primeiro trabalho foi de empregada doméstica, foi aluna do MOBRAL, em 1984 formou-se em história pela Universidade Federal do Acre, fez especialização na UNB e na UCB. Foi a pessoa mais jovem do paíss à ser eleita para o SENADO. Enfim uma história brilhante.

      Por isso é preciso lavar bem a boca para falar desta mulher.

      • Eu já lavei a minha e quero continuar falando, ela e tudo isso realmente que você escreveu TRABALHADOR e hoje vive mal acompanhada de um monte de oportunista, porque em politica vale tudo, qualquer cachorro que quiser se filiar a um partido politico e aceito, que me perdoe os cachorros que de fato e o melhor amigo do homem, e politico e amigo de seus próprios interesses, isso e pra geral, só existe dois nomes hoje no Brasil que pode vencer as eleições presidenciais de 2014, a atual presidenta Dilma e a Marina Silva, os demais são restolhos, quando essa situação de fato começar a se definir, toda essa cacaiada da politica nacional vão pular para dentro da REDE da Marina Silva e serão todos aceitos de braços abertos, porque em politica vale tudo para ganhar e levar vantagens, eu com meu único voto vou continuar no mesmo lugar, afinal de conta não da para brincar com o destino do nosso Pais, correr o risco de levar o Pais a bancarrota, a Marina Silva e uma ótima pessoa mas para se eleger vai ter que se comprometer com o que tem de pior na politica do Pais, vai ter que se conchavar com os meios de comunicação dominante para ficar bem na fita, e preciso comparar o Brasil de hoje, com o Brasil de ontem, hoje nos estamos caminhando para frente, com todos o erros que tem no governo e não são poucos, Marina Silva não governara sozinha, e ninguém governa, ao lado dela estará o passado com todo o retrocesso que os Brasileiros já sofreu, com sérios riscos de crise desemprego inflação alta e insegurança, e preciso ter um pouquinho de paciência não se muda um pais de quase 200 milhões de pessoas do dia para a noite.

        abraços.

        • Sei que ela não governará sozinha, mas é uma ótima opção, tem algo novo, que estamos precisando. Conheço o pessoal do PT do Acre, ninho onde a Marina cresceu, tem a Marina e muita gente boa, pra fazer diferente do se faz.

    • Otário é você, seu alienadinho de m… Tem raiva de rico porque?? Sabe porque? Porque nunca quis trabalhar, deve ficar puxando saco de político pra ganhar CARGUINHO.. Nao tenha inveja de rico meu!! Vá trabalhar que ainda da tempo.

  4. já temos quase 350 mil assinaturas e elas poderão ser coletas até junho. o problema das assinaturas é o seguinte muitas delas não batem o número do título ou filiação materna não bate ou dados incorretos, depois que a pessoa assina a ficha vai ao tre para homologar as assinaturas a perda é aproximadamente de 40%, mas não é como o psd que tinha até defunto assinando a ficha de apoio. temos que ter 60 mil no paraná e 600 no brasil.

  5. A Rede vai acontecer. é fato. E a pergunta que fica é porque tem gente com tanto medo da Marina?

  6. Porque esse medo da Marina ????????

  7. A Marina Silva é uma pessoa persistente e de fibra, vai lutar e conseguir. Quem dera nosso governador tivesse 1% das qualidades dessa mulher…

  8. ESSE É O PARTIDO DOS DESCOLADOS DO BAIRRO LEBLON.
    CAMBADA DE MACONHEIROS LIBERALESCOS.

    A MARINA ALÉM DE SER LIBERAL NA ECONOMIA TAMBÉM É LIBERAL COM ABORTO, “CASAMENTO” GAY, DROGAS E TRANQUEIRAS AFINS.