Por Esmael Morais

Governo nega mudanças na direção da Caixa Econômica Federal

Publicado em 29/05/2013

Na segunda-feira (27), o presidente da Caixa, Jorge Hereda, negou que erros no sistema da instituição tenham provocado a liberação antecipada do pagamento do Bolsa Família. Segundo ele, o banco não informou antes a antecipação da data de saques devido a uma imprecisão de informações.

No sábado (25), a Caixa, em comunicado, disse ter liberado os saques antecipados do programa na véspera do início dos boatos, no dia 17, em função de melhorias no cadastro de informações sociais. Hereda argumentou que a informação equivocada ocorreu em uma situação de crise.

O PSDB no Senado protocolou, no mesmo dia, na Procuradoria-Geral da República, representação para que o órgão investigue se a Caixa cometeu algum crime no episódio dos boatos do fim do Programa Bolsa Família. Na representação, os tucanos relatam que o banco se contradisse ao informar, em um primeiro momento, que não havia feito alterações no calendário de pagamento e, depois, admitiu que fez a liberação de todos os benefícios na véspera do incidente.