Faísca atrasada, PT avalia 100 dias na gestão Gustavo Fruet

Gustavo Fruet participará de evento petista de balanço de "100 dias" de gestão; será que os "companheiros" farão críticas ao pedetista? Será?

Gustavo Fruet participará de evento petista de balanço de “100 dias” de gestão; será que os “companheiros” farão críticas ao pedetista? Será?

A direção municipal do PT de Curitiba vai realizar, no próximo dia 13 de maio, um encontro para avaliar a participação do partido nos 100 primeiros dias na gestão do prefeito Gustavo Fruet (PDT).

Os quatro secretários municipais do PT na gestão gustavista — Adriano Massuda (Saúde), Roseli Isidoro (Mulheres), Mirian Gonçalves (Trabalho) e Marcos Cordiolli (Cultura), além do próprio Fruet, conduzirão os debates.

O líder do governo na Câmara Municipal, vereador Pedro Paulo, também chamado de “Rainha da Inglaterra” no PT, não foi escalado sequer para a mesa do evento. Os petistas condicionaram à  presença de “sua majestade” a um pronunciamento de balanço no legislativo.

O PT fará balanço dos cem dias no 133!º dia de gestão de Fruet.

Comentários encerrados.