PDT rejeita por unanimidade moção de apoio a Gustavo Fruet

fruet_vTerminou há pouco reunião ordinária do PDT de Curitiba. O clima foi tenso do início ao fim, pois os lambaris de valeta, esquecidos nas nomeações da prefeitura, rejeitaram por unananimidade moção de apoio ao prefeito Gustavo Fruet.

A proposta partiu do militante histórico professor Velocino, que está amparado por um vistoso cargo símbolo C-4, da Secretaria do Governo Municipal, com salário de R$ 5.174,96.

Comentários encerrados.