Ouça Lula: “Não pode haver monopólio nas comunicações”

do Brasil 247

Em debate sobre os avanços e desafios dos governos da América Latina, organizado no prédio do Mercosul, em Montevidéu, ex-presidente Lula chama atenção para o combate ao monopólio nas comunicação; "No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação", criticou o ex-presidente, que vai ocupando, no continente, o espaço deixado pelo venezuelano Hugo Chávez, morto em março.

Em debate sobre os avanços e desafios dos governos da América Latina, organizado no prédio do Mercosul, em Montevidéu, ex-presidente Lula chama atenção para o combate ao monopólio nas comunicação; “No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação”, criticou o ex-presidente, que vai ocupando, no continente, o espaço deixado pelo venezuelano Hugo Chávez, morto em março.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou na noite desta quinta-feira, durante debate no prédio do Mercosul, em Montedivéu, o monopólio dos meios de comunicação como um dos principais desafios dos governos latino-americanos. Durante o seminário Transformações em risco? Perspectivas e tensões do progressismo na América Latina!, de que também participaram presidente do Uruguai, José Pepe Mujica e o secretário-geral da Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas (CSA), Victor Báez, Lula destacou que “não pode haver um monopólio dos meios de comunicação”.

Segundo o ex-presidente brasileiro, “esse é um tema extremamente delicado e que tem que ser debatido em vários países”. “Outro dia eu vi o [presidente Barack] Obama se queixando dos meios de comunição nos Estados Unidos. Se você vai na Alemanha, você ouve a Angela Merkel se queixar de alguns setores da imprensa”, comentou. “No Brasil, nós temos nove famílias que determinam praticamente todo o poderio dos meios de comunicação”, destacou Lula, acrescentando que “não é fácil mudar” esse cenário.

“Fizemos uma grande conferência, no Brasil, de que participaram milhares de pessoas e aprovamos um programa que agora está sendo discutido no Ministério das Comunicações para ver como se encaminha o debate para a sociedade avançar”, lembrou Lula. “Porque nós queremos avançar, não queremos polemizar. O que nós queremos é provar que uma legislação que tem uma regulação feita em 1962 não vale para 2013. Não vale porque a gente não tinha um terço das coisas que nós temos hoje”, explicou.

Ouça trecho do discurso do ex-presidente:

Leia o registro do Instituto Lula sobre o debate, que tratou sobre as ameaças de retrocesso no continente:

Instituto Lula – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente do Uruguai, José Pepe Mujica e o secretário-geral da Confederação Sindical de Trabalhadores e Trabalhadoras das Américas (CSA), Victor Báez, participaram na noite desta quinta-feira (4), no prédio do Mercosul em Montevidéu, de um debate sobre os avanços e novos desafios dos governos progressistas e do movimento sindical latino americano.

No evento, promovido pela Fundação Friedrich Ebert durante o Congresso da CSA, Lula declarou que os governos progressistas apenas começaram, na última década, a corrigir os erros feitos durante 500 anos na região “e não há hipótese de retrocesso” afirmou o ex-presidente confiando que a população que conquistou ascensões sociais irá demandar novos avanços. Lula defendeu a importância de se seguir elegendo governantes progressistas, comprometidos com os trabalhadores e os setores mais pobres da população para o continente seguir avançando.

Na plateia do evento, sindicalistas de 17 países, a secretaria-executiva da Comissão Econômica para América Latina e Caribe (Cepal), Alicia Barcena, especialistas e políticos da região.

No debate, Lula mencionou as atividades do Instituto Lula para o desenvolvimento de uma doutrina que estimule avanços no processo de integração latino-americana, com reuniões em São Paulo com movimentos sociais e intelectuais da região. Mujica reforçou a necessidade do Mercosul e América Latina avançarem na integração além das trocas comerciais. “A integração é mercado e muito mais. E tem que ser construída. O mercado não vai integrar nada.”

Um tema levantado foi a importância da democratização da comunicação para um amadurecimento do debate político na região. “Se a liberdade de imprensa tem que passar pelo estreito olho da fechadura das empresas de mídia, não há liberdade de imprensa”, declarou Mujica, lembrando que outros setores, que não apenas os mais ligados ao capital, também precistam ter ouvidas suas opiniões dentro do debate de vários setores da sociedade.

Barcena apontou a importância das políticas brasileiras de transferência de renda, desenvolvimento regional e valorização do salário mínimo para a redução de pobreza no país e no continente. Ela lembrou que na última década, segundo a Cepal, 57 milhões de pessoas saíram da pobreza na América Latina, sendo 40 milhões delas no Brasil.

Lula apontou em um cálculo feito rapidamente, que os 9,5 trilhões de dólares gastos pela Europa e os Estados Unidos com a crise financeira, e os 1,7 trilhão de dólares gastos nos 10 anos da Guerra do Iraque seriam suficientes para sustentar um programa similar ao Bolsa Família para todos os pobres do mundo por 150 anos. Mas que em uma visão torta, muitos governos e economistas seguem vendo os recursos investidos para tirar as pessoas da pobreza como gastos e não como investimento que estimula o crescimento. “O que foi feito no Brasil pode ser feito em outros países”, disse o presidente ao lembrar que em 2003, quando lançou o Fome Zero, não existiam folgas orçamentárias para criar o programa, nascido do compromisso de combater a pobreza e distribuir renda.

19 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Ô Lula, vc tem que ligar para o PB e dizer assim: “PB, vc não tá pronto, pede prá sair”. Daí a gente pode até acreditar no que cê tá dizendo.

  2. A Procuradoria da República no Distrito Federal pediu nesta sexta-feira (5) à Policia Federal a abertura de um inquérito para investigar acusações feitas pelo operador do mensalão, Marcos Valério de Souza, contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-ministro Antonio Palocci.

    É primeira vez que será aberto inquérito para investigar se Lula atuou no mensalão.

    • Falou o porta-voz da velha mídia, o procurador da Rede Globo, o puxa saco tucano, o baba ovo do desgovernador, escutou no Jornal Nacional e como um raio correu postar a notícia.
      MP pediu investigação a PF, e daí. Já condenaram e prenderam o ex-presidente?
      Mudando de assunto: O Ministério Público do Paraná está com uma iniciativa popular séria e justa, diga não a Proposta de Emenda Constitucional nº 37 (PEC 37), criou uma petição eletrônica em que todos podem participar através do voto cotra a proposta.
      Se esta emenda for aprovada o MP, não poderá mais investigar casos como o do mensalão, os diários secretos da Assembléia Legislativa, os escândalos com publicidade da Câmara Municipal liderada pelo Derosso, entre outros casos.
      Se alguém quiser participar é só entrar no site do MP do Paraná.

    • Falou o bajukador tucano!

      • MArcelo e NEA, pela que vocês só lêem o que interessa, O LULA de vocês esta sendo investigado pelo MPF e POlicia Federal, E eu é que to errado????? Defendam o Molusco, mas pelo menos admitam que coisa ta ficando feia.

  3. Não vai nunca ocupar o lugar de Hugo Chaves. Para isso tem que ser macho, não ter o rabo preso e não ser traidor dos trabalhadors do seu país.
    É preferível escutar as asneiras deste traiçoeiro do que ser surdo.
    Ele fala das 9 famílias que dominam a mídia e as cabeças de alienados, mas não fez absolutamente nada para acabar com isso, assim como deu milhões em propagandas para estes gigolôs. Coisa que sua sucessora continua a fazer com toda a força.
    Além de trair o trabalhador com a manutenção do Fator Previdenciário, está saqueando o INSS ao desonerar grandes empresas.
    E você que paga 8, 9, 10,11% de desconto para o INSS ? Está contente ?
    Não corrige a tabela do IR, não libera e não corrige corretamente o saldo do FGTS (o dinheiro é do trabalhador), etc.
    PT – Partido dos Traidores.

    • Thomas Nok,
      Lula deve ser onipotente, pois tem tanto poder assim?

      ele ESTÁ saqueando o INSS, não CORRIGE a tabela do IR e o saldo do FGTS!
      OPA!!!
      o mandato do Lula já terminou a mais de 2 anos!
      Ou o verbo está no tempo errado ou seu veneno está direcionado para a pessoa errada!

    • Se você acha que tudo isso está errado, cobre do teu senador Requiao pra que ele entre com algum projeto de lei pra tentar mudar isso.

  4. Em 2012, dois escândalos explodiram como uma BOMBA na imprensa da Inglaterra, repercutindo no Mundo.
    Foi descoberta a conexão entre um esquema de grampos ilegais, que envolvia policiais e jornalistas do News of the World, de Rupert Murdoch. Jornalistas e policiais foram presos e o jornal foi fechado. Tal escândalo serviu como argumento para a regulamentação da imprensa. Foi criado um órgão externo para fiscalizar os veículos de comunicação na Inglaterra.
    Numa matéria postada no Blog do esmael, foi feita uma comparação do escândalo inglês com o escândalo da imprensa brasileira, exposto na Operação Monte Carlo da Polícia Federal, onde os procedimentos ilegais e clandestinos foram muito parecidos. No Brasil, existia um relacionamento promíscuo entre a editora Abril, através da Revista Veja e seu jornalista Policarpo Junior com o ex-senador Demóstenes Torres e o grupo criminoso do bicheiro Carlinhos Cachoeira.
    Infelizmente, o desfecho do caso brasileiro foi muito diferente, o que nos dá a impressão que os rigores da LEI, só são impostos para os que não possuem recursos, influência e bons contatos (poder/dinheiro).
    DEMOCRACIA E REGULAMENTAÇÃO NA IMPRENSA BRASILEIRA: chega de monopólios, injustiças, golpismos e privilégios!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  5. Tostão (Leão) X Bilhão (situação e oposição), 2014. O Bicho vai pegar !

    O embate do tostão versus milhão, na verdade, é um velho sonho do povo brasileiro que, na prática, jamais ocorreu, posto que os embates eleitorais decisivos sempre foram travados e decididos entre milhão (situação) X milhão (oposição), as quais, em 2014, pelo andar da carruagem, dão toda pinta de que irão protagonizar o confronto do bilhão X bilhão, dinheiro na mão determinando a votação. Todavia, pela primeira vez na história das eleições, existe uma possibilidade de realmente acontecer a luta do Tostão (com o Leão idealista ) versus Bilhão (situação e oposição). O Tostão empunhando idéias que valem bilhões em benefícios à população e com uma vontade imensa de colocar água no chopp do Bilhão (situação e oposição), que, em termos de grandes idéias alternativas à nação representam apenas o nada e o coisa nenhuma para a população que continua à espera de uma Mega-Solução.

  6. Ahh Lula, você tem que aprender a Calar a Boca de vez em quando, antes de falar merda, mande o Ministro da Dilma, das Comunicaçoes TRABALHAR, porque a Telefonia Movel, e uso de 3G e o 4g que vem ai, está de mal a pior.

    • Mal a pior andam seu raciocícinio…Já tomou o seu gardenal?

      • Minha resposta pra vc “trabalhador”
        A Procuradoria da República no Distrito Federal pediu nesta sexta-feira (5) à Policia Federal a abertura de um inquérito para investigar acusações feitas pelo operador do mensalão, Marcos Valério de Souza, contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ex-ministro Antonio Palocci.

        É primeira vez que será aberto inquérito para investigar se Lula atuou no mensalão.

  7. Felizmente, a população não aceita mais a opinião da imprensa como uma verdade absoluta, aos poucos estamos questionando as matérias, os comentários e as notícias divulgados pelos veículos de comunicação.
    Todo cidadão consciente sabe que a Velha Mídia é monopolizada pela elite conservadora que não aceita mudanças, muito menos políticas sociais voltadas para os mais pobres. A imprensa possui interesses econômicos, ideológicos, políticos, sociais e culturais. Portanto, não procede as suas atividades de forma parcial, informações são omitidas e fatos distorcidos, por razões que não tem haver com o interesse público e sim com a manutenção das estruturas econômicas e de poder.
    Regulamentação da Mídia não é censura, todos temos que respeitar a Lei, inclusive a imprensa, as calúnias, as difamações, as distorções e os relacionamentos promíscuos, como o da Revista Veja com o ex- senador Demóstenes e o bicheiro Carlinhos Cachoeira, são exemplos do que não deve ser permitido.
    Lula está coberto pela razão, outra questão que tem que ser discutida urgentemente no Brasil, é a DEMOCRATIZAÇÃO dos meios de comunicação, não é correto a oligarquia da imprensa, um número reduzido de famílias controlando os grandes impérios da comunicação no Brasil. É inconcebível um nº pequeno de barões da mídia monopolizando a informação em nosso país, fazendo uma verdadeira lavagem cerebral na cabeça dos menos avisados, dos ignorantes, dos alienados, dos analfabetos funcionais.
    Nosso país precisa radicalizar nesse campo, proporcionando “a cada tribo”, a cada partido político, a cada instituição, a cada cidadão a possibilidade de transmitir a sua mensagem. Como dizia o ex- governador Leonel Brizola: “a população precisa dizer Não, um Não rotundo que está contido no peito”, sufocando a diversidade de opinião tão saudável à DEMOCRACIA ““ chega de monopólios e golpismos advindos da falta de democracia na imprensa brasileira!

  8. Isso mesmo Lulla. Agora desfaça as coligações e apoios com as famílias Sarney, Collor, Barbalho, e outros mais que fazem parte da sua base de apoio e são donos de afiliadas da Rede Globo.

  9. Agora esses barões da mídia não vão mais largar o osso…

    • Citando o ilustre molusco (aquele que nunca sabia de nada quando o assunto era corrupção promovida e operada pelo grupo mensaleiro):

      ” O que nós queremos é provar que uma legislação que tem uma regulação feita em 1962 não vale para 2013. Não vale porque a gente não tinha um terço das coisas que nós temos hoje, explicou. ”

      Este “parecer jurídico” de LuLLa deve ter embasado a postura da bandidagem mensaleira, pois o Código Penal é de 1941… Ou seja, não valia também, pois eles tinham garantidos (de graça kkkk…) apenas 1/3 dos votos necessários antes do Bolsa-Votação no Congresso Nacional…

      Agora precisamos solicitar uma matéria investigativa, envolvendo o Vaticano, a Cia, o Tucanato, o PIG, Alienígenas, entre outras forças ocultas e somente visíveis a simpatizantes de mensaleiros, convidando os assistidos de todas as Bolsas e cargos comissionados federais para irem às ruas, pois agora o BICHO VAI PEGAR:

      http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?ema=1&id=1360539

      “Procuradoria pede abertura de inquérito para investigar denúncias contra Lula
      É a primeira vez que será aberta investigação contra o ex-presidente. O inquérito vai investigar a acusação de que Lula teria negociado com a Portugal Telecom um repasse de recursos para o PT”

      Já imagino uma manchete: “tentativa de golpe, querem derrubar LuLLa, vamos às ruas quebrar o comércio, incendiar ônibus, em defesa de nosso imaculado líder!” Kkkkkkkkkkkkk…