Lobby de ruralistas na Câmara aprova reabertura da Estrada do Colono

Moradores alegam que reabertura do caminho levará desenvolvimento à s regiões Sudoeste e Oeste

Estrada do Colono foi fechada definitivamente há 12 anos.

Estrada do Colono foi fechada definitivamente há 12 anos.

Os moradores das regiões Oeste e Sudoeste do Paraná comemoram ontem (3) a aprovação, na Câmara, do projeto que prevê a reabertura da Estrada-Parque Caminho do Colono, no Parque Nacional do Iguaçu.

O autor do projeto é o deputado Assis do Couto (PT-PR) e a proposta foi relatada pelo deptuado Nelson Padovani (PSC-PR).

Os ambientalistas protestam contra a reabertura da estrada, a exemplo da deputada Rosane Ferreira (PV-PR), para quem se trata de “um retrocesso ambiental, interrompendo a recomposição da floresta de Mata Atlântica, abre um perigoso precedende para que outros parques nacionais sejam modificados”.

Agricultores e comerciantes de Serranópolis do Iguaçu, na região Oeste, e de Capanema, no Sudoeste do Estado, acompanharam a sessão munidos de faixas e cartazes pedindo a aprovação. A reunião teve também a presença do deputado federal Penna (PV-SP), presidente da Comissão do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara dos Deputados.

O presidente da comissão especial, deputado federal Eduardo Sciarra (PSD-PR) ficou satisfeito com o resultado e está otimista com a possibilidade de receber a aprovação dos senadores.

A reabertura da Estrada do Colono é um sonho acalentado há anos pela população de dois municípios hoje entregues ao esquecimento e que enxergam na Estrada do Colono a redenção econômica das duas regiões.

O projeto agora seguirá para o Senado para apreciação de uma nova comissão. Se receber aprovação em todas as esferas outro desafio dos líderes será defender a reformulação do Plano de Manejo, tornando a estrada passível de exploração turística e tráfego. A Estrada do Colono, de 17,6 quilômetros, é a ligação mais curta entre as regiões Oeste de Sudoeste do Paraná.

Com informações de Vandré Dubiela, do jornal O Paraná, de Cascavel.

23 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Sou morador lindeiro do entorno do parque e tenho a dizer o seguinte; essa estrada nunca deveria ser fechada. Ela deve ser reaberta urgentemente pois os transornos que nós moradores lindeiros estamos tendo é insuportável. Chega de hipocresia! Existe geito e o homem deve conviver harmoniosamente com a natureza, a exemplo do povo norte americano, canadense, australiano etc.

  2. Sem radicalismo extremo, dá para fazer uma estrada ecológica, com acessos subterrâneos para a maior parte dos animais não passarem pela pista e alambrados ou passagens aéreas para os demais. Teria que se impor velocidade limitada, com radares e câmeras estrategicamente colocados, para vigilância dos engraçadinhos que queiram abusar da velocidade, além da proibição de estacionar na área e horário determinado para circulação de veículos (leves, não-destinados a cargas, nada de caminhões de qualquer tamanho).

  3. A Estrada do Colono, assim como a Ponte de Guaira são exemplos muito interessante de que a idéia de pedágio não é sempre ruim.
    Com preços não abusivos com todos os demais do Paraná, estas duas vias podem e devem ter pedágio, a Ponte para manutenção, e a Estrada do Colono para fiscalização, esta com algumas restrições interessantes, como velocidade baixa, trânsito impedido das 22 às 6 horas.
    É uma idéia, espero que compartilhem e passem adiante.

    Grato

  4. Vocês poderiam me informar o motivo pelo qual meus comentários não foram publicados?

  5. o povo gosta de bicho e mato.mas naquela floresta toda desse parque.se colocar uma pessoa la e dizer viva da floresta sem destruir.eu duvido que essa pessoa viva mais que treis dias . na floresta tem tudo mais so que trabalhar nela ,ou com ela ninguem consegue nada , fica caro aos cofres publicos manter um parque, vejam os parque curitibanos, o municipio não tem verbas e unuca terá. voltando no gostar de bichoe mato. entre dentro duma floresta somente com as mãos ,a floresta não lhe da nada.coloque um animal selvagem dentro de casa e depois tire conclusões. quem mantem animais sevaticos em cativeiro não deveria ir pra cadeia ,mas no hospicio. olha tudo que temos em casa sendo de madeira vem da floresta. arroz ,feijão ,açucar,oleo ,vemda floresta rasteira que o ser humanocultiva. um capim e uma pastagem é considerado floresta . porque na africa onde ha milhões de animais , ouve se dizer se alimentam da floresta.a grama e carne no futuro. a estrada do colono pode perder umanesga de capoeira e que apresenta na foto. mas ganha na economia de combustiveis, e preço dos alimentos ,transportado dum lado pro outro. hoje é uma salada de palavras sem contexto, mas proprio para criar uma historia!

  6. Vão acabar com o parque. Galinhas, porcos, cargas transgênicas, caçadores, etc. Parque não admite rodovia ao meio. Então deixemos de ser hipócritas e em nome do que chamam de progresso, acabemos com o parque de vez….

  7. “Soberania Deliberativa da Natureza”. Este tema invoca “emoção e razão, na transpiração da profundidade dos interesses socioeconômicos da Humanidade”. Então, disso decorrente, por este fato transcender aos limítrofes geopolíticos do Paraná e do Brasil, eis que, nesta questão ambiental, a gestão da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, no pensamento de seu secretário, senhor Luiz Eduardo Cheida, será de histórica significação para a vida da comunidade do Paraná!..
    Cordialmente,
    Roque Alves.

  8. até a monsanto sustenta ong no brasil. tambem uma fablicante dum papel perfumado e famoso , tambem sustenta ong no brasil. as empresas de mineração sustenta ongs e missinarios estrangeiros no brasil . isso tambem é lobby! é bom lembrar que não falo da milli, cito aqui para não ficar duvidas . eu não falo do que não conheço.

  9. pra varia o melhor post foi nada menos do….TRABALHADOR!!!
    parabéns. matou a cobra e mostrou o pau!!!

    • Obrigado amigo, que bom que gostou…Mas veja o documentário, está em 03 partes no You Tube, é uma materia do GLOBO RURAL, sobre o abastecimento de água de NOVA YORK ( é tão boa que nem precisa de tratamento).
      Só lembrando que os Estados Unidos nem sempre são bom exemplo quando se fala em meio ambiente…

  10. ISSO é mais um crime contra a Natureza, agora com apoio politico de deputados sem compromisso com as vidas futuras, aposto que sao Politicos ligados a madeireiras, e estao levando um Troquinho $$$ nessa.

  11. estes deputados são uns demagogos, eles nem sabem aonde fica localizada está estrada, tem que reabrir mesmo o povo daquela região sofre muito com aquela estrada fechada, eu sou a favor da reabertura da mesma.

  12. A reabertura dessa estrada, além dos benefícios naturais para os moradores daquela região, ainda trarão o benefício da economia de centenas de milhares de litros de combustível, que deixarão de ser queimados em razão de trocar um trajeto de 200Km para um de 17Km. E com isso, milhares de toneladas de CO2 deixarão de ser lançados na atmosfera, contribuindo assim para uma menor poluição ambiental. Se bem cuidada, essa estrada trará mais benefícios do que prejuízos para o meio ambiente. Mas alguns eco-chatos preferem criticar as ações do que fazer uma análise real sobre o resultado de determinadas ações. Parabéns aos políticos que estão interessados no bem estar e desenvolvimento daquela população.

  13. Gostaria de saber se por acaso os Deputados Penna e Rosane fossem da região se teriam o mesmo posicionamento.
    Algumas bandeiras do “ecologicamente correto” soa como patético e politiqueiro da parte de alguns.

    200 km ou 17 km?

    Claro que para a dupla do PV isso não se faz necessário pois não moram na região.

  14. O meio ambiente deve ser preservado para que os homens possam viver e progredir tambem.
    A estrada do colono encurta em aproximadamente 250 km a distância entre Capanema e Foz do Iguaçu.
    Para evitar estas diferença as pessoas de Capanema e região vão até Foz pela Argentina. Gastando combustível, alimentação e outras cossitas más no país dos hermanos.
    O governo deve construir uma estrada ecológica nestes 17 km.
    Os visitantes que vão às cataratas do iguaçu andam mais de 20 km dentro do parque. E isto não prejudica a mata atlântica.
    Deixemos de radicalismos.
    É construir uma estrada ecológica e vigia-la. Porem colocar vigias honestos e sérios, não a tchurma do Zuchinho (IAP Pato Branco), porque daí a mata vai de vez para o beleléu

  15. Boa essa sua piada!

    Petista ruralista.

  16. Pra natureza é ruim, mas pros moradores da região é bom…Como fazer?
    Pra nós que moramos aqui na capital seria bom que o pessoal do interior preserve a natureza, pois desvastamos quase tudo por aqui…
    Pro pessoal do interior a estrada torna a vida mais fácil…
    Em Nova York, a população da cidade paga pelos serviços ambientais de agricultores que vivem a 200 quilômetros da sau cidade, para eles preservarem as áreas de manaciais. Veja o documentário – http://www.youtube.com/watch?v=BhGCo7aVK0c
    Se fiséssemos coisas parecidas para o povo do nosso interior, ao invés de simplesmente tornar a vida deles mais difícil, impelindo assim o êxodo rural e o inchaço de nossas cidades?

  17. Meu Esmael, enquanto se discute a reabertura da estrada do colono, a Rodovia da Morte, que liga Curitiba a Foz, vem dizimando e aleijando quem por ali trafega, pagando pedágios exorbitantes há mais de 15 anos, com a arrecadação enchendo os bolsos dos espertalhões, sem nem um retorno em melhorias, e sendo encobertado pela grande mídia, e não é visto pelos MP ESTADUAL OU FEDERAL,
    ACHAMOS que os promotores, assim como os políticos, só viajam de avião, pois
    caso contraria já tinham se manifestado.

  18. Fico feliz em saber disso Esmael, a região merece ter esta oportunidade de desenvolvimento e o povo, em especial de Capanema, por certo saberá conviver com a natureza, já que dependem dela para sua sobrevivência.

  19. nem tudo está perdido…o mundo ainda tem solução porque ainda existem deputados com raizes rurais.
    Parabéns ao deputado Assis do Couto e ao dep. Padovani que certamente terão varios votos cativos entre meus amigos e familiares.