Sindicato protesta contra morte de agentes penitenciários em Piraquara; PCC é suspeito de ataques no Paraná

Motins em vários presídios do Paraná; PCC estaria dando as ordens; agentes penitenciários temem pelas suas vidas.

Motins em vários presídios do Paraná; PCC estaria dando as ordens; agentes penitenciários temem pelas suas vidas.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná (SINDARSPEN) realiza nesta manhã, em Piraquara, região metropolitana de Curitiba, uma manifestação contra a insegurança no sistema carcerário do estado. De acordo com a entidade, há uma lista de agentes marcados para morrer. Somente neste mês, dois agentes foram assassinados.

No domingo (17), 23 presos renderam os agentes e conseguiram fugir da Colônia Penal Agrícola de Piraquara.

Este blog vem mostrando, desde a semana passada, evidências da atuação do Primeiro Comando da Capital (PCC) nos presídios paranaenses. O governo do estado vinha negando essa hipótese, no entanto, nesta terça-feira (19), já admite a ação da facção criminosa.

O clima de insegurança no sistema prisional toma conta de várias regiões do Paraná. Em Arapongas, no Norte, um motim de presos foi contido ontem (18) a tiros com balas de borracha e bombas de efeito moral.

As ações de facções criminosas nos presídios e de supostos ataques do PCC a alvos civis, também teve incêndios a ônibus em Londrina. Na última quinta-feira, em Maringá, houve rebelião com saldo de um ferido.

Além do assassinato de dois agentes penitenciários em Curitiba, lembra o SINDARSPEN, seis ônibus foram incendiados em Pinhais, região metropolitana da capital, na semana passada.

Leia mais:

Consórcio demo-petista barra presídio em Campo Magro

PMs de Apucarana temem pela vida após ameaças do PCC

PCC dá as ordens no Paraná

Seis ônibus incendiados na região metropolitana de Curitiba. Ação do crime organizado ou curto-circuito?

13 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Olho Vivo, bandido aqui não se cria? Voce nao tem TV em casa nao? O PCC está começando a tomar conta desse estado, esse governo está sem rumo, aliás desde o dia 01º de janeiro de 2011 que esse estado está sem um norte, cadê o secretário de segurança pública pra tomar as providências?

  2. As profissões de risco, todo profissional tem consciência de tal periculosidade, mas, o estado deve tomar medidas a evitar tais atos, criar mecanismos de proteção aos agentes, e ainda, tratar marginais que já fizeram mal a sociedade e mesmo fechados continuam, de forma adequada para que nada mais façam as pessoas descentes, trabalhadoras e inocentes, temos que parar de passar a mão em pilantras, querem direitos, para que? quando um trabalhador precisa de tansporte médico, não se tem, agora, jato para levar pilantra temos, algo não estado errado senhores??????

  3. O Paraná só é ruim para as pessoas ruins, pois aqui bandido não se cria, mesmo que o PT tente fazer o contrário, mas a lei e a ordem prevalecem no melhor Estado da nação brasileira.

  4. A cara do governador diz tudo, ele, ironiza tudo.

  5. o paraná nunca esteve tão jogados as traças e perigoso como está no governo beto richa.

  6. Mas ai não é culpa dele, certo?? É de uma organização criminosa enraizada no BRAsil. Ja atacou SP, SC e agora PR, Agora seria hora de deixar as diferenças de lado e unir forças pra Defender nosso Estado desta Corja criminosa. Afinal, as mortes provocadas por essa Gangue, afetam a todos indiscriminadamente.

  7. Chega de discurso! Chega de discurso! Chega de discurso!…!

    Esmael e demais cade ás explicações, ás justificativas e os documentos que expõem a estrutura econômica e o lugar de destaque no cenário criminal paranaense ocupado pela facção criminosa PCC?
    Espero que o governo do PSDB no Paraná não faço o mesmo que o governo do PSDB em São Paulo chamando tudo isto de “lenda urbana!”
    Resultado lá: Policiais Militares e Civis, foram assassinados!
    Como em São Paulo conforme amplamente divulgado pela imprensa (Será que ás Polícias Militar e Civil do Paraná sabem?) aqui no Paraná o PCC está reunido com um comando principal tendo logo abaixo uma cúpula de conselheiros e estruturado através de centros decisórios e operacionais regionalizados, encadeados hierarquicamente partindo de localidades específicas (bairros periféricos das capitais ou unidades prisionais, ou seja, tem grupos em Piraquara, Colombo, São José dos Pinhais, etc….) até áreas mais abrangentes de controle (divididas pelo código DDD), o PCC apresenta uma estrutura organizacional horizontal e, simultaneamente, um controle verticalizado das dinâmicas por ele engendradas. Por sua constituição como instância de mediação de conflitos, a facção atua de forma abrangente na resolução de litígios, sobretudo (mas não só) daqueles relacionados com a economia criminal, julgando, “condenando/absolvendo” e punindo. Baseia-se ainda num repertório ideológico por incrível que pareça “comunista-socialista” que reúne a ideia da luta contra a opressão do estado neoliberal e de direita (sic) e a necessidade da união “do crime” para combater seus principais inimigos, a polícia e a administração prisional. Conjuga, assim, de forma eficiente um poderoso discurso e uma complexa dinâmica apoiada em elementos econômicos e políticos que garantem a manutenção de sua hegemonia no mundo criminal na base do fuzil, metralhadora e outras armas de fogo modernas e também eficazmente letais!
    Que esta hegemonia (com seu poder paralelo e domínio das periferias) que fez e faz do PCC o “cadáver no armário” do governo paulista, não seja o mesmo aqui! Uma vez que expõe a fragilidade da tal “polícia comunitária”! Sabe por que? Por que a população amedrontada indiretamente “apoia” certos marginais alojados em suas comunidades!
    O que tem que haver (para superar a fantasia do discurso) é uma política centrada no confronto se for preciso violento , pois, sera inevitável!
    E que haja intensificação do encarceramento no limite máximo para que diminua os marginais que fornecem o material humano e os elementos ideológicos imprescindíveis ao fortalecimento do que se pretende combater!

    • E o agente público corrupto, onde ele entra, vc não acha que esta na hora das pessoas de bem, e que ocupam cargos públicos estratégicos comecem a agir dentro das instituições, ou sera que todas as laranja estão podre.

  8. Programa Paraná seguro, quem está seguro??? Mais uma mentira deste governo!

  9. Mas segundo o governador tá tudo bem, ele comprou umas viaturas novas pra polícia e colocou lá no centro cívico para todo mundo ver…Será que o pessoal do PCC não viu?

  10. Ontem vi o Beto no mínimo umas dez vezes em propaganda na TV. Aparecia a cada três minutos. Resolveu gastar o dinheiro público em propaganda do Governo (pessoal) logo agora. Será que tem algum motivo especial?

  11. O homem já não conseguia administrar esse estado sem crise, pensem agora com crise na segurança pública, o que estava péssimo pode piorar ainda mais.