Rapaz finge ser gay e leva surra da mãe; assista ao vídeo

Nestes tempos de pastor Feliciano, quando se debate a liberdade da opção sexual e o reconhecimento das relações homoafetivas pelo Estado, alguns dão asas à  imaginação e à  fantasia. Chegam até simular! que saíram do armário — e se dão mal. à‰ o caso de Rafael Santos que divulgou um vídeo de humor, se passando por gay na frente da mãe. Resultado? Levou uma bela de uma surra.

Esse vídeo tem tudo para se tornar mais um viral na Internet brasileira. Já são mais de 360 mil visitas em menos de 24 horas.

O autor do vídeo fingiu na frente da mãe ao telefonar para Roberto, o suposto namorado. Ela não sabia que a cena foi armada.

No começo, a mãe fica apenas nervosa, querendo saber quem é o “namorado”. Mas com o desenrolar da conversa, a mãe perde o controle e começa a bater no guri. Ele tentou fazer graça e se deu mal. Achou a reação da mãe exagerada? Poste sua opinião nos comentários (dica do @alemao_mario).

Com informações da coluna “Vi na internet”, do portal Yahoo! Notícias

45 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Trolagens como esta existem aos montes na internet e são feitas com a intenção de divertir quem acessa e procura por esses videos, se foi fácil entender isso até aqui já é um avanço, então compreender qual real intenção de cada coisa já poupa muito do tempo de quem vive a fazer criticas desnecessárias e fora de contexto. Bom, minha avó sempre falava : “macaco olha e ri do rabo do outro mas não se dá conta do quanto seu próprio rabo tá mais torto e mais sujo que pau de galinheiro”, hoje em dia se fala “cada um no se quadrado” tem muita gente se achando competente pra resolver e consertar a vida do vizinho e a sua própria vida mesmo …vixi tenho medo !!! Eu não vou aplaudir e jamais apoiar pais que espancam filhos por serem gays, mas o que se esperar de um país que não educa droga nenhuma, onde crianças vão pra escola pra poder comer e só, essas crianças serão os adultos que serão pais e que serão esses país que espancam filhos, só que tem uma coisa, esse recado aqui vai pra você pai e mãe homofobicos, ignorantes e preconceituosos, não vá justificar a sua irracionalidade a sua brutalidade e por vezes a sua monstruosidade no governo ou na educação por não ter frequentando a escola ou não ter recebido bolsa familia pra que você tivesse condições de ser uma pessoa melhor e mais humana, não vem não!!!. Se o governo não proporcionou uma boa escola e um benefício pra você ter comida no prato, Deus te deu de graça a capacidade de pensar e discernir certo de errado então se toque que homosexualidade é coisa do mundo e taí pra acontecer mesmo e como você vai lidar com isso ? ;com um pedaço de pau na mão? . Ter um pedaço de pau na mão era o meio que se tinha pra resolver tudo no tempo das cavernas mas o homem naquele tempo não tinha o intelecto desenvolvido, você tem porque você pensa ou se não pensa ainda sim a capacidade de pensar está em você, então, faça uso, Agora se nada disso for o bastante pra amenizar sua brutalidade, então é bom saber que estamos numa sociedade e como tal existem três coisas pra lidar com isso : Justiça, punição e cadeia, essas três coisas juntas vão fazer você pensar seja por bem seja por mal, porque se é fato que o governo não investe em escolas em presídios pelo contrário ele investe muito, isso é um fato, agora é por sua conta e risco e durma com isso !.

  2. Engraçado como no próprio texto em época de Marcos Feliciano …. na verdade acho que os tanto filho como a mãe estão errados, primeiro pelo filho ter feito essa brincadeira de mal gosto com a mãe e a mãe por te agido assim, será que vai ser com violência que o mundo vai se consertar, acho que na realidade todo mundo e muito incomodado com a vida das outras pessoas e no mundo tem problemas mais importantes que opção sexual, tipo: drogas, violência domestica; representantes políticos corruptos. E com esse tal de Marcos Feliciano na comissão de direitos humanos evangélico corrupto como já percebemos vai fazer a caça as bruxas ou melhor fazer uma lavagem cerebral nas pessoas como a própria igreja faz, tive com meu pai doente com câncer tanto a rede privada como publica o SUS (seu ultimo suspiro) ninguém descobriu de fato o que ele tinha só foi descoberto quando ele faleceu, e nessa história toda uns dias antes, minha mãe foi em um culto evangélico e ela viu aquele famoso testemunho que uma pessoa tinha sido curada por usar uma toalha benzida não sei por quem, minha mãe pediu essa toalha e disse que seu marido (meu pai) estava muito doente e ela tinha fé que ele poderia ficar bom (além que minha mãe contribuía com dizimo, e tudo que eles vendiam no “templo”) em fim a pastora disse depois eu lhe dou a toalha, começaram uma oração de olhos fechados, (mais minha mãe abriu os olhos) e ela viu a pastora escondendo a toalha… bem gente… como disse mais a cima, na sei que nenhuma mãe que que o filho seja gay, mas também temos que respeitar a opção de outras pessoas, ninguém se torna gay e sim se nasce assim, não e doença e muito menos safadeza…

  3. ache o ponto de exclamação
    ???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????!???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
    pisque tres vezes
    ache o numero 6
    99999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999996999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999999
    responda a frase:
    qual o bilhete premiado da telecena?
    e reze pra eu guanhar que eu vou dividir
    a alegria.

  4. Geralmente essas pessoas “anti gays”, preconceituosas de toda estirpe, etc. são as pessoas mais frustradas na vida. Mulheres que não se realizaram e homens com um profundo medo interior, talvez por se sentirem um pouco gays.

  5. foi dá hora esse teste de preconceito…valeu…háaaaaaaamlk…

  6. kkkkkkkk…uruuu….é rapaziada…tem gente aí ki ainda sao contra nois…

  7. Gente ese muleque tem mesmo que apanha para nei pensa em ser baitola deus deixou homem e mulher para se ama nao foi viados safados para viaa nao ok

  8. Quanta ignorância da parte de alguns. Ele errou em fazer piada com isso, assim como ela errou na reação. Precisa agredir por descobrir que o filho é gay? Acordem, nada justifica.. Isso só mostra a mediocridade de algumas pessoas..

  9. O COMPORTAMENTO DESTA MÃE É UM EXEMPLO CLARO DA IGNORANCIA DENTRO DOS LARES, E DA FALTA DE RESPEITO E AMOR AO PRÓXIMO. SERÁ QUE CRISTO AGIRIA DESTA FORMA???

    • Rober, antes de mais nada, por favor não comente com texto em caixa alta, Escrever assim é passar a ideia de estar gritando. não precisa disso ok?
      Segundo, Você tem mãe? vai me dizer que ela jamais, te deu uma bronca, te pôs de Castigo, ou te deu uns tapas na Bunda por algo errado que você tenha feito ou dito, ou não atendido a ela ou ter sido mal educado, ou etc etc?? A mãe teve uma reação natural diante da Surpresa deste Imbecil que não pensou nela, ao fazer uma palhaçada destas, Por uma brincadeira destas, ela até bateu pouco.

      • Olha aí Fala Serio mandando dica de língua portuguesa, hipocrisia é uma bost* né?
        Minha mãe nunca foi violenta comigo, a sua mãe é violenta com você?
        De qualquer forma o vídeo é uma piada. Como eu disse ali em cima, em outras palavras, MEU DEUS! COMO RECLAMA ESSA VELHA!

        • A atitude deste Garoto foi Imbecil, e não to falando nada contra Gays, apenas sobre a atitude estupida de uma pessoa que não tem consideração pela própria mãe. Foi Imbecilidade, Ele não pensou na mãe dele ao fazer essa Babaquice. Tem que apanhar mesmo, pela falta de bom senso

          • Se todo mundo que falta com o bom senso tem que apanhar, eu te pergunto: Seria você um fantasma que morreu apanhando por falta de bom senso e agora está preso na internet? :O ó ceus, quem poderá nos salvar?

  10. QUEM ACHA QUE BATER EM UMA HORA DESSAS É EDUCAR, ESTÁ TOTALMENTE POR FORA DE EDUCAÇÃO E PRINCIPALMENTE DE RELAÇÃO FAMILIAR. NO MÍNIMO ESSAS PESSOAS QUE PENSAM ISSO, ACHAM QUE O PRÓXIMO PASSO SERIA EXPULSAR E JOGAR O FILHO NA RUA. CAMBADA DE IDIOTAS. DEIXA DE OLHAR PARA O PRÓPRIO UMBIGO E PENSA UM POUCO NO PRÓXIMO.

  11. *- O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM O BRASIL???

    *-NA MÍDIA IMPRENSA E NA MÍDIA DIGITAL SÓ SE FALA EM :

    *- GAY – FELICIANO – CRENTE FANÁTICO – BETO RICHA – GLEISI – DILMA E AÉCIO!

    E NOSSAS VIDAS? E A INFLAÇÃO EUROPEIA QUE ESTA ATRAVESSANDO O ATLANTICO?

  12. CACETE NELE!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  13. Que mãe idiota, eu nem divulgaria o vídeo com vergonha da atitude dela. Interessante, a respeito dos comentários preconceituosos, um documentário da HBO (middle sexes, tem no youtube) certa vez demonstrou através de testes que os homofóbicos eram os que se sentiam excitados com filmes pornôs gays em comparação com os homens heterossexuais que aceitavam e não se incomodavam com o homossexualismo alheio.
    Pois a questão é por quê incomoda tanto algumas pessoas? Por quê as pessoas se sentem ameaçadas com uma característica de nascença? Pensei nisso assim que li alguns comentários homofóbicos de alguns homens no próprio blog… É de se pensar… É de se pensar…

    • A mãe é idiota???? A sua também era??? Vai me dizer que jamais foi repreendida pela sua mãe, ou levou uma tapas na bunda por ter feito algo errado ou mânha ou etc??? E acha que sua mãe era idiota também??? Idiota foi a brincadeira deste imbecil. E você acredita em Testes ou videos produzidos no Youtube? é de rir!!!

      • Ele não fez nada de errado. E tudo o que você está dizendo é que a violência é justificada por ele dizer que é gay. O que é apenas a mais absoluta normalidade, as pessoas nascem assim, não é uma escolha.
        O teu comentário além de ser vazio e concordar com a violência física só demonstra a tua intolerância, o que, por si só já é estranho.
        Ah, e o documentário é produzido pela HBO e consta no site IMDB.

        • Tem pessoas sim que já nasci gay. Mas hoje em dia não está bem assim como muitos pensam. Ser gay hoje dia virou moda. Para muitos é procurar novos prazeres. Ser lésbica no passado era coisa muito rara de se ver. Mas hoje as menininhas se juntam acham normal se esfregar e se beijarem. Homens casados, muitos até avô são, estão aí soltando as frangas. Pelo jeito que as coisa vão, no futuro, o pai vai apresentar aos filhos não a namora e sim o namorado. E muita gente acha isso normal.

      • Caro Fala sério, segue aqui um texto do dráuzio varella sobre violência e homossexualismo. Quem sabe assim as pessoas levem a sério… tomo a liberdade para destacar essa parte:
        “Afinal, caro leitor, a menos que seus dias sejam atormentados por fantasias sexuais inconfessáveis, que diferença faz se a colega de escritório é apaixonada por uma mulher? Se o vizinho dorme com outro homem? Se, ao morrer, o apartamento dele será herdado por um sobrinho ou pelo companheiro com quem viveu trinta anos?”

        • Deixe de ser tosca, Vai me dizer que você numa levou bronca ou uns tapas na sua Bunda, quando ela nova, e por ter feito ou dito algo???Ahh acorda, fez bem a mãe, essa é uma brincadeira de muito mal gosto, e nada tem haver com intolerancia. Deixe de ser tapada.

  14. Agora vamos e venhamos,o blog do esmael está perdendo a qualidade nos posts

    Está sem assunto Esmael,que tal postar que o desgoverno Beto não repassa há 6 meses verbas para o Hospital da PM??

  15. Alguém aí conhece um ex-viado, ex-gay,ou então um ex-traveco??

  16. Tá certa a mãe! Parabéns para ela!

    Ainda que o vídeo todo, inclusive a mãe, sejam uma farsa com objetivo de “sensibilizar” sei lá quem.

    Toscos numa tosquice!

    • País livre, aqui as pessoas podem ser o que quiserem independente da vontade de pai ou de mãe, muito menos da falsa igreja evangélica que não prega o mais elementar dos deveres, o do respeito ao próximo.

  17. NOTEI ALGO ESTRANHO!!
    *-PARECEU-ME COMBINADO! a MÃES ESPERAVA E SÓ FALAVA QUANDO ELE MANDAVA!

    *-a SURRA FOI DE LEVE …TIPO NET…DE BRINCADEIRINHA!!

    *- Por outro lado, este jovem vai muito dinheiro pelos Cliks em seu video! Cada pessoas que assistir dá 0,80 centavos (MMN).

  18. Parabéns, mamãe.

  19. No minimo esse “rapaz” já é e não sabe se assume. E depois, se foi brincadeira… Mas que brincadeira de mal gosto, só para zoar a própria mãe. ë de uma Imbecilidade completa. Tem mais é que apanhar mesmo. Boçal, e agora os gays vão usar essa Babaquice pra tentar mostrar que todos são intolerantes com eles, parecem o personagem Chaves… “Ninguem me entende”.

  20. Esta é a realidade. Qual o pai ou mãe que vão na maternidade para esperar um filho gay?
    Os filhos são criados como homem ou mulher, menino ou menina, macho ou fêmea.
    O colorido é apenas para esconder a escuridão interior.

  21. Exagero nem um, por parte da mãe. Se os pais não educar, a rua educa e para piorem alguns casos.

    • desculpa, mais podes traduzir teu comentário para o português? kkkkkk

    • Embora seja uma encenação medonha, nada mais retrata do que uma pura realidade nos lares brasileiros.

      Sou heterossexual, não há homossexuais em minha família (pelo menos que eu tenha conhecimento), mas digamos que um sobrinho ou sobrinha ou futuramente filho ou filha meus venham a se declarar verdadeiramente homossexuais.

      Iremos espancá-los até mudarem de opção? Graças a Deus a cultura em minha família é do respeito ao próximo, do acolhimento, e já ocorreu em relação às drogas com pessoas bem próximas a mim, mesmo tendo de suportar algum tipo de sofrimento em razão de alguma retrógrada expectativa frustrada sobre algum componente familiar…

      Sinceramente, por mais demagógico que pareça ser, VIVA A DIFERENÇA!!!

      • Vizinhos com mais de 20 anos de convivência expulsaram uma filha com 18 anos de casa em razão da mesma se declarar viciada em crack e que pretendia namorar um provável traficante da região…

        Acolhemos por 3 difíceis meses em nossa casa, a mesma se livrou do vício, do encosto que era o tal namorado barra pesada, e voltou para a casa dos pais, os quais arrependidos de terem a jogado à própria sorte nas ruas, tiveram em nossa forma de pensar em agir uma provável salvação para sua filha, que na rua iria se perder de vez…

        Agredir um homossexual, que nada tem haver com o vício em drogas, foi apenas um exemplo de acolhimento, expulsá-lo de casa e jogá-lo na rua, irá resolver o que? A imagem do casal com os vizinhos e outros familiares será “poupada”? Este filho ou filha com opção diversa dos pais, expulso de casa, não irá para o mundo das drogas ou prostituição com mais facilidade?

        Que futuro “promissor” ou de “cura da dependência ou restabelecimento de preferência sexual” este jovem terá com estes comportamentos de agressividade e/ou abandono?

    • verdad3e.,