Marcha das Vadias será dia 13 de julho em Curitiba

Em 2012, Marcha das Vadias reuniu 2 mil pessoas em Curitiba. Fotos: Blog do Esmael.

Em 2012, Marcha das Vadias reuniu 2 mil pessoas em Curitiba. Fotos: Blog do Esmael.

A Marcha das Vadias em Curitiba, edição deste ano, será no dia 13 de julho. No próximo sábado, dia 9, a coordenação do movimento se reunirá, a partir das 14 horas, na sede do Grupo Dignidade, para deliberar sobre: “trajeto; atos; tema; e comissões”.

A Marcha das Vadias Curitiba 2013 pede apoio de fotógrafos e designers, por exemplo. A reunião da organização, no próximo sábado, será na Avenida Marechal Floriano Peixoto, 366, Centro.

O movimento tem como objetivo a busca da reflexão sobre a culpabilização da mulher em casos de agressão sexual.

A Marcha das Vadias possui um manifesto, embora gere polêmica, tem um propósito político, um plano de ação, pois luta pelas seguintes bandeiras: contra a violência sexual; contra o falso moralismo; feminismo renovado; e cidadania.

Portanto, a solidariedade deste blogueiro com todas as vadias! curitibanas, paranaenses e brasileiras.

16 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. O manifesto é justo e vai causar muita excitação na molecada
    Pais se seus filhos demorarem muito no chuveiro desliguem a chave geral,kkkkkkk

  2. Imoressão minha ou nenhum dos comentaristas supracomentandos está realmente interessado em entender o lado das “vadias”?????

  3. Estive por vezes observando fotos destes eventos, cheguei a conclusão que só mesmo as putas feias, mal acabadas e que normalmente não teriam um olhar sequer virado em sua direção, fazem parte destes movimentos, tiram a roupa e saem de peito de fora nas ruas do país. Por que será que as vadias lindas, gostosas, peitinho perfeito, corpinho de dar inveja, não se pelam e vão pra rua encher nossos olhos? Só as barangas não vale. Nós homens deveríamos sair às ruas exigir que as vadias bonitas ocupassem sempre as pirmeira filas da manifestação, assim só apareceriam nas fotos as mais lindas e gostosas.

  4. Vai entender esse putedo que tira a roupa para dizer que não quer tirar a roupa? Desisti de querer entender as mulheres.

  5. Eu sou mulher e jamais me prestaria a este papel, além de ser repugnante é ainda mais questionável que a própria situação levantada. Precisa tirar a roupa e mostrar aqueles peitos murchos, caidos, aquela bunda que parece ter saído da segunda guerra mundial para exigir respeito? Para mim isso é um bando de VADIAS (desocupadas) que querem aparecer em fotos, jornais, revistas e matérias na tv, então fazem isso e partem para a apelação visual.

  6. Uma vadia que precisa tirar a roupa, sair nua na rua, pensa que agindo assim terá o repeito do público masculino? Não repeitam e exigem respeito? Vai entender!

  7. não entendo a relação mesmo. Reclamar de violência e colocar os peitos de fora? Deve ser linguagem moderna. É um paraiso para os adolescentes de plantão….

  8. SE ELAS PEDEM RESPEITO, POR QUE SE AUTO-DENOMINAM DE VADIAS ?

  9. A que nível chegamos.
    Depois querem respeito.

  10. Li em seu outro texto sobre o Passeio Público (https://www.esmaelmorais.com.br/2013/03/neste-sabado-intelectuais-lancam-o-passeio-publico-e-nosso/) que disse “veados” participariam da campanha de revitalização… O correto não seria “viados”?

    • “Veados” ou “viados”, tanto faz, o bicho é o mesmo.

      • A titulo de informação:
        “Veado” se refere a ANIMAL e “Viadö” se refere a GAY, BICHÄ.. essas coisas. (homossexuais no modo geral mas no masculino).

  11. O QUE NÃO PODE HAVER NO MEIO DISTO TUDO SÃO ÁS TAIS “FEMINAZIS!”

    Desde o início as marchas das vadias na maiorias das cidades se revelaram um circo sem qualquer tipo de sentido tendo em conta a forma como as mesmas surgiram. Para além dos normais ataques a todos os homens (como se todos os homens fossem violadores), e ao Cristianismo , as marchas falharam em mostrar como as mesmas de alguma forma foram eficientes no combate às violações.
    Lembrem-se que era esse o propósito: ensinar os homens (todos os homens) a não violar mulheres.
    Mas há uma distância enorme entre o que elas falam (propaganda) e a forma como as feministas agem. Devido à forma ridícula e claramente desordenada como elas se comportam, algumas mulheres ainda não totalmente imersas nas mentiras feministas resolveram verbalizar o seu desgosto pelas marchas. Sabe por que? Analisem ás seguintes frases de algumas pensadoras:
    1 – Valerie Solanas diz:
    “Subsistem ainda fêmeas com mente cívica, responsáveis, em busca de emoções fortes e prontas a subverter o governo, eliminar o sistema monetário ( . . . . ) e destruir o sexo masculino.”
    Resposta: Vão estudar e trabalhar duro para subir na vida!
    2 – Robin Morgan acrescenta:
    “Sinto que o ódio aos homens é um acto político nobre e viável, e que os oprimidos possuem o direito de ódio de classes contra a classe que os oprime.
    3 – Andreia Dworkin diz:
    “Quero ver um homem espancado até sangrar e com um salto alto enfiado na sua boca, tipo uma maçã enfiada na boca dum porco.”
    Resposta: Sem comentários diante da sandice!
    4 – Germaine Greer:
    “Acho que a testosterona é um veneno raro.”
    Resposta: Que é uma pergunta: Alguém já tomou este hormônio masculino e caiu dura no chão?
    5 – Catherine MacKinnon:
    “Toda a atividade sexual, mesmo a consensual entre um casal, é um ato de violência perpetrado contra a mulher.”
    Resposta: “Se masturbem ou usem consolo!”
    6 – Marilyn French:
    “Todos os homens são violadores e é isso que eles são.”
    Resposta: “Então a maioria das mulheres são monstrengos resultado de uma relação sexual de um pai e mãe que se amam ou se amaram um dia!”

    Tendo isto em conta, de que forma é que o feminismo”liberta” os homens?
    Continuamos com mais assim com demonstrações de “desrespeito” da esquerda feminista militante contra o Cristianismo.
    As mulheres Cristãs, discordam dos gestos cristofóbicos ao mesmo tempo que esperam que as feministas levem a cabo iniciativas semelhantes em mesquitas só par ver o que dá! Vão lá!
    Ou procurem o que fazer!

  12. MArcha Apoiada !!!!!! Os Advogados de Estupradores, tentam sempre dizer que o culpado pelo estupro é a vitima (mulher) pra livrar seus anormais clientes. E Viva as Mulheres e Viva a Putas,e as Vadias. Pelo menos assumem que são, tem muitas calcinhas de seda, que se dizem ter moral ilibada, mas no escurinho… são mais Vagabundas que as Putas e vadias assumidas. Quero ver alguem falar contra, ja que apoiam o feriado da Consciencia Negra, e já provaram um vadia pelos moteis da cidade. Ahh e pagando claro. kekekek

  13. Tecnicamente é possível, sim.

  14. Esmael, tem como o seu blog transmitir a marcha ao vivo? Não seria uma boa pra voce e para o movimento?