Estadão sugere que Joaquim Barbosa peça para sair do cargo

do Brasil 247

Com 24 horas de atraso, jornal O Estado de S. Paulo publica editorial reagindo à  agressão sofrida por seu repórter Felipe Recondo, a quem Joaquim Barbosa chamou de "palhaço"; Se não se sente em condições físicas e psicológicas para manter um comportamento público compatível com a dignidade dos cargos que exerce, Joaquim Barbosa deveria deles se afastar!, diz o texto; ministro ainda não se desculpou pessoalmente com o profissional.

Com 24 horas de atraso, jornal O Estado de S. Paulo publica editorial reagindo à  agressão sofrida por seu repórter Felipe Recondo, a quem Joaquim Barbosa chamou de “palhaço”; Se não se sente em condições físicas e psicológicas para manter um comportamento público compatível com a dignidade dos cargos que exerce, Joaquim Barbosa deveria deles se afastar!, diz o texto; ministro ainda não se desculpou pessoalmente com o profissional.

Com 24 horas de atraso, o jornal Estado de S. Paulo reagiu à  agressão sofrida por um de seus profissionais, o repórter Felipe Recondo, e que foi cometida justamente pelo homem que deveria zelar pela Justiça no País: o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa.

No editorial Lamentável truculência!, o jornal afirma que o ministro, se não se sente em condições físicas e psicológicas de cumprir com suas funções e com o decoro do cargo, deveria deixá-lo, lembrando que Barbosa atribuiu a agressão que cometeu a uma dor nas costas. Segundo o Estadão, Barbosa ainda não se desculpou de forma adequada e coloca em risco sua própria imagem.

O texto, no entanto, transita numa linha tênue entre a crítica ao estilo de Barbosa e os elogios à  sua conduta do ministro na Ação Penal 470. “Barbosa foi transformado no Torquemada do PT pela mídia”, avalia o jornalista, professor e militante político Emiliano José. “Depois de endeusá-lo, fica difícil criticá-lo”.

Eis a dificuldade do Estadão e de praticamente todos os veículos que cultuaram a figura de Joaquim Barbosa: como ele foi transformado em herói por ter cumprido uma função politica e ter sido o algoz dos réus do processo do chamado mensalão, a crítica se torna mais delicada e cuidadosa.

Até agora, além de ter chamado o jornalista de “palhaço” e de tê-lo acusado de “chafurdar no lixo”, justamente porque apurava uma reportagem sobre o excesso de gastos e mordomias no STF, o ministro Barbosa também se nega a responder à  críticas de associações que representam 100% dos juízes brasileiros, que o acusam de ser superficial, preconceituoso, desrespeitoso e “dono da verdade”. Barbosa, chefe do Judiciário, acusou seus pares de terem uma mentalidade pró-impunidade.

Para o 247, o estilo de Barbosa jamais surpreendeu (leia mais em “O estilo é o homem”).

Leia abaixo o editorial:

Lamentável truculência – EDITORIAL O ESTADàƒO

O ESTADO DE S. PAULO – 07/03

à‰ profundamente lamentável que, por causa de um temperamento muitas vezes descontrolado, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, coloque em risco a admiração e a credibilidade que conquistou – não apenas para si, mas, com a colaboração de seus pares, principalmente para o Poder republicano que hoje comanda – por ocasião do histórico julgamento da Ação Penal 470, que, ao mandar para a cadeia uma quadrilha de criminosos de colarinho-branco, sinalizou o fim da impunidade para os poderosos da política brasileira.

Joaquim Barbosa, cuja história de vida é um exemplo e um estímulo para todos os seus compatriotas, está hoje empenhado, na presidência do STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), numa luta muito mais ampla e renhida do que a que enfrentou no julgamento do mensalão, que teve a espinhosa responsabilidade de relatar. Profundo conhecedor das mazelas da Justiça brasileira, Barbosa está firmemente determinado a dar a contribuição de seus mandatos à  frente do STF e do CNJ para que o aparato Judiciário se torne verdadeiramente capaz de fazer justiça a partir do princípio fundamental de que todos os cidadãos são iguais perante a lei.

Contudo, diante do peso do desafio que se coloca diante do ministro, as reiteradas manifestações de descontrole emocional de Barbosa tornam-se muito preocupantes. Já durante o julgamento do mensalão, transmitido ao vivo e acompanhado por um enorme contingente de brasileiros, em várias ocasiões o então ministro relator tratou com impaciência e descortesia os pares que se opunham a suas ponderações. Mais de uma vez, viu-se obrigado a se desculpar. E a maior parte do público sempre assimilou esses deslizes com alguma tolerância, até porque era testemunha do padecimento físico que um problema crônico de coluna impunha ao ministro.

No entanto, na última terça- feira, à  saída de uma sessão do CNJ, o destempero de Joaquim Barbosa ultrapassou os limites da civilidade. Ele ofendeu, com inacreditável truculência, um repórter deste jornal que tentava lhe fazer uma pergunta sobre a crítica que o ministro recebera de associações de juizes por ter dito, numa entrevista, que há juizes que aplicam com demasiada complacência uma lei penal já excessivamente leniente. Sem permitir que o jornalista sequer concluísse a pergunta, Barbosa pediu que fosse deixado em paz e fulminou, em tom raivoso: “Vá chafurdar no lixo, como você faz sempre”. E, enquanto seu assessor tentava afastá-lo dali, ainda chamou de “palhaço” o profissional que queria apenas entrevistá-lo.

O fato de a vítima da truculência do ministro ser um repórter deste jornal é irrelevante. A irresponsabilidade cometida por Barbosa atinge toda a imprensa, e não se redime com um anódino pedido de desculpas formulado em nota oficial pela assessoria do STF. Nem minimiza a gravidade do ocorrido a alegação, contida na nota, de que Joaquim Barbosa fora “ríspido” com o jornalista porque saíra de uma longa reunião do CNJ “tomado pelo cansaço e por fortes dores”. Se não se sente em condições físicas e psicológicas para manter um comportamento público compatível com a dignidade dos cargos que exerce, Joaquim Barbosa deveria deles se afastar. à‰ o que merece como ser humano, é o que dele espera a enorme massa de brasileiros que por ele tem demonstrado, até agora, admiração, respeito e apreço.

A reincidência do presidente do STF num comportamento reprovável sob todos os aspectos – desde a transgressão da liturgia do cargo que ocupa até o comprometimento de uma imagem pública que favorece o aperfeiçoamento das instituições nacionais – foi recebida com escandaloso regozijo, nas mídias sociais, pelas viúvas do mensalão, interessadas em desacreditar o principal responsável pelo desfecho da Ação Penal 470, em proveito dos dirigentes partidários condenados à  prisão pelo crime de comprar apoio parlamentar para o governo Lula.

E hora de Joaquim Barbosa parar para pensar que pode estar começando a desfazer tudo o que até agora construiu com grande competência e admirável dedicação.

43 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Tenho até pena do Torquemada Barbosa. Sonhou em ser aceito na festa da Casa Grande ao jogar a AP 470 no lixo, rasgar a Constituição e condenar sem provas os réus. Sonhou ter recepção apoteótica na Sapucaí. Mas, o povo não é mais bobo; e com o absoluto fracasso do factóide global de suas máscaras de carnaval, preferiu o recolhimento. A “ficha caiu”. Agora, ataca bonecos de ventríloqüo do PIG. Seus muitos defeitos serão realçados pela mídia golpista, e cairá em desgraça, como Collor e Demóstenes certa vez caíram. O Batman dos idiotas, mas, o projeto de Idi Amin ou Papa Doc da vida real, será condenado a “chafurdar no lixo” que indicou como moradia para o fantochezinho do PIG. Outro indesejado pela Casa Grande que será descartado quando não for mais útil a ela, como foram no passado Wilson Simonal e Celso Pitta. Triste fim dos seus quinze minutos de fama.

  2. Com tanta coisa importante para se preocupar em Brasilia, o porra do reporter do Estadao foi “chafurdar” futilidades dignas de revista de fofoca. Tem jornalista que merece mesmo pau, policia e cadeia.

  3. A atuação do excelente e magnífico Ministro Joaquim Barbosa deixa alguns paranaenses desnorteados porque por aqui a Justiça é uma porcaria (pra não falar outra coisa).
    Há também a inveja de muitos dotorzinhos de meia-pataca.
    Quanto ao jornal e ao jornalista, são estercos humanos, aqueles que não servem para nada.
    Gosto do tratamento que Requião dá a este tipo de profissional.

  4. A impunidade neste pais é um HORROR. Joaquim trabalhou duro para chegar a condenação dos mensaleiros. Jornalista peca quando insiste em algumas perguntas….FORÇA JOAQUIM. AS PESSOAS DECENTES DESSE PAIS ESTÃO COM VOCE.

  5. Ninguém é obrigado a atender ou responder aos questionamentos de jornalistas e da imprensa. Se um bandido nega-se a emitir respostas aos questionamentos da imprensa, porque tanta cobrança sobre o ilustre Joaquim Barbosa. Será que é gente ligada aos condenados no caso mensalão? O precioso jornalista deveria fazer um tratamento com SIMANCOL. E tem mais: o digníssimo JB teve a humildade de pedir desculpas. O que faz a imprensa quando acusa alguém que depois é reconhecido como inocente? Já pediu desculpas para alguérm ?

    • CEL: LUIZ EDUARDO,

      PARABÉNS PELA SUA POSTAGEM!!!! COMPARTILHO EM TEXTO ACIMA. ESSE JB, FOI DIGNO, E TEVE O BOM SENSO, NÃO SÓ DE PEDIR DESCULPAS, MAS, “GRAÇAS A DEUS’, INPEDIR QUE SEU ZÉ DIRCEU FOSSE PARA O VELÓRIO DE SEU AMIGO E DITADOR, HC. MAIS UMA VEZ, ESSE HOMEM, DEMONSTRA A VONTADE DE ACABAR COM A IMPUNIDADE, E MOSTRAR A SOCIEDADE QUE EXISTE COÊRENCIA NA JUSTIÇA MAIOR. DEVEMOS A ELE NOSSO RESPEITO, E MUITO BEM LEMBRADO EM ALGUM COMENTÁRIO QUE LI, QUE OS JORNALISTAS DO CQC, INTIMIDAM E AGRIDEM PARLAMENTARES EM PLENO CONGRESSO E SENADO, E A MIDIA ‘CALA-SE’!!!! CORRETO ELES FAZEREM ENTREVISTAS, MAIS REDICULALIZAR OS PARLAMENTARES, É NO MINIMO FALTA DE EDUCAÇÃO. SEJA QUEM FOR!!!!!!!!! JOAQUIM BARBOSA, NÃO SE PRESTE A DAR EXPLICAÇÕES DESNECESSÁRIAS, A ESSA MIDIA INDUSIDA, POR PARTIDOS QUE HJ CORRUMPEM A QUALQUER UM, SEJA POR MOTIVO QUALQUER.

      • Contenha-se um pouco, O POVO DESTE PAÍS ADORA OS JORNALISTAS DO CQC, sabe porque? Porque os PARLAMENTARES são mal educados e ridicularizam o povo deste país diariamente, inclusive seu amigo “mouse”.

  6. joaquim barbosa;nao se deixe lavar por estes que querem seu couro,isto a pratica da midia e de pessoas que ,num modo colpista sempre tantando oportunar espinhar de forma a sempre inrritar alguel.isto ja ocorreu com requiao no parana.doa aquem doer cadeia nesses,estes que vam sempre atras de carnica com mal intencao,sempre se postaram de vitima.depois querer falar de liberdade de expresao.issto e mal intensao tambem isto ocorreu com fernado color perguntas mal intencionadas.joaquim estou com v .muito obrigado .seo adm .de bituruna parana assis bolsoni.

  7. ABSURDO É O ESTADÃO FAZER UM CAVALO DE BATALHA COM ESTE FATO, JUSTAMENTE QUANDO O PAÍS TEM A ESPERANÇA DE JUSTIÇA RENOVADA, COMO SE JORNALISTAS FOSSEM ILIBADOS. JORNAL NA MINHA CASA, É PRA FAZER O FOGO DO CHURRASCO E A LIMPEZA DOS VIDROS, PORQUE PELA INFORMAÇÃO, JÁ ESTÁ CUSTANDO MUITO CARO. TUDO TEM LIMÍTE, QUANDO A NOTÍCIA É MAIS IMPORTANTE QUE A INFORMAÇÃO!!

  8. finalmente o Joaquim tá recebendo o que merece. Fez o jogo pela vaidade…mas o troco está vindo. E vai ficar pior.

    • Pode ser porque afinal o lobby do PT de Molusco e da Ex guerrilheira ( dedoduro), é grande, mas ele nao se dobrou. E os Petistas, achavam que “JA GANHOU” Não vai dar em nada…. enganou-se

  9. Cadê aqueles que falam tanto da PIG, o negócio é que se bater também leva….ah Folha não é um filiado da PIG?

  10. Todo mundo um dia perde a cabeça e desce o verbo, fala palavrão tipo FDP, só que tem a sorte de não ser filmado ou fotografado. Só que hoje nos tempos hipócritas que vivemos, isso é assédio moral e o Joaquim B pode ser até processado. Engraçado que os políticos chegam a agredir fisicamento os jornalistas do CQC e não acontece nada! Nenhum jornal noticía! Falando do JB e do porquê ele virou herói. No Brasil existe muitos abusos principalemente de juízes do judiciária e ninguém faz nada. Ele veio, julgou os corruptos, bateu de frente com colegas juízes, com Gilmar Mendes (apadrinhado do PT) e se deu bem! Viva! Ele é um Collor contra os Marajás e um Lula contra os corruptos da Direita. É claro que como o povo se decepcionou com os dois primeiros também se decepcionará com ele.

    • “[…] Gilmar Mendes (apadrinhado do PT)[…]”?! Gilmar vive cavando a sepultura do PT. E quem o nomeou para STF foi o PSDB, via FHC.

  11. nosso amigo já não atende mais a interesses.
    os barões já estão começando a se mexer para colocar outro laranja para charfudar com o Lula, Dilma, PT, etc……..

  12. É sempre assim a midia mercenária faz destas coisas, transforma um homem honrado e de carater num canalha e de outro lado, transforma um canalha num herói nacional, isso porque o homem honrado, não se vende e não PAGA, a midia.

  13. Enquanto ele fez o que queriam estava tudo bem!!!

  14. No final do texto não deixaram de “preservar a grande conquista” deles que foi a condenação do pessoal do PT e aliados de Lula/Dilma. Na verdade eles estão mais preocupados com isso e sabem que o destemperado Joaquim Barbosa põe isso a perder.

  15. COMO CIDADÃO COMUM NO MEIO DESTA HISTÓRIA TODA, DEFENDO FEROZMENTE A CONSTITUCIONAL LIBERDADE DE EXPRESSÃO!

    Esmael e demais a liberdade de expressão não importa como a mesma se manifeste desde que não fira a honra e a dignidade de qualquer ser humano e não seja motivo para outros crimes, na política e nas questões públicas é o suporte de qualquer democracia. Numa sociedade democrática não se controla o conteúdo da maior parte dos discursos escritos ou verbais mas administra-se ás consequências depois. Ou seja, nas democracias têm e sempre haverá vozes exprimindo idéias e opiniões diferentes e até contrárias mesmo com palavras desagradáveis e isto vai da consciência de cada um. Um debate livre e aberto resulta geralmente numa melhor opção e tem mais chances de evitar erros graves. A democracia em qualquer sociedade depende de gente educada e bem informada cujo acesso à informação lhe permite participar o quanto possível na vida pública da sua coletividade e criticar funcionários públicos dos poderes legislativos, executivos e judiciário. Cada um de nós como cidadãos, dependemos de acesso mais rápido e amplo possível a idéias, dados e opiniões não sujeitos a censura seja de quem for.
    RESUMINDO: Para um povo livre compreender e aprender a governar a si mesmo, deve ser livre para se exprimir, aberta, pública e repetidamente de forma oral ou escrita. A liberdade de expressão é um direito fundamental, mas não é absoluto, e não pode ser usado para justificar a violência, a difamação, a calúnia, a subversão ou a obscenidade. E pior querer derrubar um governo constitucional com suas instituições e promover o famigerado comportamento licencioso.
    E o motivo disto tudo foi o fato de ter chamado “o jornalista de “palhaço” e de tê-lo acusado de “chafurdar no lixo”, justamente porque apurava uma reportagem sobre o excesso de gastos e mordomias no STF…?”
    Só para lembrar: O que é um palhaço?
    Resposta: “O palhaço é um ator comediante que diverte o público através de seu comportamento e maneirismos exagerados e às vezes ridículos. O seu local de trabalho mais comum é o circo, mas também pode trabalhar em palcos, teatros, apresentadores, (em jornais) e festas em geral ( aniversários, escolas, empresas e onde o público desejar ).”
    O que é chafurdar?
    Resposta:”Chafurdar é verbo intransitivo e significa, revolver-se em chafurda ou lamaçal como os porcos chafurdam na lama. E no sentido figurativo significa, atolar-se em vícios, perverter-se!”
    Só para lembrar: Este jornal O Estado de São Paulo nas últimas eleições no país e no estado de São Paulo, tem apoiado os candidatos do PSDB explicitamente!
    Será que os donos e articulistas do jornal O Estado de São Paulo não entenderam a mensagem subliminar contida nas palavras do cidadão juiz Joaquim Barbosa…?

  16. Aguardem, pois embora não seja preconceito, a mídia irá cuidar daquele que foi muito bajulado, quando aplicou o rigor da lei contra os inimigos dela.
    Mantê-lo com o status que ele adquiriu e com o pedigri que ele tem, será perigoso, inclusive para os amigos dela.
    Alguém conhece a história do monge e do grão de trigo?!
    Fique atento, Glorioso Ministro!

  17. Isso é coisa de gente com Rabo Preso, Tem certos “Pseudos Jornalistas” que tem levar na Cara mesmo, fazem a mesma pergunta dezenas de vezes e cada vez de forma mais capciosa. Ou devem querer aparecer ou são tão burros que não entenderam a resposta na primeira vez que perguntaram. O que tem de “jornalistas” mercenários no Brasil é uma enormidade. Força Joaquim Barbosa!!! Tem apoio da imensa maioria do povo brasileiro. O Sr. ainda é a fonte de fazermos continuar acreditando na Justiça.

    • Que lindo!!!!!!!!!!! ele vai ficar muito feliz depois de ler esse seu comentário.

      • Espero que sim, porque se depender de muitos juizes e magistrados que não honram a toga, se vendendo para dar ganho de causas a quem tem cacife é de estarrecer. Esse JB, não se dobrou nem pro Lula, como todo os idiotas fazem!!

  18. COMO CIDADÃO COMUM NO MEIO DESTA HISTÓRIA TODA, DEFENDO FEROZMENTE A CONSTITUCIONAL LIBERDADE DE EXPRESSÃO!

    Esmael e demais a liberdade de expressão não importa como a mesma se manifeste desde que não fira a honra e a dignidade de qualquer ser humano e não seja motivo para outros crimes, na política e nas questões públicas é o suporte de qualquer democracia. Numa sociedade democrática não se controla o conteúdo da maior parte dos discursos escritos ou verbais mas administra-se ás consequências depois. Ou seja, nas democracias têm e sempre haverá vozes exprimindo idéias e opiniões diferentes e até contrárias mesmo com palavras desagradáveis e isto vai da consciência de cada um. Um debate livre e aberto resulta geralmente numa melhor opção e tem mais chances de evitar erros graves. A democracia em qualquer sociedade depende de gente educada e bem informada cujo acesso à informação lhe permite participar o quanto possível na vida pública da sua coletividade e criticar funcionários públicos dos poderes legislativos, executivos e judiciário. Cada um de nós como cidadãos, dependemos de acesso mais rápido e amplo possível a idéias, dados e opiniões não sujeitos a censura seja de quem for.
    RESUMINDO: Para um povo livre compreender e aprender a governar a si mesmo, deve ser livre para se exprimir, aberta, pública e repetidamente de forma oral ou escrita. A liberdade de expressão é um direito fundamental, mas não é absoluto, e não pode ser usado para justificar a violência, a difamação, a calúnia, a subversão ou a obscenidade. E pior querer derrubar um governo constitucional com suas instituições e promover o famigerado comportamento licencioso.
    E

  19. Não por ele ter condenado “José Dirceu” e sim, por ter condenado uns malandros, ladroes.. mas isso não quer dizer que esse ministro possa faltar com respeito a jornalista ou quaquer outra pessoa e, se tiver doente,com dor, que vá se tratar e não seja grosso esse pentelho recalcalcado.

  20. FEZ O QUE RENN FEZ, SÓ COM UMA DIFERENÇA, SE ELE ERROU, JÁ SE DESCULPOU. E RENAN?????? QUE DISSE QUE NO PASSADO JÁ PARTICIPOU DE PROTESTOS…..DEBOCHANDO DOS BRASILEIROS. ELE QUE TEM QUE SAIR????
    ESTADÃO, BAIXA SUA BOLA, E LEMBRE-SE QUE A MIDIA É DEMOCRÁTICA, E NÃO TENDENCIOSA.

    • Incrível neste país com tem gente puxa-saco que adora aparecer…A Mídia é tendenciosa sim e nada democrárica, inclusive a emissora do seu amigo junior.

  21. JAMAIS TIRAR UM HOMEM, QUE ESTÁ ACABANDO COM A “IMPUNIDADE” NESSE PAIS. QUE INTERESSES TEM O” ESTADÃO” NA SAIDA DESSE GRANDE HERÓI ???????
    VAMOS DEIXAR UM ÉTICO, E POR UM CUMPLICE?????? ACORDA BRASIL, VAMOS SAIR EM DEFESA DESSE HOMEM CORAJOSO E RECONHECIDO NO BRASIL INTEIRO. O ÚNICO QUE ESTÁ ENFRENTANDO OS MENSALEIROS COMO MERECEM, E DANDO CREDITO A JUSTIÇA BRASILEIRA TÃO DESGASTADA NOS ULTIMOS ANOS. JOAQUIM BARBOSA, NÃO ESMOREÇA, ESTAMOS COM VC SEMPRE!!!!

  22. Engraçado é ver o esmael procurando reportagem em jornais que ele tanto critica… Vai entender..

  23. voces notaram a ameaça no ultimo paragrafo: “E hora de Joaquim Barbosa parar para pensar que pode estar começando a desfazer tudo o que até agora construiu com grande competência e admirável dedicação.”, ou seja, a pig mandou sua mensagem, se começar a pisar na bola, nos voltaremos a te tratar como no tempo em que vc brigava com o gilmar dantas.

  24. Os representantes da “Imprensa Golpista” massagearam o ego do JB no julgamento do mensalão, e o resultado está aí.

    • Joaquim “bagaço de laranja” Barbosa, já fez o serviço sujo que o PIG queria, agora rrrrrrrrrruuuuuuuuaaaaaaaaaaaaaaaaa.

  25. A imprensa se abraça com o Poder e quando leva o troco, mesmo assim não é capaz de enxergar o grande teatro que é o STF. O ministro em questão é apenas um ator e não é nenhum um pouquinho melhor que seus pares de teatro. Acorda mídia.

  26. como será que ele trata os advogados?

  27. Amavam tanto esse homem porque condenou o Zé Dirceu, agora se torna uma realção de ódio.

    • Sartei de lado!!!!!

      • Para quem “sarta de lado” por qualquer deslize verbal:

        1) “Eu fiz e estou fazendo tudo, só não saímos vestidos de baiana.” (preconceito nojento, não?)

        2) Já nas campanhas, “podemos brigar, podemos fazer o diabo”. (será que vale tudo mesmo, até fazer pacto com Lúcifer?)

        Um trampolim específico para “saltar de lado”, destinado a quem adivinhar de quem são as frases RECENTES.

        Para quem quiser conferir a resposta: As duas frases, comprovadamente, são recentíssimas (pesquisem no google) da Presidenta da República, ComandAnta Suprema das Forças Armadas, Dilma Rousseff.

    • Barbosão foi quem condenou os corruptos do Bolsa-Votação ou Mensalão.

      Barbosinha foi quem ofendeu o repórter usando desculpa mesquinha.

      Não perde os méritos da atuação no STF como Juiz (Ministro).

      Tem muito a perder não se desculpando publicamente.

      Usar “dores nas costas” como desculpa para o “destempero emocional”, é uma “faca de dois gumes”… Pode “cortar” também no sentido da presença desta “descompensação quase insuportável” quando dos julgamentos que tomou parte, haja vista sua dor nas costas ser recorrente pois sequer sentado conseguia permanecer por muito tempo, durante as sessões de julgamento dos órgãos pelos quais passou…

      É muito mais fácil julgar os outros do que ser julgado por seus próprios atos…

      Esta é uma das lições ou “remédios amargos” da nossa vida em sociedade…

      Dito isto, mesmo assim, ainda SOBRAM QUALIDADES no Barbosão.

      Sequer ousaria compará-lo a um “Zé Dirceu”… ou quaisquer outros seres nefastos e ávidos pelo mau uso do erário público e o “poder” que dele advém, principalmente corrompendo pessoas através do uso criminoso e clandestino destes recursos…

    • Nao porque ele condenou “Jose Dirceu” mas sim por ter condenado uns malandros.. ladroes !!! Mas que esse JB é um pentelho recalcado e, se ta doente que va se tratar, inclusive a cabeça