Blog do Esmael

A política como ela é em tempo real.

A bandidagem venceu o governo de Beto Richa? A insegurança ajudaria o PT nas eleições?

Governo Beto Richa (PSDB) se rendeu à  bandidagem do PCC? Segundo as capas dos jornais, sim, embora as autoridades neguem essa versão em público.

Governo Beto Richa (PSDB) se rendeu à  bandidagem do PCC? Segundo as capas dos jornais, sim, embora as autoridades neguem essa versão em público.

Os jornais paranaenses desta quinta-feira (21) trouxeram em suas manchetes a informação de que 38 presos foram transferidos para outros estados. Também registram que houve ataques do crime organizado em várias cidades do Paraná. O governo tucano nega relação entre os dois eventos.

Curiosamente, a velha mídia esconde a atuação do PCC dentro e fora dos presídios do estado. Dois agentes penitenciários foram assassinados nos últimos 30 dias. A polícia reconhece que os crimes tinham a ver com seus trabalhos.

A argumentação para a autocensura! na imprensa é de que existe no sistema um ranking e que qualquer referência à  sigla PCC, inclusive nas redes sociais, significaria apologia ao crime organizado. Discordo dessa tese.

O primeiro passo para o efetivo enfrentamento do problema na segurança pública, a meu ver, seria justamente reconhecer as limitações do Estado para resolvê-las. Não é tentando tapar o sol com a peneira que se levará segurança à  população. A sensação é de insegurança é fato em todo o Paraná.

Com medo de novos ataques, o governo do PSDB cedeu à  bandidagem. As transferências traduzem isso.

Correligionários dos tucanos ensaiam politizar essa questão dizendo que a ação do PCC é coisa para ajudar eleitoralmente os petistas em 2014. Foi a mesma tática que o tucanato usou no caso de São Paulo, onde a facção atuou à s vésperas das eleições. Lá, na capital paulistana, essa história de atribuir a incompetência a outrem não colou. Venceu Fernando Haddad (PT).

Comentários desativados.