13 de Março de 2013
por esmael
14 Comentários

Com histórico de atritos, Cristina Kirchner saúda novo papa Chico 1!º

do Brasil 247

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, deixou de lado o histórico de atritos com o jesuíta Jorge Mario Bergoglio, eleito novo papa nesta quarta-feira, para felicitar o papa Francisco pela eleição.

“Em meu nome, em nome do governo argentino e em representação do povo do nosso país, quero saudá-lo e lhe expressar minhas felicitações por ocasião de ter sido eleito como novo pontífice da Igreja Universal”, escreveu a presidente Argentina em mensagem enviada ao papa.

“à‰ nosso desejo que tenha, ao assumir a condução e a liderança da Igreja, um frutífera tarefa pastoral, desempenhando tão grandes responsabilidades em favor da Justiça, da igualdade, da fraternidade e da paz da humanidade”, continua a presidente argentina. “Faço chegar a sua Santidade minha consideração e meu respeito”, finaliza Cristina.

Quem lê a mensagem nem imagina o vasto histórico de desentendimentos entre o outrora arcebispo de Buenos Aires e a família Kirchner. Pobreza, casamento entre pessoas do mesmo sexo, disputas no campo e o “clima de crispação” instalado no país, segundo Bergolgio, foram motivo de tensão nos últimos anos entre Igreja e governo na Argentina.

O pior momento dessa relação ocorreu durante o governo de Néstor Kirchner, ex-marido de Cristina e seu antecessor à  frente do país. Néstor chegou a classificar Bergoglio como um expoente da oposição contra seu governo na Argentina. “Nosso Deus é de todos, mas cuidado que o diabo também chega a todos, aos que usamos calças e a os que usam batinas”, dizia, no momentos de maior desentendimento.

Histórico

Os desentendimentos com os Kirchner chegaram perto de uma trégua no segundo ano de governo de Cristina, em 2008, quando, após trabalhar junto com o governo para mediar um conflito no campo, Bergoglio convidou a presidente para comparecer a uma missa e ela aceitou. Mas já em 2009 o então cardeal voltou a desferir palavras duras contra o governo, dizendo que “o pior risco é homogeneizar o pensamento”, em referência à  polarização incentivada pelo governo. A tensão foi aplacada por um encontro com a preside

13 de Março de 2013
por esmael
22 Comentários

Assembleia deixa de votar projeto de Richa que reduziria em três centavos a tarifa do ônibus em Curitiba

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, fica sem a

O prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, fica sem a “inestimável” ajuda de Beto Richa, de três centavos, por tempo indeterminado.

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano (PSDB), informou nesta quarta-feira (13) que o projeto do executivo que dispõe sobre a isenção de ICMS no diesel foi adiada. Leia mais

13 de Março de 2013
por esmael
26 Comentários

Richa diz que dívida do Paraná com a União é “impagável”

da Agência Câmara

O governador do Paraná, Beto Richa, afirmou nesta quarta-feira 13 que a questão mais urgente a ser resolvida na próxima semana com a presidente Dilma Rousseff é a renegociação da dívida. “à‰ o ponto mais urgente e que une todos os governadores. Ninguém suporta mais pagar algo que é impagável”, disse Richa.

Segundo o governador, a dívida contraída pelo Paraná com a União era de R$ 5 bilhões em 1998 e, atualmente, soma R$ 9,5 bilhões. “Isso porque nós já pagamos R$ 10 bilhões”, disse Richa. “O governo federal não pode agir como um agente financeiro, como um agiota”, completou.

Beto Richa disse ainda ser favorável à  alíquota única de 4% para o ICMS, mas destacou que o assunto não foi trazido para a discussão no Congresso porque não é consenso entre os governadores. “No médio e longo prazo todos sairão ganhando”, defendeu.

Ele participou de reunião no Salão Negro do Congresso que contou com a presença de 23 governadores. A reunião foi convocada pelos presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves, e do Senado, Renan Calheiros.

13 de Março de 2013
por esmael
26 Comentários

Deu zebra no Conclave! Papa é argentino, Francisco 1!º

do Brasil 247

Essa os vaticanistas deixaram passar: tendo ficado em segundo lugar no conclave anterior, que elegeu Bento 16, nesta quarta-feira 13 o argentino Jorge Mario Bergoglio, arcebispo de Buenos Aires, venceu o coclave, na quinta votação, e foi apresentado ao mundo como novo papa. Ele escolheu o nome de Francisco 1!º. à‰ o primeiro papa não europeu em 1.300 anos.

“Buona sera”, disse ele, iniciando seu saudação. “Meus irmãos cardeais foram me buscar do outro lado do mundo”, disse com bom humor. “Obrigado”. Incialmente, pediu uma oração ao papa emérito Bento 16 e passou a rezar o Pai Nosso. A seguir, uma Ave Maria. “Vamos traçar um caminho de fraternidade e amor”, disse ele. “Somos uma grande irmandade”.

Ele pediu à  multidão “um pequeno favor”. Tratou-se de um minuto de silêncio aos fiéis da Praça de São Pedro.

Primeiro pronunciamento demonstrou que Francisco 1!º, além do bom humor, é informal. Ele é filho de italianos, nascido em Buenos Aires. Formado em Farmárcia, foi professor de Teologia. Tornou-se cardeal em 2001. Sua atuação na Argentina foi sempre voltada para o setor social. Ele já foi duramente criticado pela presidente Cristina Kirchner, depois de ter declarado que filhos adotados por casais homossexuais sofriam discriminação. Pouco afeito à s pompas do cargo, ele se acostumou a se locomover, em Buenos Aires, em transporte público — e sempre gostou de fazer a sua própria comida.

Abaixo, notícia anterior de 247:

247 – Católicos já têm novo Papa. à€s 19h06 de Roma, 15h06 de Brasília, saiu fumaça branca da chaminé do Vaticano. Sinos da Basílica de São Pedro tocaram. Na noite de chuva fina e muito frio em Roma, multidão esperou na praça, de olhos postos na chaminé. Festa e emoção. Guarda chuvas foram sacudidos no ar.

Brasileiro Odilo Scherer, arcebispo de São Paulo, italiano Angelo Scola, de Milão, e húngaro Peter Erda, que corria por fora, são os favoritos. Decisão dos 115 cardeais se deu na quinta votação e no segundo dia do conclave. Como esperavam os vaticanistas, decisão foi rápida. Para a eleição, foram necessários dois terços dos votos, mas Vaticano anunciou que não informará montante exato de cédulas dadas ao vencedor.

Após a eleição, novo Papa foi levado pela chamada Sala das Lágrimas, onde ele faz um juramento de fidelidade à  Igreja. Ali, recebe as vestes de papa. O nome do recinto se dá porque, normalmente, por emoção, o escolhido chora. Primeiro pronunciamento será o Urbi et Orbi, para a cidade e o mundo.

A Igreja Católica entrou dividida no Conclave. O nome do novo papa mostrará se vitória foi do grupo mais conservador, ligado ao carmelengo Tarcísio Bertone, o número dois no papado de Bento 16, que renunciou, ou se os cardeais optaram por uma alternativa nova.

Em Castelgandolfo, Joseph Ratzinger assistiu a tudo pela televisão, como informam as agências internacionais. Ele deixou para o novo papa um relatório de 300 páginas com os problemas da Igreja. Só o novo líder terá acesso ao esse conteúdo.

13 de Março de 2013
por esmael
20 Comentários

Dr. Rosinha depõe sobre nomeação de piloto de avião em gabinete de Rossoni

Passou batido pela velha imprensa, não sei se por descuido ou seletismo, mas este blog mostra aos leitores o que acontece na política além do que passa na televisão. As informações eu pesquei no site do deputado federal Dr. Rosinha (PT-PR).

Segundo o parlamentar petista, em depoimento à  Procuradoria Geral de Justiça do Estado do Paraná, na semana passada, confirmou denúncia que fez ao Ministério Público, em junho de 2010, contra o deputado estadual Valdir Rossoni (PSDB), atual presidente da Assembleia Legislativa.

A denúncia deu origem ao inquérito 0046.10.000227-1, que, entre outras irregularidades, investiga a contratação como assessor parlamentar, por Rossoni, do então piloto de seu avião particular, Marcelo Venâncio Brito.

à€ época Rossoni admitiu a contratação, exposta inicialmente em matéria do jornal Folha de Londrina, e disse que o avião pertencia à  sua empresa, a Indústria e Comércio de Madeiras e Compensados Rossoni, de Bituruna, região sul do estado.

Ele é meu assessor em tudo que eu preciso. E eu o contratei com autorização da Casa!, argumentou ao veículo.

O caso começou a vir à  tona quando, no dia 08 de abril de 2010, uma quinta-feira, a aeronave de Rossoni fez um pouso forçado no município de União da Vitória. Questionado sobre o que fazia fora de Curitiba em um dia de atividades parlamentares, Rossoni justificou: Eu tenho indústria e estava me deslocando para a minha indústria. Eu ia trabalhar o dia inteiro na indústria!.

O inquérito do Ministério Público também investiga outros 12 funcionários, possíveis fantasmas!, contratados pelo gabinete de Valdir Rossoni, além do crime de ocultação de patrimônio, já que o hoje presidente da Assembleia Legislativa omitiu a aeronave da declaração de

13 de Março de 2013
por esmael
11 Comentários

Crediário Casas Bahia: Assembleia começa discutir 30% de hora-atividade aos professores

professorSegundo o líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano (PSDB), os deputados começaram a discutir ontem (12) o projeto de lei do governador Beto Richa (PSDB), acordado com a APP-Sindicato, que implanta 30% da hora-atividade aos professores da rede pública estadual que compõem o Quadro Próprio do Magistério (QPM). A medida, se aprovada, entrará e vigor a partir de agosto.

Segundo Traiano, que não explica onde está ocorrendo a discussão, a hora-atividade será adequada à  legislação nacional (Lei 11.738/2008) para evitar dúvidas na interpretação. O líder do governo explica ainda que a medida atende a uma antiga reivindicação da categoria no Paraná.

O que o tucano também não deixa claro que o governo Beto Richa (PSDB), mesmo com a mensagem aprovada, continuará não cumprindo a Lei Nacional do Piso, que prevê aos professores 33,33% de hora-atividade desde 2011.

Ainda na mensagem governamental que está sendo debatida na Assembleia, conforme informa Traiano, está embutido o reajuste de 7,115% relativo ao Piso Salarial para maio, entretanto, o governo tucano não se coçou para honrar a correção retroativa a janeiro. Ou seja, abriu-se novamente o crediário a la Casas Bahia (a perder de vista).

13 de Março de 2013
por esmael
27 Comentários

Para evitar que Richa fature politicamente obras federais, PT lança “site da verdade” no Paraná

O diretório estadual do PT lançou nesta terça-feira, 12, um site (clique aqui para acessar) onde é possível acompanhar em tempo real os investimentos do governo federal em todas as cidades do Paraná. Com a ferramenta, os internautas poderão acompanhar as liberações de recursos para obras, programas sociais, entre outras ações do governo Dilma.

O presidente estadual do PT, deputado Enio Verri, destacou que uma das marcas do governo petista é a transparência na gestão. Ele afirmou que os investimentos federais no Paraná cresceram nos últimos anos e que a população deve acompanhar de perto os benefícios do governo da presidenta Dilma.

Com esta ferramenta, a população vai poder comprovar que o governo do PT realmente faz a diferença na vida dos paranaenses. Enquanto o governo Richa não mostrou a que veio, o Paraná cresce cada vez mais graças aos investimentos federais e as políticas públicas do governo Dilma, como a redução dos impostos, as obras em infraestrutura e os investimentos em saúde.!

Na prática, segundo os petistas, o “site da verdade” funciona como trava ao governo Beto Richa (PSDB) que vem faturando politicamente em todas as obras e investimentos do governo federal.

Ao acessar o site, o visitante deve escolher o ano que deseja pesquisar e, na sequencia, o município. O próximo passo é selecionar entre as opções Convênios (estabelecidos entre o governo e a Prefeitura) ou Repasses (transferências constitucionais).

O sistema é vinculado a página do Portal da Transparência do governo federal e atualizado semanalmente, no caso dos Convênios, e mensalmente, no caso das transferências.

13 de Março de 2013
por esmael
21 Comentários

Ratinho Junior faz moral com as mulheres

O secretário do Desenvolvimento, Ratinho Junior, faz campanha no Facebook para inibir a violência contra as mulheres.

O secretário do Desenvolvimento, Ratinho Junior, faz campanha no Facebook para inibir a violência contra as mulheres.

O secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano (SEDU), Ratinho Junior, ex-candidato a prefeito de Curitiba pelo PSC, aderiu à  campanha “Sou homem de verdade”, idealizada pelo Banco Mundial, contra a violência à s mulheres. Leia mais

13 de Março de 2013
por esmael
28 Comentários

à‰ possível a “tarifa zero” nos ônibus para competir com os automóveis?

* Curitiba vive “ciclo vicioso” no transporte coletivo, diz professor da UFPR

Sistema de transporte público de Curitiba está obsoleto. Foto: Maurilio Cheli/SMCS.

Sistema de transporte público de Curitiba está obsoleto. Foto: Maurilio Cheli/SMCS.

Em meio ao histérico debate acerca do reajuste da tarifa do ônibus em Curitiba, que ontem saltou de R$ 2,60 para R$ 2,85, eu considerei o aumento exorbitante. No Facebook e no Twitter, defendi tarifa zero! no transporte coletivo para que o poder público concorra com os automóveis. A retirada do transporte individual, os carrões, seria uma política pública, uma estratégia para resolver o caótico trânsito na capital paranaense. Leia mais