TJ confirma redução de 21 para 13 vereadores em Colombo (PR)

Justiça manda presidente da Câmara, Sérgio Ribeiro, demitir oito vereadores, entre eles Pelé e Waldirlei.

Justiça manda presidente da Câmara, Sérgio Ribeiro, demitir oito vereadores, entre eles Pelé e Waldirlei.

O desembargador Rogério Ribas, do Tribunal de Justiça do Paraná, confirmou nesta sexta-feira (1!º) a sentença da juíza Letícia Portes, da 2!ª Vara Cível, que reduz de 21 para 13 vereadores no município de Colombo.

Este mandado de segurança é incabível, devendo sua petição inicial ser indeferida liminarmente de acordo com artigo 10 da lei 12.016/2009!, relatou o desembargador, ao negar pedido de cassação de antecipação de tutela aos vereadores Waldirlei Bueno de Oliveira (PMDB) e José Renato Strapasson (PTB), o Pelé, que assumiu interinamente a prefeitura.

Com a decisão do TJ, o quociente eleitoral sofrerá drásticas alterações. Quem estava se achando eleito! perderá a vaga. Oito vereadores estão na marca do pênalti. São eles: José Ratinho! Gotardo (PDT), Alan Tatoo (PMDB), Professor Waldirlei Bueno (PMDB), Renato da Farmácia (PSDC), Luiz LD (PSDC), Clodoaldo Camargo (PTN), José Renato Pelé! Strapasson (PTB) e Joaquim da Ambulância (PTB).

Note caro leitor que o vereador Pelé!, prefeito provisório do município, também dança com a redução da Câmara. Ele perderá com uma cajadada só a prefeitura e a vaga no legislativo. Uma nova eleição para a presidência da Câmara será necessária e um novo prefeito interino deverá ser escolhido. Os atos tanto do prefeito provisório quanto do presidente da Câmara, à  luz da decisão do TJ, serão todos anulados.

Comentários encerrados.