Prefeitos suspendem transporte escolar e ameaçam acampar em frente à  sede do governo do Paraná

Clique na imagem para ler o documento.

Clique na imagem para ler o documento.

Prefeitos da Amocentro (Associação dos Municípios do Centro do Paraná) decidiram fazer um acampamento em frente ao Palácio Iguaçu, sede do governo do Paraná, na próxima terça-feira, dia 19 de fevereiro, em protesto contra o calote no repasse de recursos ao transporte escolar dos municípios.

A reclamação é antiga. Segundo prefeitos e secretários municipais de educação, a Secretaria de Estado da Educação (SEED), pilotada pelo vice-governador Flávio Arns (PSDB), além de enrolá-los, continua aplicando calote nos municípios.

Prefeitos e secretários da região central do Paraná suspendem transporte escolar e anunciam protesto em frente ao Palácio Iguaçu.

Prefeitos e secretários da região central do Paraná suspendem transporte escolar e anunciam protesto em frente ao Palácio Iguaçu.

Em uma carta manifesto da Amocentro, divulgada esta semana, os prefeitos dão um ultimato no governo de Beto Richa (PSDB) sob pena de realizar protesto acampando em frente ao Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Os repasses para transportar os alunos da rede estadual, que é de responsabilidade do governo do estado, cobrem menos da metade das despesas!, dizem os prefeitos, que ainda afirmam que o dinheiro faz falta à  saúde, educação municipal, conservação de estradas e até mesmo ao transporte escolar municipal!.

Os prefeitos deixam claro no documento que, desde o último dia 14 de fevereiro, o transporte da rede estadual de ensino ficará a cargo exclusivo do governo estadual!. Ou seja, os municípios deixarão de transportar os alunos até que o governo do PSDB resolva o problema dos repasses.

Na propaganda de Richa está "tudo certo" com o transporte escolar.

Na propaganda de Richa está “tudo certo” com o transporte escolar.

Interessante é que na propaganda de Richa (clique aqui para assistir), amplamente veiculada nas televisões, a peso de ouro, o transporte escolar teve os recursos aumentados de 28 milhões, em 2010, para R$ 80 milhões, em 2012. Alguém está mentido nessa. Ou os prefeitos ou o governo de Beto Richa… Quem será?

O ex-prefeito de Foz do Iguaçu, Paulo Mac Donald (PDT), outrora combatente pela ampliação dos recursos do transporte escolar aos municípios, tem uma opinião sobre quem mente mais, no entanto, não quis revelá-la. “A prática é o critério da verdade”, limitou-se a falar o iguaçuense.

Comentários encerrados.