Henrique Alves anuncia degola de Genoino e mais três

do Brasil 247

Está consumada a traição. O deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), que em campanha dizia que a Câmara dos Deputados tinha a prerrogativa de cassar ou não deputados, publica artigo na Folha deste domingo revelando sua intenção de declarar vagos os mandatos de José Genoino (PT-SP), João Paulo Cunha (PT-SP), Pedro Henry (PP-PR) e Valdemar Costa Neto (PR-SP); os quatro podem começar a arrumar as gavetas, pois o novo chefe do Legislativo quer convocar rapidamente seus suplentes.

Está consumada a traição. O deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), que em campanha dizia que a Câmara dos Deputados tinha a prerrogativa de cassar ou não deputados, publica artigo na Folha deste domingo revelando sua intenção de declarar vagos os mandatos de José Genoino (PT-SP), João Paulo Cunha (PT-SP), Pedro Henry (PP-PR) e Valdemar Costa Neto (PR-SP); os quatro podem começar a arrumar as gavetas, pois o novo chefe do Legislativo quer convocar rapidamente seus suplentes.

Política talvez seja a arte da traição. E um exemplo claro está prestes a se consumar. Até poucos dias atrás, o deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), que dependia dos votos do PT e dos partidos da base aliada para se eleger presidente da Câmara dos Deputados, dizia que a prerrogativa de cassar ou não deputados é do Poder Legislativo, conforme reza o artigo 55 da Constituição Federal !“ e não do Poder Judiciário.

Suas declarações eram tratadas como o prenúncio de uma eventual desobediência ao Supremo Tribunal Federal, que determinou a perda imediata dos mandatos de quatro deputados condenados na Ação Penal 470: José Genoino (PT-SP), João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-PR).

Na semana passada, no entanto, Henrique Eduardo Alves visitou o presidente do Supremo Tribunal Federal e começou a ajustar o seu discurso. Disse que aqueles que apostavam no conflito institucional entre Legislativo e Judiciário poderiam “tirar o cavalinho da chuva”. Esse discurso ambíguo, ora para um lado, ora para outro, gerou a interpretação de que Henrique Alves estaria tentando ganhar tempo, permitindo que, sem conflitos com o STF, os deputados concluíssem seus mandatos.

Não é bem assim. No artigo “Avançar, com respeito e harmonia”, que será publicado na Folha deste domingo, Henrique Eduardo Alves anuncia sua decisão de mandar para a forca os quatro deputados !“ e, aparentemente, de forma expedita, conforme pedia, hoje, o jornal da família Frias, em editorial.

“No que diz respeito à  perda de mandato parlamentar por condenação pela Corte Suprema, cabe à  Câmara, nos termos constitucionais, finalizar o processo de perda de mandato, processando a liturgia de declarar a vacância do cargo e convocar o suplente”, diz Henrique Eduardo Alves, sem dar margem a interpretações ambíguas. “Tenho por dever fazer bem o que tem de ser feito”, conclui.

Portanto, os quatro deputados condenados podem começar a preparar suas gavetas. E os suplentes devem se preparar para assumir. No caso de Genoino, trata-se da ex-deputada Iara Bernardi. Na vaga de João Paulo Cunha, entraria Hélcio Simões, ex-vereador em Mauá. Pedro Doner, por sua vez, seria o substituto de Pedro Henry. No lugar de Valdemar Costa Neto, viria Renato Simões. Curiosamente, um nome do PT, uma vez que a legenda e o PR fizeram parte da mesma coligação.

Leia também o artigo Com o PMDB não se brinca, que aborda esta e as próximas traições de Henrique Eduardo Alves, que até recentemente era acusado pelos grandes veículos de comunicação de não estar à  altura do cargo !“ uma acusação que, é claro, será esquecida.

13 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to tell you that I’m newbie to blogging and honestly liked this web-site. Very likely I’m planning to bookmark your blog post . You definitely have superb well written articles. Thanks a lot for sharing your web page.

  2. O joaquim barbosa não pode ser contrariado ainda. logo vem a a artilharia do senado contra o procurador,certamente não vão reelegê lo. esses deputads não são piores ,e nem melhores que o barbalho, maluf, o senador mineiro.

  3. Um absurdo!

    Dilma dertermine que a Policia Federal, pensando bem, deixa eles trabalharem…

    Manda o desocupado do Palocci preparar dossiê sobre este futuro Deportado Federal, para que escolhamos vinculá-lo ao PiG ou ao Tucanato!

    Vamos para as ruas em defesa de nosso companheiro Genoíno, o único que teve a coragem, no ato de instalação dos trabalhos da assembléia nacional constituinte, de IR CONTRA esse lixo que é a Constituição Federal, pois proíbe a reeleição eterna e bem como nosso companheiro Chaves precisamos reverter isto, até que a Justiça Divina aplique as duras penas da corrupção e do absolutismo na saúde de cada um dos companheiros…

    Chega de nossos irmão serem vitimas de perseguição, como ocorre com os honestos e trabalhadores Zé Dirceu e LuLa, entre outros!

    Não agüentamos mais a imprensa revelar escândalos envolvendo estas figuras, tudo porque não tomaram cuidado em evitar rastros, digo, tudo porque temem que estes Deuses do Olimpo continuem fazendo seus lobbies pela Soberania PeTista, ou melhor, pela Democracia Nacional!!!

    Se já não bastasse tudo isto, ainda vem estes Ministros do STF também traidores, pois a maioria foi nomeada por nossos companheiros, e fica condenando nossos guerrilheiros mais condecorados por roubos e sequestros, transformando-os de presos políticos em políticos condenados e futuramente presos.

    Eu estou surtando! Vamos às ruas, pois nossa companheira Gleisi vai precisar de nossa ajuda para vencer Requião, Richa e outros candidatos ao governo do Paraná!

  4. Acho atitude correta.
    Contrariamente ao antecessor, Marco Maia, que pregava a desobediência, ele está correto.
    Não acredito em manipulação ou qualquer atitude suspeita no julgamento do mensalão. Assim como acho que outros processos contra membros do PSDB e do DEM também devem ser julgados, e os responsáveis condenados.

  5. É o mínimo que este outro corrupto poderia fazer ao assumir o cargo, mandar os ladrões do dinheiro público para a rua, ou melhor, mandar para a cadeia.

    • O cataratas…! só tem um jeito de punir essa gente,politicos corruptos!!!! É simples…! É só vc usar a arma poderosa q vc tem em mãos, Q É O TITULO DE ELEITOR!!! Use a!!Ñ adianta ficar perdendo tmpo e se estressando por pouca coisa!!! Esses políticos ai ja estão mortos politicamente… O mandato dessa gente tem prazo de validade até 2014 só!! Depois terao q procurar outra atividade, pois ñ poderão mais serem candidatos a nada por conta da ficha suja deles, ou, de suas fichas mais sujas doq paus de galinheiros!!!kkkkkkkkkkkkkkkk, hahahahahahahahahahahah,use um pouquinho de oleo de peroba na tua cataratas, quem sabe…? Vc ñ melhora um pouco sua visao???KUAKUAKUAKUAKUAKUAKUAKUKAUKUA!!!

  6. REPETIÇÃO
    Na verdade, em agindo assim, não seria traição mas cumprir o que determina a harmonia entre os Poderes. Quem julga é o STF, ao executivo ou legislativo, cabe cumprir.

    A questão é que tem uns e outros (quem ler sabe de quem falo) que adotam a máxima de que, uma mentira repetida à exaustão, transforma-se em verdade. Não, não é defeito de má interpretação, mas a tetativa de pegar uma meia verdade e tentar “empurrar ‘goela’ a baixo” como se verdade inteira fosse.

    Disse dias atrás, em um comentário, que não acreditava que fosse haver queda de braço entre os poderes. Quiz com isto afirmar, que o Legislativo não teria outra alternativa a não ser cumprir o que determina o STF. Cheguei a citar que aos condenados caberia exercitar o “juris esperniando”. Disse isto em contraposição aos que afirmavam que o julgamento não havia sido concluido, etc, etc. Citei que cabe recurso à cortes internacionais, mas que não tem efeito suspensivo, e que portanto, até que se julgue nestas cortes, as penas (que são pequenas) já teriam sido compridas pelos réus.

    É esperar, pois muita água aida passa por baixo deste ponte. Não dou como “favas contadas” nem uma e nem outra tese.

    • hahahahahahahahahahahahaha,kuakuakuakuakuakuakuakuakuakuakuakuakuakua,EITA ROBO FALANTE ESSE!!!Pelo visto o oleo de peroba, tem surtido efeito!!!Hahahahahahahahahahahahahahahah.

  7. Isso não é traição é cumprir com o dever cívico.

  8. O HENRIQUE TÁ MAIS SUJO QUE PAU DE GALINHEIRO E PRA ELE FICAR BEM NA FOTO VAI TER QUE CORTAR A CABEÇA DESSES CORRUPTOS.

  9. NÃO É TRIÇÃO, É TRAIÇÃO !

  10. CARACA VÉIO,
    EU ESCREVÍ E”S”TREMAMENTE… ESTREMAMENTE !

    ACHO QUE AQUELA CACHAÇA TAVA AMALDIÇOADA PELOS ARNS !!!

    QUE RESSACA !

  11. NESTE CASO, A TRIÇÃO É PERDOÁVEL, POIS TIRAR DE CIRCULAÇÃO NO CONGRESSO ESSA PARTE DA QUADRILHA DO LULADRÃO É ESTREMAMENTE IMPORTANTE PARA O PAIS.