Fruet diz que herdou rombo de quase R$ 500 milhões

Gustavo Fruet levanta esqueletos do armário, segundo ele, deixados pelo antecessor Luciano Ducci.  Foto: Maurilio Cheli/SMCS.

Gustavo Fruet levanta esqueletos do armário, segundo ele, deixados pelo antecessor Luciano Ducci. Foto: Maurilio Cheli/SMCS.

O prefeito Gustavo Fruet (PDT) discursou nesta segunda-feira (4) na abertura dos trabalhos legislativos da Câmara Municipal de Curitiba. Ao fazer um balanço dos 30 primeiros dias de governo, ele disse que o rombo herdado chega a quase R$ 500 milhões.

Fruet pediu aos vereadores a aprovação de um crédito suplementar de R$ 63,7 milhões para o pagamento imediato de parte dos restos a pagar de R$ 446 milhões deixados pela gestão anterior e que ameaçam a continuidade de alguns serviços da prefeitura.

Os recursos serão utilizados para quitar parte dos restos a pagar que nos foram deixados. A prioridade é para fornecedores e prestadores de serviços das áreas de saúde, educação e assistência social!, disse o prefeito, informando que a ordem cronológica das dívidas será considerada.

De acordo com ele, o total de restos a pagar já equivale a mais de três vezes os R$ 130 milhões apurados inicialmente pela equipe de transição. Dos R$ 446 milhões, apenas R$ 174 milhões foram empenhados pela administração anterior.

Ou seja, temos R$ 272 milhões sem empenho ou previsão orçamentária!, disse Fruet.

Entre as áreas em que há dívidas acumuladas, o prefeito citou a coleta e transporte de lixo (R$ 72 milhões), merenda escolar (R$ 23 milhões), limpeza e conservação predial (R$ 23 milhões), Hospital Evangélico (R$ 3,6 milhões) e restaurantes populares (R$ 900 mil).

Neste caso, liberamos R$ 200 mil para evitar o fechamento dos restaurantes que atendem a população com refeições a R$ 1,00!, informou Fruet.

O prefeito Gustavo Fruet relatou, também, que a Secretaria Municipal da Educação acumula dívida de R$ 87 milhões, herdada da gestão anterior.

Economia

O pedetista também informou que, nos primeiros 30 dias de governo, já foram devolvidos 45 veículos à  empresa responsável pelas locações.

Ao longo dos próximos meses, o corte no número de carros será ainda maior!, disse Fruet.

Outro exemplo de economia imediata para os cofres da Prefeitura pode ser conferido na Companhia de Habitação (Cohab). Com a extinção de duas diretorias, duas gerências e 17 chefias, a economia mensal é de R$ 277 mil, o que significa R$ 3,6 milhões ao final de um ano.

Fruet lembrou ainda que juntou as secretarias de Planejamento e Administração, sob comando de Fábio Scatolin, e a da Copa com a do Urbanismo.

O objetivo disso tudo é econimizar cerca de R$ 8 milhões ao ano.

12 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. I simply want to say I am very new to blogging and site-building and seriously savored this web blog. Almost certainly I’m likely to bookmark your blog . You really come with amazing articles. Thanks for sharing your blog.

  2. Reclama, reclama, chora e se debate, mas nomeou oa parte da mesma turma que estava. E agora seu Fruet, como explica isso? Será que já tem algum esquema arrumado também?

    Para de chorar e começa a trabalhar, falta de dinheiro não é desculpa, já que você é amigão da Gleisi, que é amigona da Dilma, que é amissíssima do Lula, que tem como principal articulador o quadrilheiro Zé Dirceu do PT.

    Vai a luta homem, se arraste aos pés da cúpula PTista e quem abe tu ganha uma graninha para começar a trabalhar!

  3. Eu pergunto!!

    Divida de gasto com propaganda não ficou não!!!
    Tudo pago em dia!
    Que beleza.

  4. O Fruet tem que para com o discurso e mandar investigar pela Câmara de lacaios e pedir tb ao TC, demostrado o rombo e os ilícitos que se punam os culpados. Sem isso e só discurso.

  5. Falar por falar, estamos cansados disso. Queremos punição aos culpados. O dinheiro público não pode nem, tampouco, deve ser mal gerido. Que envie ao ministério público a denúncia. E que toda a gleba da gestão anterior responda criminalmente pelos seus atos, como ocorreria para todo e qualquer cidadão. Que se faça justiça. Ou o Fruet vai deixar para lá?

    • Isto é uma denúncia à Casa de Legisladores, cada um no seu papel, Fruet fez a denuncia, a Câmara agora tem que abrir um CPI, ou o Ministério Público intervir. Na CPI Fruet foi um dos destaques por que investigou, era seu papel na época, agora ele tem que administrar uma cidade, não vai ficar assumindo papel de legislador ou de polícia.

  6. Tudo isso causado pelo vice do Richa, verdadeiro desastre pra administrarem.

  7. Pra mim não é novidade, essa turma do Beto Richa é assim mesmo por onde eles passam deixam o estrago, pode esperar o rombo que o nosso governador vai deixar para o proximo governo, que pelo jeito vai ser o maior da historia do parana.

  8. Em matéria de finanças públicas é muito comum haver restos à pagar. Porém, deixar pendências que poderiam ter sido resolvidas, para o próximo Prefeito, não é das atitudes as melhores. Também, a autorização de despesas sem empenho prévio (272 milhões) chega a ser um absurdo, fruto de irresponsabilidade administrativa.
    De qualquer modo, o Prefeito Fruet tem mantido sua postura e palavra. Continue assim.

  9. Herança maldita deixada pelo ducci, até a bóia da galera o ducci pendurou.

  10. E ainda queriam reeleger o poste!!!!
    Volta pro mar, oferenda!!!
    Nem pro postinho, como disse o Greca, você deveria voltar!!!
    Não aceitou cabide oferecido pelo playboy do Batel, por que a vergonha e o tombo do mauricinho seria irremediável!!!

  11. Ninguém vai pra cadeia?
    O ex-prefeito Beto Richa do PSDB e o
    Luciano Ducci não responderão?

    Trata-se de improbidade administrativa?
    Administração temerária, fraude?

    Não, nada disso? Então o quê?