Charge do dia: à”nibus mais caro

Charge de Bruno - Valeparaibano.

Charge de Bruno – Valeparaibano.

11 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. Votaram no Fruitinha, agora aguentem o rojão cambada.

  2. Mas se o governo do Ducci fez tudo errado, porque o Gustavo manteve a diretoria da gestão passada.

    http://www.curitiba.pr.gov.br/conteudo/equipe-urbs-urbanizacao-de-curitiba-s-a/239/35

  3. COMO NÃO CULPAR BETO E SEU PAPAGAIO PELO DESASTRE CAUSADO NA CAPITAL EM TODAS ÀS ÁREAS???
    PIOR É QUE O CAOS PODE SE INSTALAR NO ESTADO.

  4. Essa história de RIT é que encarece a passagem e os técnicos sérios da URBS e da COMEC sabem disso mas as plataformas eleitoreiras insistem nessa de beneficiar a região metropolitana, afinal, quantos votos conseguem dali?

  5. Aposto que Vão culpar o Governo Richa, mas cabe lembrar duas coisas: 1. O Richa Não é o Prefeito, 2. O Governo do Estado não tem obrigação de custear as passagens. O responsável é o Prefeito, que na campanha Prometeu abrir a caixa preta da URBS, e amarelou. Se abri-la, é capaz das passagens baratearem e muitos Cuecas de SEDA ( inclusive um Secretário dele ) ir pra cadeia. Mas infelizmente elegeram um FRUTA. Portanto… o Povão vai pagar R$ 3,30 de passagem.

    • Qual o problema? O Richa está culpando até hoje o Requião pelo fracasso do governo dele.

      Em todo caso, se o sistema de transporte público opera no prejuízo hoje, é culpa da gestão anterior. Qualquer pedra sabe que o Fruet entrou na prefeitura não faz dois meses.

      Além disso, a única hipótese de custear o transporte público curitibano pelo governo do estado é via isenção de imposto (ICMS). Caso o senhor seja curitibano, e vote no richa, certamente é muito burro, ou é pago para defender um sujeito que beneficiou a cidade, e vai prejudicá-la para fins eleitorais.

      Por fim, é engraçado que se culpe o fruet pelo fracasso do sistema de transporte quando qualquer ameba sabe que a origem disso tudo foram as gestões anteriores.

      • A velha mania de culpar os gestores anteriores pela falta de iniciativa em resolver o que ta errado. é mais facil culpa os outros. O FRUTA, tem que parar de A todo momento lembrar do PAi, que o PAi isso, que o pai aquilo, Devia era trabalhar e fazer melhor que o PAi dele. Porque até agora nada. Cade a abertura da caixa preta da URBS??? MAndou abrir? Não!!! Acovardou. Manteve o Bertoldi (Dono de empresa de transporte coletivo) como Secretário Municipal, Por isso é que o apelido do FRUTA é Galeão Cumbica, (Personagem da Escolhinha) porque como nao consegue fazer nada bom…. diz “ai eu choro”. Ahhh Burro foi quem votou nesta AMEBA que ta Prefeiturando Curitiba.

    • Ou você está mal informado, ou é um puxa saco do Beto Richa, pois o Fruet acabou de assumir e não tem nada a ver com a renovação da concessão de 2010 feita pela equipe do Beto Richa e que seguiu seu princípio político básico: beneficiar os amigos e doadores de campanha em prejuízo da população – é o que ele tem feito no governo do estado.

  6. Ônibus mais caro, mais carros,e motos nas ruas,e mais engarrafamento.
    O morador da Vila Osternack, que trabalha na C.I.C, vai utilizar três linhas de ônibus, Osternack/Sítio Cercado,descer no terminal do Sítio Cercado, e embarcar no Circular Sul sentido terminal do Pinheirinho,no terminal do Pinheirinho, vai utilizar a terceira linha o Interbairros IV sentido termina da Cidade Industrial. O passageiro perde em média cerca de uma hora, e vinte minutos, em horários de pico.
    Já esse mesmo trajeto que tem cerca de 12 quilômetros, de carro, moto, o tempo vai ser cerca de 20 minutos, e o gasto de combustível de carro um litro, quase o custo da tarifa do transporte coletivo.
    Esse foi um exemplo de que trechos curtos, o cidadão está optando em utilizar o automóvel,e não o sistema de transporte coletivo.
    A solução para o morador da Vila Osternack, pode ser a linha do Trabalhador, que passa pelo terminal do Sítio Cercado,inclua no trajeto o terminal do C.I.C, que atualmente não passa nesse terminal.
    Uma outra solução uma nova linha Direta Terminal do Boqueirão,Sítio Cercado. e ponto final terminal do C.I.C.
    Enfim, o aumento da tarifa deve ser somado, com qualidade de atendimento ao usuário do sistema,um de reforço de coletivo nas linhas de maior fluxo de passageiros já ajudaria a reduzir a grande lotação dos coletivos. Um transporte rápido, e de boa qualidade pode incentivar os motorista deixarem nos estacionamentos seu veículos, e convencidos vão dizer, é com esse que eu vou, vou de ônibus.

  7. Se o prefeito for agir de acordo com os comentários recente, do ROMANÉLLI ex PMDB de guerra, hj no pmdbeto Richa, onde ele diz que cada município tem que arcar com os custos das passagens, o prefeito até poderia manter nos atuais 2,60 pra quem mora em Curitiba, mas quando se trata de regiões metropolitanas igual a Ctba,Londrina entre outras do Pr. não da pra agir como ele pensa, imagine quanto vai custar a locomoção de um trabalhador que mora em Ctba e que trabalha em Campo Largo ou vice versa. Tá na hora de parar de fazer politicagem com serviços essências do povo, deixarem as diferenças politicas de lado e trabalharem para o bem comum do povo.

    • A tarifa de 2,60 já é caríssima. Se subir ainda mais, o número de usuários vai continuar despencando e os congestionamentos ainda piores. É certo também que o subsídio não é a única medida a ser providenciada pelo atual Prefeito. Há muito o que se fazer para melhorar a qualidade, a eficiência dos serviços, atraindo mais usuários. Se houver greve (lockout), a saída não será aumentar a tarifa, mas sim chamar novos operadores, rever/anular a licitação realizada em 2010 que, como todos sabem, não buscou assegurar tarifas módicas!