Artigo de Renato Rabelo: “A Petrobras e os porta-vozes da privataria”

por Renato Rabelo*, via portal Vermelho

Charge de Bessinha.

Charge de Bessinha.

Quantas empresas no mundo podem ostentar a cifra de R$ 21 bilhões em lucro líquido? A resposta desta questão pode elucidar sobre o que está por trás da tentativa, insólita e desonesta, da mídia e da oposição de desestabilizar não somente a Petrobras e o governo, mas principalmente o nosso país.

A tática é simples e simplista. Observa-se a queda da taxa de lucros de uma grande empresa em relação ao ano anterior. O passo seguinte é espalhar uma onda capaz de atingir milhões de pessoas – utilizando grandes meios de comunicação e assim provocar uma corrida pela venda de papéis da empresa e assim beneficiar (financeiramente) a especulação. E a especulação sobre uma empresa com grandes expectativas de futuro é um negócio muito rentável, quase risco zero.

Política e especulação financeira andam lado a lado não somente neste caso. O PSDB governou em função dos interesses da especulação financeira a ponto de ter transformado o BNDES numa agência de repasse de dinheiro público ao financiamento de privatizações (e que foi pensado para financiar a privatização e desnacionalização completa da própria Petrobrás). Sendo a Petrobras um grande símbolo de competência nacional que ganhou muita força durante o governo Lula, não é de surpreender que os porta-vozes da privataria tentem utilizar esta grandiosa empresa num dos calcanhares de Aquiles do governo.

E o oportunismo ganhou relevo diante do problema! gerado aos acionistas privados (a União é dona de 50,26% das ações ordinárias e os acionistas privados contam com 39,6%). à‰ muito claro que com a queda de rendimentos da empresa é seguida pela queda de lucros dos acionistas privados e é esse filão que a oposição tenta encampar com o discurso da excessiva interferência do Estado na Petrobrás.

E essa interferência! do Estado é explicável ao menos por dois motivos: um é óbvio, pois o controle da maioria das ações pertence ao Estado, portanto é mais do que normal que o Estado tenha maior poder de decisão. O outro motivo está relacionado com o fato de nenhuma empresa do mundo que opera num setor tão estratégico quanto a energia estar fora do escopo da própria estratégia nacional de seus respectivos Estados Nacionais.

Portanto existe somente uma explicação para este nível de gritaria: oposição política. Todos querem ter uma carta na manga do porte da Petrobras, seja para desestabilizar o governo, seja como moeda de troca com os especuladores e o capital estrangeiro interessados no futuro quase certo de uma empresa deste nível de solidez. São porta-vozes e herdeiros da privataria e a Petrobrás deve ser a bola da vez desta gente caso alcancem o governo central.

Porém, o campo da análise deve ser mais amplo e deve envolver que tipo de Estado e projeto de nação queremos !“ do ponto de vista estratégico. Existe um fato concreto a ser assinalado: uma potência da estatura do Brasil, prestes a se transformar num grande produtor e exportador de petróleo, ainda importa gasolina. Trágico e cômico ao mesmo tempo se esse tipo de observação não fosse lastreado pela própria explicação dada pela presidenta da Petrobras, Maria das Graças Foster, afirmando que a queda dos lucros teve como causa o aumento da importação de derivados a preços mais elevados, pela, desvalorização cambial, que impacta tanto nosso resultado financeiro como nossos custos operacionais!.

Dois problemas objetivos relacionados a falta de planejamento que acomete nosso Estado desde a década de 1990. Ao invés de lamentar a desvalorização cambial, dever-se-ia ter uma resposta !“ buscando meios e maneiras de aproveitar esta situação criada pelo aumento de demanda de gasolina e da própria desvalorização cambial !“ que induzisse a substituição deste tipo de importação dado o impacto não somente na balança de pagamentos da Petrobras, mas do país como um todo. Este mesmo raciocínio vale para a dita inflação de alimentos! que ocorre num dos gigantes mundiais da produção de cereais.

O delicado momento político deve servir para sistematização de um discurso político ofensivo contra a oposição. Mas a história ensina que momentos-limite são ótimos para se repensar os nossos próprios limites, a história destes limites e a necessidade de recolocação tática e estratégica. Certamente, a Petrobrás e o governo Dilma estão sofrendo este ataque justamente num momento de transição na política monetária cuja consequência é a própria recomposição da política macroeconomica do país diante da herança maldita da década de 1990.

*Renato Rabelo é presidente nacional do PCdoB

36 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. This is very interesting, You are a very skilled blogger. I have joined your rss feed and look forward to seeking more of your wonderful post. Also, I’ve shared your web site in my social networks!

  2. I’m starting up a new online website directory and was wanting to know if I can submit your website? I’m hoping to increase my directory little by little by hand so that it retains high quality. I’ll make sure and put your blog in the appropriate category and I’ll also use, “” as your anchor text. Please make sure to let me know if this is alright with you by contacting me at:. Thanks

  3. o unico governo perfeito é com o ratinho junior..

  4. Lógica petista: O governo é perfeito, não erra. Quem critica é golpista, e mal carater.

  5. Seu montanha eu quero que derreta a petrobras para sair os acinistas do mal.que um pais como o brasil esta melhor que a europa .a europa não tem reservas combiais.somentes os do grupo dobrasil. mas a petrobaras poder ser arrematada pelo governo federal e ditar regras ,que com acinistas não pode fazer.e o caso da sanepar e copel. imgine o banco central com acionistas operando ,e o bnds. voce precisa ler noticias em outros idioms .não te aburres somente em portugues ,que em portugues não da para crernos comentarios .na lingua inhlesa fica meio suspeito oscomentarios.mudando de assunto sera que esses drones americanos podem ser usados contra a petrobras,Assang demoestrou no uol, que o governo americano perdeu o controle ,e a compostura .de estadista para assacino, de seus proprios cidadãos no estrangeiro. e por isso que a telefonia funciona tudo privatizado . a light no rio , as rodovias pedagiadas em 1997,pedagio caro e mortes todos os dias,eles culpam a cachaça .a cachaça e o ponto psitivo para tirar as pedagieras das culpas .mas o aecio neves ,não gosta muito de ficar sem amarelinha , voce pode estranhar isso, mas voce poderia trabalhar de graça lá ,porque no governo estadual o salario e uma porcaria..o dia que voce ver um professor com carrão ,ali tem coisas ,salvo se for de familia rica .mas voceis que criticam a petrobras ,poderiam lembrar ,que no tempo passado a gasolina subia de 3- 4 vezes por mes. voce montanha lembra disso? que a mercadoria subia todos os meses 20 % a 30 %.o beto richa gosta daquele tempo , porque reajustes da agua ja alcança 34% em 2 anos.mas isso ninguem comenta ,talves o papai que paga as contas…a assalto a poupança o collor so ferrou os ricos ,os pobres não possuiam 50.000 cruzeiros na poupança ,eu mesmo não tomei prejuiso nenhum! nos estados unidos os empresarios criaram as petroleiras .mas no brasil foi getulio vargas, coisa diferente ,não mesmo? os estados unidos tem um sistema economico que serve somente para eles.mas o resto do mundo é socialista meus amigos ,e aasistencialistas. a pouco tempo na italia existia lei que a empresa ao bel prazer na podia despedir os empregados, hoje não sei mais como e na italia…

  6. Querem que a Caixa Economica e o Banco do Brasil tbem sejam privatizadas igual foi o Banestado? Digam aí?

    • Sim, mas não igual ao Banestado.
      O Banestado não foi privatizado. Ele foi roubado.
      O Banestado serviu de meio para que políticos e empresários amigos destes políticos, se lucupletassem do banco.
      Foram 19 BILHÕES desviados. Mais dinheiro roubado que qualquer escândalo já visto neste país.
      Por que a CPI acabou ?
      Porque um traidor, chamado José Mentor, do Partido dos Traidores, resolveu
      acabar após acordo com outros.
      Os funcionários destas empresas acham que temos que sustentar seus egos e suas aventuras. Temos que pagar por tudo.

  7. A tucanada adora seguir a cartilha dos EUA, como é que pode. Vocês tbem querem que a Copel seja privatizada?

  8. Entendo que se estivesse privatizada, estaria melhor, ou será que você ainda acredita o contrário?

  9. Olho Vivo, tucaninho otário, se tivesse nas maos de vcs do PSDB, aí assim ela estaria privatizada, leia a noticia acima, se quiser um óculos eu te empresto, seu pau mandado do Richa e do FHC.

    • Se fosse privatizada já teria o dobro do tamanho e geraria muito mais empregos e impostos, só bobo nao vê isso… Nos EUA todas são privadas! já na Venezuela, Irã… Agora pergunto: onde vive-se melhor, tem mais dinheiro? Acorda seus comunistas antes que seja tarde…

  10. voce conhece a administração da petrobras ? o gabriela uma vez foi interrado pelo canal livre da band .tudo que o gabrieli disse da petrobras ,não pode ser questionado.agora a a nova presidente da petrobras ,está trabalhando ,qual ea empresa que enfrenta probelemas .a senapar em 2010 cobrava a taxa da agua 16,25 e hoje e 22,10 reais ,com um reajuste de 34% em 2 anos .continuem votando no richa ,ele e o governador dos sonhos !baixar arigo da midia brasileira da nisso que eu li ,mas não é assim .porque a imprensa so fala mal do brasil .eu vi tambem ,que a chevron derramou trinta mil litros de oleo no mar, quem foi multado ,a petrobras ,claro!coisa que a chevrn deixou vasar milhões de barris de petroleo no golfo do mexico. eu gosto quando dizem que a petrobras esta na merda ,esses acionista que fhc arrumou são merda mesmo.

  11. Em tempo

    Quem não se lembra das sabotagens que a tucanada faziam na empresa?

    Era plataforma, afundando, oleodutos vazando, fora outras roubalheiras…

  12. Não entendo nada de economia, mas, acho que o estado tem sim que nortear os rumos da empresa.

    Mas, sou contra ficar achatando os preços dos derivados para segurar a inflação, pois, foi assim que desmoralizaram o Sistema Telebrás…

  13. A Petrobrás está para o governo do pt assim como a Sanepar está para o governo do psdb.

  14. Eu na verdade tenho pena dessa Sra. Graça, que é funcionária de carreira manipulada pelos PTralhas. A coitadinha está vendo a Petrobrás sendo “quebrada” pelo Partido dos Trambiqueiros e não pode fazer nada. É obrigada a ficar só olhando, olhando, olhando.

  15. A Petrobras vinha sendo, desde 1950, uma das maiores e mais lucrativa empresa nacional e bastou esses pelegos e terroristas do PT tomarem-na de assalto, literalmente e já, já ela afunda como aquela plataforma, a P-36.

  16. A Petrobras só tá na merda que tá por conta da falta de uma administração séria e comprometida com a empresa e não com um partido político. Mandem metade dessa corja de ladrões embora que tudo fica mais fácil e por certo conseguirão economizar muito dinheiro.

  17. A Petrobras está a beira da falência total e tudo isso GRAÇAS ao desgoverno PTista, que continua insistindo que a empresa deva ser cabide de emprego da CUmpanheirada. Acorda Dilma, ou será em seu desgoverno que essa desGRAÇA vai acontecer.

    • A beira da falência????? Ela estaria falida, ou a beira da falência se estivesse ainda na mão dos seus governantes de direita, safados, ladrões do povo. Reclama tanto assim pois descobriu que os 10/11 anos com um governo de ESQUERDA foi muito melhor do que todos os governos de DIREITA JUNTOS! A Petrobrás não está a beira da falência, QUEM ESTÁ A BEIRA DA FALÊNCIA É A SUA DIREITA, que não têm nem força para eleger Serra como prefeito de São Paulo! Então informe-se camarada!

      • A questão aqui não é de que lado você ou ele está, mas sim defender o patrimônio de todos os brasileiros, e pare com essa teoria de que todo mundo que defende o país contra os corruptos é Tucanalha, e Demo, quem defende o Brasil das mãos sanguinárias dos bandidos é alguém que quer ver este país bem.

        O PT rouba e deixa roubar, coisa que o PSDB fazia também e quem quer que assuma o comando deste país, fará o mesmo, pois só consegue apoio das grandes empreiteiras, dos banqueiros, aquele que abrir as pernas para eles, ou será que já esqueceu como Lula agiu para conseguir sua eleição?

        Ladrão é ladrão e não importa a sigla partidária, ok?

        • Concordo totalmente, JR. As críticas são feitas aos dirigentes e não à empresa, nem sempre por tucanos. Eu, por exemplo, detesto tanto o PSDB quanto o PT que adotou a cartilha de governar mal daquele. O governo e o PT desviam o foco da roubalheira para divergência política – aquela manjada história de intriga da oposição.

    • A gestão do PSDB da empresa começou em 1995 com cerca de 60 mil trabalhadores. Em oito anos, nenhum concurso público para contratação foi realizado. Ao final da gestão, a empresa tinha reduzido o seu quadro de funcionários pela metade. Além disto, os funcionários da empresa passaram oito anos sem ter reajuste, nem da inflação. A gestão atual da Petrobras conseguiu aumentar o número de trabalhadores para cerca de 70 mil e repôs as perdas salariais. Só para fundamentar um pouco mais o argumento!!!! E depois leia isso direitinha http://www.brasildefato.com.br/node/9748

      • Muito bem esclareceu a essa TUCANALHA…..

        • SEM PROCURAÇÃO
          Não tenho procuração nem ficha de filiação que me dê esta primazia, mas uma coisa é certa: A grande birra do PT é que o PSDB teve coragem de privatizar empresas não avançavam tecnologicamente e ainda eram tetas pra seus funcionários e fudos de pensão. Então, o PT arrumou outro meio de fazer dinheiro: Avançou nas chaadas Parcerias Públic-Privadas, onde com dinheiro do BNDS (a custo praticamente zero) qualquer um (ops.. qualquer um não…. só alguns rs rs) sem dinheiro nenhum pode pegar emprestado no BNDS, fazer a tal parceria e daqui a uns anos, será dono do patrimonio astronômico.

          Assim, privatiza-se hoje aeroportos, estradas de rodagem, estradas de ferro, portos, e assim por diante. E ainda querem dizer ao povo que são anti-privatização. E a tal técnica de ostrar o “rabo” do outro pra escamotear o seu que está mais sujo.

          Basta ver que a Caixa Econômica já está privatizada, na surdina, no escondidinho. Sim, hoje tudo o que a Caixa fazia os tais “Correspondentes Bancários” fazem. E disto poucos sabem, pois não foi divulgado, não tem edital (o gerente que aprova ou desaprova o CB). Então, não venham com churumelas… fato é fato, não tem como escamotear.

      • E por que o PSDB fez uma péssima gestão o PT teria que superar isso? Qual a razão da PTzada sempre defender ou argumentar a sua ingerência com a triste passagem do PSDB pelo governo federal? Eles erraram, mas nós do PT precisamos ser ainda piores, eles ferraram a Petrobrás, agora cabe a nós faliar ela de uma vez por todas.

        CHORA PTZADA DO CARAMBA, O CHORORÔ É LIVRE E COM CERTEZA VOCÊS ESTÃO MUITO MELHORES QUE OS TUCANOS, ESTÃO CONSEGUINDO ROUBAR MAIS QUE ELES E ACABAR COM O PATRIMÔNIO DE TODOS OS BRASILEIROS. BANDO DE SAFADOS!

  18. Refrescando a memória dos tucanalhas:

    “A Petrobras foi uma das poucas empresas estatais que não foi completamente vendida no governo FHC, muito em função da resistência dos petroleiros e de setores da sociedade.

    No entanto, as tentativas de sufocar a empresa e até de difamar a imagem da companhia perante a sociedade eram evidentes. Diversos acidentes macularam a empresa naquela época.

    A gestão do PSDB da empresa começou em 1995 com cerca de 60 mil trabalhadores. Em oito anos, nenhum concurso público para contratação foi realizado. Ao final da gestão, a empresa tinha reduzido o seu quadro de funcionários pela metade. Além disto, os funcionários da empresa passaram oito anos sem ter reajuste, nem da inflação. A gestão atual da Petrobras conseguiu aumentar o número de trabalhadores para cerca de 70 mil e repôs as perdas salariais.

    De acordo com Sérgio Motta, um dos homens fortes do governo FHC, a gestão tucana tinha o objetivo de desmontar a Petrobras “osso por osso”. Os tucanos chegaram a mudar o nome da empresa para “Petrobrax”, para tornar a marca mais “atrativa” para o mercado internacional.”

    http://www.brasildefato.com.br/node/9748

    • E refrescando a memória dos PETRALHAS, a Petrobras no rítmo que vai está milhões de vezes pior que se tivese sido privatizada, e por falar em privatizações, você pode informa também aos leitores do blog a quantas andam as privatizações PETRALHAS? Não sei a razão de estarem escondendo do povo como elas estão acontencendo, você ou outro membro do PT do Zé Dirceu pode explicar?

    • Com este desgoverno PTista deitando e rolando nos cofres da estatal, sem dúvida precisa muito refrescar a memória de alguém. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  19. A Petrobrás não é nossa. Ela é dos funcionários abastados-sanguessugas e dos acionistas. Muitos estrangeiros.
    Abaixo um email da AEPET (Engenheiros da Petrobrás) onde vemos como nós cidadãos somos tratados de modos diferentes.
    O que diz este convênio ?
    Por que são diferentes ?
    Que folha de pagamento é esta ?
    O INSS vai absorver mais o quê ?
    E nós, cidadãos comuns que fomos (e seremos) prejudicados pelo Fator Previdenciário ?
    O PT é podre. Seus membros são falsos, mentirosos e traidores.
    Que redistribuição de renda é essa promovida pelo PT ? Bolsas misérias ?
    O Bolsa Família não chega nem perto do menor adicional (ou vantagens adicionais) que estes caras ganham.
    No texto vê-se termos como “A ASTAPE/BA pleiteou junto a políticos amigos de grande influencia junto a Presidenta Dilma…. Os quais não querem ser identificados…”
    O que é isso ?
    Nós pagamos a conta para que gananciosos e gigolôs da nação tenham mais benesses do que já têm ?
    Cadê a redistribuição de renda ?
    O PT não mudou ?
    O PT é uma farsa.
    Esclareço que não sou PSDB ou outro partido. Fui petista até Lula trair os trabalhadores da iniciativa privada com o veto ao fim do Fator Previdenciário.

    Vejam:
    Abaixo, segue a a reprodução na íntegra de correspondência do Conselheiro Fiscal, Epaminondas Mendes ao Conselheiro Deliberativo, Paulo Brandão, comunicando uma importante vitória para os participantes e assistidos da PETROS.

    Salvador, 8 de fevereiro de 2013

    Caro Brandão

    Muito bom dia em Cristo Jesus

    Para que você possa estar atualizado e repassar a todos.

    Com relação ao convênio INSS/PETROBRAS, a Administração da ASTAPE/BA, pleiteou junto a alguns amigos políticos de grande influência com a Presidente da República Senhora Dilma Russeff, que não desejam ser identificados e estas pessoas já se reuniram na última terça e quarta-feira com a própria Presidenta, a Presidenta da Petrobrás e o Ministro da Previdência e ficou DECIDIDO: A folha de fevereiro será rodada normalmente, e até o próximo dia 25 deste mês deverá está elaborado um novo Modelo de Convênio entre as partes com novas Cláusulas de responsabilidade e de encontro de contas e entregue à Presidenta. Desta forma a nossa categoria, a nossa AMS, os empréstimos, as Associações e os Sindicatos es tão salvos. Evidentemente que irão aparecer muitos pais e padrinhos desta CRIANÇA. No entanto, a nós da ASTAPE/BA, isto pouco importa o que de fato importa é que o grande problema está resolvido.

    UM abraço

    Epaminondas

    • Muito bem… isto mesmo. Petrobrás e outras estatais já privatizadas aos seus funcionários a muito e muito tempo. Dizem que a Caixa é nossa, BB é nosso, Petrobrás é nossa, mas na verdade é dos funcioários.

      Outra: não dá pra negar ou esconder em baixo do tapete a crise. Claro que tem quem queira com e na forma de divulgação, explorar isto fianceiramente. Mas negar a crise é hipocrisia governamental ou de seus aliados.

  20. as ações da petrobras parou de derrete .o ministro mantega mostrou robustes na economia.coisa que o brasil pode controlar totalmente a petrobras.isso eu li nos jornais que não escrrevem suas noticias no brasil.mas falam muito do bom desempenho da economia brasileira.

    • Se vê que sabes ler, mas não sabe merda nenhuma de economia. Precisas ler matérias de entidades idôneas e não ligadas ao vício político, pois de um lado as matérias oposicionistas detonam e por outro as de base enaltecem em demasia. É fato que a maior empresa “estatal” do país passa por uma séria crise e se nada for feito de imadiato, ela estará fadada a falência como qualquer outra empresa que fica devendo mais do que arrecada.

      A Petrobras deve hoje se livrar dos sanguessugas que apenas recebem polpudos salários e não fazem nada, não produzem nada.

      Se livrar de uma vez por todas dos desmando de um único partido político (PT) e passar a ser realmente dos brasileiros.

      Deixar o FGTS do trabalhador em paz, para não fazer uma cagada ainda maior que o Collor fez em assaltar a poupança dos brasileiros.