25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
22 Comentários

Aceleração atomizada da economia impulsiona reeleição de Dilma

do Brasil 247

Apostar no pessimismo, dentro de um cenário global de incertezas, sempre parece menos arriscado. Vai dar errado, dizem os céticos e derrubadores, cercados de conjecturas. O problema, como apontam os primeiros números da economia brasileira em 2013, é que, neste ano, jogar contra já está dando pinta de ser muito mais um torcida política do que uma análise fria e científica. Em lugar de eclipse, o que está surgindo no horizonte é um sol tipicamento tropical.

Nos últimos dias, uma série de dados econômicos confluem para um desempenho, em 2013, muito superior ao verificado no ano passado. Líderes empresariais de diferentes setores do meio da economia !“ aqueles que usam insumos da indústria de transformadora de matérias primas para aplicar em produtos finais ao consumidor !“ estão otimistas sobre mais produção e mais vendas este ano, com base nos primeiros resultados já alcançados.

à‰ assim que os setores que compram aço, como as montadoras de veiculos e a construção civil, fizeram aquisições em janeiro nada menos que 18% acima do comprado em dezembro, segundo dados do Instituto Nacional das Distribuidoras de Aço (Inda). “O mercado está começando a crescer novamente”, disse o presidente Carlos Loureira ao jornal Valor Econômico. Com alta de 3,4% em vendas em janeiro em relação ao mesmo período do ano passado, o setor projeta um crescimento de 6% no mercado doméstico sobre o ano passado até dezembro.

No alumínio, outro elemento presente em ínumeros setores industriais, o melhor termômetro de crescimento é a venda de chapas, folhas e extrudados. Neste campo, as vendas em janeiro, de acordo com a Associação Brasileira de Alumín Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
12 Comentários

Tucana Beti Pavin exibe o diploma de prefeita; oposição avisa que vai cassá-lo na Justiça

Desde a última sexta-feira (22), a tucana Beti Pavin exibe com orgulho o diploma expedido pela Justiça Eleitoral. De posse do documento, à  noite daquele dia, ela marchou rumo à  prefeitura de Colombo para tomar posse como nova prefeita.

Pavin fora eleita em outubro passado com 53.980 votos, segundo o juiz Luiz Fernando Tomasi Keppen, do cartório eleitoral local, mas não pôde assumir o cargo em 1!º de janeiro de 2013 porque a Lei da Ficha Limpa a impediu. No entanto, a tucana conseguiu sentar na cadeira graças a uma decisão monocrática do ministro Marco Aurélio Mello, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

à‰ aí que a porca torce o rabo. Segundo o líder da oposição, Zé Vicente, ex-candidato do PSC, sua coligação lutará para cassar o diploma de Beti Pavin no pleno do TSE. Além dessa iniciativa, informa, a guerra jurídica vai continuar.

Paralelamente, oito vereadores colombenses também estão na marca do pênalti. Uma liminar conquistada junto ao Tribunal de Justiça (TJ), semana passada, vem sustentando provisoriamente! 21 cadeiras na Câmara Municipal. A Justiça de Colombo acatou ação popular de morador reduzindo para 13 vagas.

Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
83 Comentários

Vereador propõe “sepultar” a Urbs para criar a Secretaria do Transporte Coletivo de Curitiba

O vereador novato Rogério Campos, do PSC, encontrou uma fórmula salomônica para abrir a “caixa-preta” do transporte coletivo em Curitiba. Ele informa que protocolou nesta segunda-feira (25), na Câmara Municipal, pedido para a criação da Secretaria Municipal do Transporte Coletivo. O novo órgão, explica o parlamentar, tomaria as atribuições que hoje são da Urbs (empresa que gerencia o transporte coletivo na capital).

Na prática, sem dizer claramente, o vereador sepulta de vez a Urbs ao transferir todas as suas atribuições à  secretaria. A nova pasta, ainda de acordo com Rogério Campos, teria função de estudar as necessidades de ampliação da frota e horários, pois, argumenta, “o sistema está sobrecarregado, realizar estudos sobre a fixação e alteração do preço da tarifa, além de controlar e fiscalizar os serviços prestados à  população”.

“Temos cobrado transparência da URBS, sem retorno. Como todos sabem a URBS é uma caixa-preta. Com a secretaria teremos mais transparência. O novo valor da passagem, por exemplo, nós não sabemos se é o justo”, afirmou Campos.

O objetivo com a regulamentação da Secretaria proposta pelo vereador é garantir transparência, racionalização e eficiência do sistema que, sob o comando da URBS, “é falho”.

O vereador Rogério Campos, que representa a categoria de motoristas e cobradores, diz que apresentou o projeto depois da audiência pública realizada pela URBS na última sexta-feira (22), quando foi discutido o novo preço da passagem, que ficaria em torno de 2,80 reais.

Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
42 Comentários

Professores e funcionários fazem “pré-greve” nesta quinta-feira no Paraná

Ação reforça mobilização para a greve no dia 13 de março

A APP-Sindicato promove nesta quinta-feira (28) atos em frente à s sedes dos Núcleos Regionais de Educação (NREs), em todo o estado, como parte do calendário de construção da greve dos professores e funcionários de escola da rede estadual. Os educadores reivindicam do governo Beto Richa (PSDB) reajuste salarial e melhores condições de trabalho e carreira. Conforme deliberação de assembleia da categoria, se não houver uma resposta adequada à s demandas da categoria, os cerca de 100 mil trabalhadores devem iniciar a greve no dia 13 de março.

O objetivo do ato do dia 28 é chamar a atenção do governador tucano e da sociedade para a importância das reivindicações dos trabalhadores para a educação pública paranaense. Segundo a demanda dos professores e funcionários de escola, é preciso que o Paraná cumpra a Lei do Piso Nacional dos professores e os compromissos assumidos por Beto Richa durante a campanha eleitoral.

Entre as demandas urgentes estão a implantação de 33,3% de hora-atividade (período dentro da jornada de trabalho do professor para atividades extraclasse); aumento salarial de 7,12% para se alcançar o novo valor do Piso Nacional Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
16 Comentários

PT dá “gancho” de 60 dias para vereadora do falso sequestro

PT afasta vereadora de PG.

PT afasta vereadora de PG.

O presidente estadual do PT, Enio Verri, divulgou nesta segunda-feira (25) nota oficial comunicando “gancho” de 60 dias para a vereadora Ana Maria Branco de Holleben, de Ponta Grossa, acusada de forjar o próprio sequestro para alterar a disputa pela presidência da Câmara Municipal. Ela terá que deixar o cargo na direção partidária, bem como o mandato parlamentar. A Seguir o comunicado petista: ... 

Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
20 Comentários

No Brasil tem político há mais tempo no poder que os irmãos Castro em Cuba

Sarney está há 58 anos na política, contra 48 anos de Fidel em Cuba. Henrique Alves está na Câmara há 42 anos, enquanto Raúl terá completado 11 anos quando deixar o poder daqui a 5 anos. Os peemedebistas, no entanto, não dão sinal que vão se aposentar tão cedo.

Sarney está há 58 anos na política. Henrique Alves está na Câmara há 42 anos, enquanto Raúl terá completado 11 anos quando deixar o poder daqui a 5 anos. Os peemedebistas, no entanto, não dão sinal de que vão se aposentar tão cedo.

O ex-presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), assumiu pela primeira vez um mandato eletivo em 1955 como deputado federal. Lá se vão 58 anos da estreia do maranhense na política. Ele ainda galgou cargos como de governador de seu estado natal e de presidente da República.  ... 

Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
19 Comentários

O jornal Gazeta do Povo foi desonesto comigo. Não se terceiriza licenciamento ambiental!, diz Cheida

Enquanto esperava o embarque para Curitiba, no aeroporto de Londrina, Norte do Paraná, o deputado estadual Luiz Eduardo Cheida (PMDB), convidado pelo governador Beto Richa (PSDB) para assumir a Secretaria de Estado do Meio Ambiente (SEMA), conversou com este blogueiro. Ele reclamou do jornal Gazeta do Povo que, segundo ele, foi desonesto ao desvirtuar o que disse em uma entrevista sobre licenciamento ambiental.

O jornal Gazeta do Povo foi desonesto comigo. Não se terceiriza licenciamento ambiental. Em trinta anos de vida pública eu nunca tinha sido vítima de uma desonestidade desse tamanho!, fuzilou Cheida, referindo-se ao veículo curitibano, que atribuiu a ele a proposta de terceirizar o licenciamento ambiental que hoje é papel do IAP (Instituto Ambiental do Paraná).

Eu disse outra coisa ao jornal, que uma das propostas que apresentaria ao governador era para que o IAP acreditasse aos profissionais e eles seria auditados pelo Crea, Ministério Público, antes de o IAP expedir o licenciamento, que é a sua função. Nada a ver com terceirização, que eu sou contra!, explica Cheida.

A crise financeira que afeta o jornal Gazeta do Povo parece que já começa fazer efeitos na sua linha editorial. Que linha editorial!, perguntaria o deputado estadual Fábio Camargo (PTB), que semana passada usou a tribuna da Assembleia Legislativa do Paraná para pedir abertura de CPI para investigar o veículo que pertence ao grupo RCP (clique aqui para ler sobre isso).

Para que não sabe, a RPC monopoliza parte da opinião pública paranaense porque concentra a propriedade de importantes jornais, rádios e emissoras afiliadas a TV Globo. Um horror para a qualidade da informação e pa Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
3 Comentários

Papa aprova decreto que pode antecipar escolha de seu sucessor

da Agência Brasil

O papa Bento XVI aprovou hoje (25) um decreto que possibilita a antecipação do conclave que vai eleger seu sucessor. Segundo informou o Vaticano, no documento, o pontífice lembra que o prazo normal para a realização de um conclave é no mínimo 15 dias e no máximo 20, após o início da Sé vacante, período que começa com a morte ou renúncia de um pontífice. Com isso, o processo de escolha do novo papa deveria começar entre 15 e 20 de março, como informou o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, no dia 13 deste mês.

“Deixo aos cardeais a possibilidade de antecipar o início do conclave, uma vez que todos estejam presente, ou o adiamento, em caso de motivos graves, da eleição por alguns dias”, disse o papa no decreto divulgado hoje.

O papa Bento XVI anunciou no último dia 11 que deixará o pontificado na próxima quinta-feira (28) em razão da idade avançada.

Devem participar do conclave que vai eleger o novo papa 115 cardeais. Hoje (25), o cardeal Keith O’Brien, homem mais importante na hierarquia da Igreja Católica na Grã-Bretanha, apresentou seu pedido de renúncia, após de ter seu nome envolvido em um escândalo ocorrido há três décadas.

O alemão Joseph Ratzinger, 85 anos, assumiu o comando da Igreja Católica em 19 de abril de 2005, após a morte de João Paulo II. Aos 78 anos, Ratzinger foi um dos cardeais mais idosos a ser eleito papa e sua renúncia é a primeira de um pontífice na era moderna. O último chefe da Igreja Católica a renunciar foi Gregório XII, no século 15 (1406-1415).

Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
32 Comentários

Gustavo Fruet vai cumprir a promessa de abrir a “caixa-preta” do transporte coletivo?

Para o professor aposentado do Departamento de Economia da UFPR, Lafaiete Neves, autor do livro Movimento popular e Transporte Coletivo em Curitiba, o prefeito Gustavo Fruet (PDT) não tem opção — se honrar a história política de seu pai, o ex-prefeito Maurcío Fruet — de abrir a caixa-preta na Urbs (empresa que gerencia o transporte na capital paranaense). Para Lafaiete, que é professor do Mestrado em Organizações e Desenvolvimento da FAE !“ Centro Universitário, é preciso constituir uma Comissão de Verificação de Custos Tarifários para no prazo de 90 dias apresentar um diagnóstico do sistema. Até lá, defende, o preço da tarifa do ônibus tem que ficar congelado. Confira o artigo:

Transparência na tarifa do transporte Coletivo de Curitiba

A audiência pública realizada pela URBS no último dia 22, com a presença de 300 pessoas e mais de cinqà¼enta entidades da sociedade civil, possibilitou a percepção de que o atual sistema de transporte coletivo da capital não é transparente, não tem controle público e o Conselho Municipal de Transporte, que deveria se manifestar sobre a questão da tarifa, sequer funciona, pois lá não estava representado.

O pronunciamento do presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo (SINDMOC), foi carregado de denúncias, desde a escravidão dos trabalhadores submetidos até as péssimas condições de trabalho, em constante pressão para cumprirem tabelas de horários num trânsito cada vez mais engarrafado. Denunciou também que não há qualquer controle do número de passageiros, colocando sob suspeita o valor do KM rodado em torno de R$ 5,90, gerando uma tarifa técnica de R$ 2,78 e que devido à  integração com a Região Metropolitana chega a R$ 3,10. Denunciou que é estranh Leia mais

25 de fevereiro de 2013
por Esmael Morais
26 Comentários

Oscar de melhor filme para “Argo”: arte ou propaganda para a guerra contra o Irã?

do Brasil 247 Em 1953, um agente americano chamando Vernon Walters, que viria a ter papel decisivo no golpe militar de 1964 no Brasil, ajudou a planejar uma das primeiras intervenções internacionais tramadas pela CIA: a derrubada do iraniano Mohammed Mossadegh, que cometeu o “pecado”, para ingleses e norte-americanos, de nacionalizar o setor de petróleo. Em seu lugar, Estados Unidos e Reino Unido impuseram ao Irã um dos regimes políticos mais corruptos que o mundo já conheceu: o do xá Reza Pahlevi. Este é o pano de fundo que levou à  Revolução Iraniana, em 1979, e à  tomada da embaixada dos Estados Unidos por estudantes, tema do filme Argo que, ontem à  noite, levou o Oscar de Melhor filme, numa cerimônia transmitida diretamente da Casa Branca (leia mais aqui sobre os antecedentes da crise em Teerã no Diário do Centro do Mundo).

O que terá levado a academia de Hollywood a, pela primeira vez na história, a associar cinema e política de forma tão explícita? Afinal, quem entregou o prêmio a Ben Affleck, diretor e ator em Argo, em que interpreta um agente da CIA, retratado como herói, foi ninguém menos que a primeira-dama Michelle Obama. Dois dias atrás, na véspera da entrega do Oscar, Teerã anunciou que descobriu novas reservas de urânio !“ o que torna seu programa nuclear e, portanto, sua bomba atômica, algo quase irreversível (leia mais aqui).

Há, neste momento, nos Estados Unidos, uma pressão intensa para que o governo americano tome alguma posição contra o Irã. Em 2008, na primeira eleição vencida por Barack Obama, seu rival John McCain já anunciava como plataforma de campanha o bombardeio a Teerã. E Obama, que retirou soldados do Iraque e do Afeganistão, poderia estar se preparando para uma ação militar muito mais complexa.

Argo, na visão de muitos críticos, é uma fraude histórica. Não apenas porque exalta o papel da CIA e apresenta iranianos como hordas de fanáticos, mas porque também distorce diversos fatos históricos (leia mais aqui, na análise de Harold van Kursk, no Diário do Centro do Mundo). Por isso mesmo, o governo de Teerã decidiu financiar uma superprodução local para apresentar sua própria narrativa sobre os acontecimentos. No mundo moderno, os Estados Unidos e Hollywood ainda têm imenso poder, mas não o monopólio da verdade.

Leia mais