Novo piso nacional dos professores será de R$ 1.567. Richa vai cumprir?

Professores do Paraná prometem a partir de 13 de março.

Professores do Paraná prometem a partir de 13 de março.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou na tarde de ontem (10) o novo valor do piso nacional do magistério. O salário dos professores, que era de R$ 1.451, tem um aumento de 7,9% e passará a valer R$ 1.567 a partir dos vencimentos relativos a janeiro.

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), não vem cumprindo a Lei Nacional do Piso na sua íntegra, embora tenha prometido aos trabalhadores da educação, durante a campanha de 2010, que respeitaria a conquista. Dois anos depois de eleito, o tucano virou à s costas ao magistério.

à‰ uma lei que tem que ser cumprida por todos os entes federados. A responsabilidade agora é dos gestores e da Justiça!, diz o ministro Mercadante.

Professores e servidores das 2,1 mil escolas paranaenses marcaram para o começo de 13 de março uma greve por tempo indeterminado.

Os cerca de 80 mil trabalhadores da educação decidiram cruzar os braços em virtude de o governo Richa não cumprir a promessa de implantação de 33% da hora-atividade, negar reajuste aos funcionários das escolas, dentre outras pautas não atendidas.

17 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. o brasil esta a quase treis mil anos atrazado.pois na grecia antiga os filozofos tinha voz ativa e a população revereciavam. mas a onde está os filosofo brasileiros ? os politicos deveria ouvir mais os filosofos que a midia cinza rabugenta. o carlos alberto pronunciou uma frase .quem fará nossos netos rir?eu conotei que a sociedade ja tem uma estrutura falida. o sbt não tem um parceiro no parana ,mas uma rede que está ,mas não veste a a camisa do sbt. aquele jornal da amanhã parece mais uma partida de truco..parece que o ratinho junior ja é um cover da politica tradicional ,quenhentista….

  2. correção : diogenes perguntou para alexandre.

  3. os prfessores não todos ,mas amaioria mereceram isso. em 2014 colocarão esse nariz de tomate ,para votar no richa outra vez.os professore formam pessoas intligentes ,mas os professores não todos são burros ,que qualquer colherinha de licor paraguaio compra o voto,dos professores. muitos professores da rede estadual falaram mal e pediram votos contra o requião. os prfessores fizeram a maior boca de urna pro richa,não todos .mas eu digo que os professores deveriam usar a lovavel inteligencia ,para seu bem. não cair nas conversas fiadas.os professores tem uma inteligencia capas de formar pessoas de destaque em todas as areas,mas vejam o casa do flavio arns ,se não e verdade o que digo.professor e cantor não sabe administrar ,não é o dom deles ,mas ensinar,se eu tivesse poder eu ajudaria os professores .eles são um gigante adormecidos,não conhecem a força que eles teem na sociedade.quando digo burrice ,e porque são inocentes e de boa f´pe.as pessoas mal intencionados aproveitam e mentem,e os professores creem. o filosofo diogenes não hesitou de retrucar alexandre o grande,uma vez se aproximando da pipa que diogenes usava como casa. e disse a alexandre ,por que tiras o que não me pode dar.pois isso era o sol que aquecia a pipa onde diogenes estava deitado em sinope…

  4. Nobres colegas Professores!
    Fiquem atentos, a sociedade paranaense tem que saber a verdade através do corpo a corpo, da internet e dos meios de comunicação alternativos, pois a dinheirama em propaganda é incalculável! A imprensa está no bolso! Tá tudo dominado! As custas dos paranaenses e, enquanto isso ficamos com o salário lá embaixo.
    Saibam que os cargos comissionados pularam de 3.000 no governo Requião para 4.000 no governo tucano do Beto!
    Depois vem a conversa mole de “choque de gestão”, cortar gastos, redução de benefícios, corte de vagas e aumento Zero de salários e ameaças de demissão. Este é o jeito tucano (des)governar o Estado.

  5. Querem economizar para as campanhas políticas de 2014, por isso estão achando um jeito de enxugar dinheiro da folha de pagamento do estado, em muitos colégios já haviam poucos funcionários agora que aproximadamente 300 técnicos dos colégios concursados foram obrigados a pedir exoneração quem vai trabalhar no lugar deles são os PSS que não possuem plano de careira e por isso não irão custar muito caro para o governo. Os colégios estão jogados as traças e a maioria dos funcionários da educação do Paraná estão trabalhando sobrecarregados pela falta de funcionários. E o nosso excelentíssimo governador ainda vai falar em sua campanha política, que não houve governo melhor que o dele para a educação e vai utilizar o dinheiro economizado da folha de pagamento dos funcionários da educação uma bela propaganda com crianças tomando leite e professoras atriz “sorridentes” dando aula! E é GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL!

  6. Até agora este governo só enrolou os educadores na base da conversa. Fica gastando milhões com aluguel de aeronaves e fazendo propaganda falsa de governo. O Paraná voltou para o final da década de 90 quando Lerner era governador. Naquela época os professores sofreram com o neo liberalismo imposto pelo governo. Lembro muito bem que no final daquele trágico mandato que foi de 1995 até 2002 os professores receberam uma gratificação de 50 reais. Infelizmente este mesmo grupo ganhou as eleições de 2010 e voltou a governar o nosso querido estado do Paraná. Tudo aquilo que o governo Requião fez para a educação está sendo desmantelado neste governo atual. Lerner deixou as escolas do Paraná sucateadas. As bibliotecas não tinham livros para leitura. Quando Requião entrou a primeira coisa que ele fez foi equipar as bibliotecas das escolas paranaenses com vários livros. Sinto saudades do governo anterior. Havia muitos cursos de capacitação para professores , além disso cada curso realizado os professores recebiam as despesas desses cursos. No governo atual tudo isto foi cortado. No começo do ano passado o governo do PSDB mandou vários funcionários embora, alegando que tinha que cortar gastos. Conheço uma funcionária que até hoje está passando necessidades pois ficou desempregada. Sinceramente. O Governo do Paraná não vai cumprir o novo piso nacional, vai enrolar os professores até 2014 fazendo propagandas mentirosas. Fico admirado que dentro da categoria têm professores que defendem este governo mediano que temos. No ano de 1995 o Paraná começou a ficar doente e quase morreu em 2002. Infelizmente a doença voltou em 2011 e do jeito que coisa anda não sei se o nosso querido Estado não morre desta vez.

    • Pois é Tex Willer, ainda tem quem vem aqui defender o Lerner e a Saliba. Pior, este alguém ainda confessa que não trabalha no serviço público, porque a remuneração é baixa.

  7. O meio ambiente tambem muda

  8. O QPPE também é concursado com Nível Médio, assim como o QFEB e para a Lei o que importa é o que está no Edital do Concurso, sendo assim se o QFEB está ilegal o QPPE também está. Onde está o princípio de Isonomia?

  9. Como fica está situação???
    Oi, pessoal, sou Advogado Civil e trabalhista militante no Paraná. Tive alguns questionamentos por servidores do Estado sobre o acúmulo de cargos QFEB com o QPM.

    Não sei que orientação vocês receberam sobre a permanência dos servidores que possuem dois cargos, sendo um deles no magistério e outro técnico. Gostaria de deixar aqui algumas ponderações sobre a cumulação.

    Uma das constatações que faço é que não há como entender que houve má-fé do funcionário que declarou antes de assumir o segundo cargo que era detentor do primeiro. Portanto, está provada a boa-fé quando a má-fé é que tem de ser provada.

    Quem foi orientado a assinar pedido de exoneração aconselho a não seguir esse caminho, porque mais difícil de reversão; quem foi orientado a fazer a escolha por um dos cargos também deve ignorar esse caminho, porque dificulta a reversão da situação. As pressões dos Núcleos Regionais para esses caminhos são sinais claros de Assédio Moral no ambiente do trabalho. Todos têm direito ao devido proceso legal (processo administrativo) e nele apresentar suas razões pelas quais entende que os ocupantes do cargo QFEB é um cargo técnico e há muitos argumentos para isso.

    Para não me alongar, oriento o servidor que tiver dúvidas se deve ou não ceder à vontade da Administração, não tenha mais dúvidas: não pode ser considerado que agiu de má-fé; tem direito à defesa; seu cargo pode ser considerado técnico por vários motivos; pelo princípio da isonomia, como não questionaram se o QPPE é ou não técnico não devem questionar o QFEB.

    Espero ter esclarecido, mesmo que superficialmente, algumas dúvidas que me foram apresentadas.

    Marcos Aurélio Dias

  10. SOU PROFESSOR E JÁ SE PASSARAM 2 ANOS DO MANDATO E ATÉ AGORA NADA, SE APP SINDICATO NÃO SE VENDER O ANO LETIVO DE 2013 JÁ ESTÁ COMPROMETIDO. COM ELE TEM QUE SER NA FORÇA PORQUE NA CONVERSA ELE É UM BAGRE, QUE ESCAPA ATÉ MESMO DE SEUS AFILIADOS.

  11. PARA COMPLETAR O CAOS NA EDUCAÇÃO SÓ FALTA ENTRAR SALIBA. DAI A GREVE ESTOURA MESMO.

  12. Se fosse para aumentar o salários dos comissionados o “governador” já teria dado esse aumento faz tempo.

  13. Me solidarizo com os professores.

    Categoria que é reverenciada em países onde políticos praticam a politica séria.
    Tá na hora do atual governador começar a colocar esta categoria no maior patamar de uma nação que almeja desenvolvimento… estes descasos vem de outras gestões e insiste em continuar na administração atual.

  14. Esmael caso se concretize em Março está paralização dos professores (a APP é PT e PDT) em pleno ano pré-eleitoral será o maior “buraco político na administração” do “Playboy Neoliberal” Beto Richa!
    Será o início do caos, pois, o começo do fim já existe faz tempo!

    • A APP sempre foi PT caro Celso… rsrsrsrsrs

      • Caro olho vivo… Não vem com essa história de PT ou PDT ou PSDB… A App é o professor e o funcionário, trabalhador que esta dentro da escola… A greve não deve ser vista como um ataque político… É um direito que temos e depois de tantas conquistas… Não podemos esmorecer… Pois acredito que pra grande maioria dos professores e funcionários nossa luta é muito maior que disputa política… Independente de governos, sempre nos manisfestamos, a diferença é que esse governo é muito pior que os outros… Isso é visível… Até para quem é do próprio partido…