Militantes da TFP juram que apanharam de gays em Curitiba; veja o vídeo

Não se faz mais militantes de direita como antigamente. Veja essa, caro leitor. O movimento Tradição, Família e Propriedade (TFP), que na década de 60 apoiou o golpe e a ditadura militar, reclama que seus afiliados apanharam de homossexuais nas ruas de Curitiba.

Clique na imagem para ampliar.

Clique na imagem para ampliar.

O blog “Sou conservador sim e daí”, de São Paulo, acusa Milton Alves, do PT, de participar de uma “magote de homossexuais, simpatizantes deles, abortistas, feministas, ateus, vândalos”. Eles classificam o petista de “ex-militante do movimento terrorista MR-8”.

Gays e fascistas da TFP se enfrentam no centro de Curitiba no último dia 14.

Milton Alves, que também é blogueiro (www.miltonalves.com), acompanhou o enfrentamento no centro de Curitiba.

O militante petista conseguiu registrar em vídeo o quiproquó entre gays e fascistas. Segundo ele, a coisa mais reacionária que se tem notícia!, protestou.

A TFP é uma entidade que na década de 60 apoiou o golpe militar no Brasil. Quarenta anos depois, a organização nazifascista se rebatizou como Instituto Plínio Corrêa de Oliveira.

Usando trajes do século XVIII que lembravam os militares, o grupo da TFP foi acuado e empurrado pela massa de gays e simpatizantes que se beijavam como forma de protesto.

Leia mais sobre isso:

Vídeo não recomendado pela Tradição, Família e Propriedade

Curitibanos travam guerra nas ruas e na internet contra movimento homofóbico da TFP; veja o vídeo

Gays e fascistas da TFP se enfrentam no centro de Curitiba; veja o vídeo

Comentários encerrados.