TSE nega posse à  tucana Beti Pavin; Câmara escolherá prefeito interino

Professora Michele (PT) é a favorita na disputa pela Câmara de Colombo.

Professora Michele (PT) é a favorita na disputa pela presidência da Câmara de Colombo.

A ministra Cármen Lúcia, presidenta do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou ontem (26) à  ex-candidata a prefeitura de Colombo, Beti Pavin (PSDB), liminar para que ela possa tomar posse no próximo dia 1o de janeiro de 2013.

A tucana teve o registro de sua candidatura indeferido pela TSE à  luz da Lei da Ficha Limpa.

Com a decisão da presidenta do TSE, a Câmara Municipal de Colombo deverá eleger na próxima terça-feira (1o) o novo presidente que assumirá interinamente a prefeitura. Três nomes são cotados para presidir o legislativo: Pelé (PTB), Professor Waldirlei (PMDB) e Professora Michele (PT).

Comentários encerrados.