Leia as manchetes de jornais deste sábado e capas de revistas semanais

Jornais do Paraná

Gazeta do Povo: Alta do preço de combustíveis faz inflação disparar em Curitiba

Folha de Londrina: Governo descarta vaca louca no País

O Diário (Maringá): Número de homicídios em Paiçandu aumenta 500%

Diário dos Campos: UEPG está entre as melhores universidades do Brasil

Jornal da Manhã: Caixa Econômica projeta R$ 392 milhões em moradias na região

O Paraná: Governo abre edital para contratar 5.264 policiais e bombeiros

Gazeta do Paraná: Investimentos para Copa de 2014 continuam bem atrasados

Gazeta do Iguaçu: Reni Pereira anuncia quatro secretário e fala sobre dívida

Diário do Noroeste: Governo descarta risco de vaca louca no Paraná

Tribuna de Cianorte: Segurança Pública do PR ganha reforço de mais 178 policiais civis

Tribuna do Norte: Escândalo na Câmara tem novas denúncias

Jornais de outros estados

Globo: Cerco à  Corrupção: Cachoeira é condenado a 39 anos e volta à  cadeia

Folha: PF finaliza caso de ex-assessora em prazo incomum

Estadão: Cachoeira é condenado a 39 anos e volta à  prisão

Correio: Popular, eterno, iluminado

Estado de Minas: Cada um por si

Zero Hora: Falta de investimentos expõe RS a corte de luz

Capas de revistas

CartaCapital: A velha cara da nova direita

Veja: “A função da forma é a beleza”, Oscar Niemeyer (1907-2012)

Istoà‰: O homem que colocou a curva em nossas vidas

à‰poca: Oscar Niemeyer (1907-2012) – O pêndulo do gênio

1 Comentário

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. MÍDIA PODRE[PIG],SOCIEDADE HIPÓCRITA[TUCANADAS DO DEMO]

    A condenação de 25 réus do julgamento do mensalão elevou o STF ao status aparente de principal arena de combate à corrupção no país. O histórico do tribunal e o volume de processos contra políticos, no entanto, contrariam essa premissa. Antes do mensalão, o STF só havia condenado quatro deputados federais em um período de 22 anos. Pela demora no julgamento, a pena contra um deles, o ex-prefeito de Curitiba Cassio Taniguchi (DEM), prescreveu. Nenhum dos outros três foi para a prisão e Natan Donadon (PMDB-RO), condenado a 13 anos e quatro meses de cadeia, continua exercendo o mandato normalmente. Além disso, de acordo com levantamento feito pelo portal Congresso Nacional em maio do ano passado, 136 deputados federais e senadores que haviam acabado de começar a atual legislatura eram alvos de inquéritos ou ações penais no Supremo. Proporcionalmente, a pesquisa indicava que um a cada cinco congressistas poderia ser julgado no exercício do mandato. O professor de Direito Constitucional da Universidade de Brasília Cristiano Paixão diz que todo o procedimento que ainda envolve o julgamento do mensalão pode ser considerado como uma “anomalia”. “A ideia de que foi o maior e mais importante julgamento da história do Supremo é errada. O STF é uma corte constitucional e não penal”, diz Cristiano Paixão.