Colombo (PR) ainda não sabe quem será o prefeito e os vereadores

Vereador Onéias Ribeiro (PT).

Vereador Onéias Ribeiro (PT).

O município de Colombo, na região metropolitana de Curitiba, com 136 mil eleitores e o nono colégio eleitoral do Paraná, depois de dois meses das eleições, ainda não sabe quem será o próximo prefeito e quais vereadores serão empossados no dia 1!º de janeiro de 2013.

Nas urnas, a mais votada foi Beti Pavin (PSDB). Ela obteve 51,5% dos votos válidos. O problema é que a tucana concorreu escorada num recurso contra o indeferimento de sua candidatura, na 1!ª e 2!ª instâncias da Justiça, que aguarda julgamento no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ela foi barrada pela Lei da Ficha Limpa.

O segundo colocado na disputa, Zé Vicente (PSC), torce para que a candidatura de Pavin seja anulada pela Corte e que ele assuma a prefeitura. No entanto, é mais provável que haja uma nova eleição no município no ano que vem. Até a escolha do novo prefeito, o futuro presidente da Câmara Municipal assumiria a administração.

O diabo é que a confusão também chegou ao legislativo municipal. Uma decisão da juíza Letícia Portes, no final do mês passado, atendendo uma ação popular, reduziu de 21 para 13 cadeiras de vereadores. Oito vereadores ficariam de fora depois de eleitos!, pois houve mudança no cálculo do quociente eleitoral.

Mesmo com a decisão da magistrada, na segunda-feira (10), o juiz eleitoral Luiz Fernando Keppen diplomou os 21 vereadores eleitos!. Diante do impasse judicial, o atual presidente da Câmara, Onéias Ribeiro (PT), requereu instruções ao Tribunal Regional Eleitoral sobre quem empossar no dia 1!º de janeiro de 2013.

5 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. TENHO CERTEZA QUE TUDO VAI SE RESOLVER E O MELHOR PARA COLOMBO VAI ACONTECER, COM AS DECISÕES DAS NOSSAS AUTORIDADES, COLOMBO NÃO VAI PARAR, SE TIVER NOVAS ELEIÇÕES ESTAMOS PREPARADO PARA COLOCAR UM PREFEITO DIGNO PARA COLOMBO.

  2. QUERO BETI PAVIN E UMA RESPOSTA PARA O POVO E COLOMBO.DOIS MESES JA SE PASSARAM E NEM UMA RESPOSTA.

  3. PODE ATÉ SER DE DIREITO DOS ELEITOS CARO JOSÉ APARECIDO GOTARDO (RATINHO DE COLOMBO) MAS OQUE TA EM QUESTÃO NO MOMENTO É A LEI ORGANICA DO MUNICIPIO A QUAL O SR CONHECE MUITO BEM E A AÇÃO POPULAR QUE TEM VALIDADE A QUAL A JUIZ DRA LETICIA PORTES DETERMINOU A REDUÇÃO PRA 13. E NÓS POPULAÇÃO COLOMBENSE ESPERAMOS QUE SEJA CUMPRIDA PORQUE COLOMBO TA PARECENDO MAIS UMA TERRA SEM LEIS E SEM DONO AONDE TODOS MANDAM E A POPULAÇÃO NUNCA TEM DIREITO.
    OBRIGADO

  4. “O segundo colocado na disputa, Zé Vicente (PSC), torce para que a candidatura de Pavin seja anulada pela Corte e que ele assuma a prefeitura.” caro colega Esmael o “Zé Ninguém quê” pode tirar o jumento da chuva ,se não for Beti teremos outra eleição,eleição esta que quem sair com o apoio de Beti Pavin já vai com uma mão na taça,voltando ao candidato Zé é só usar o bom censo ,somando os votos da Beti da Rose e do Joel chegamos a mais ou menos uns 78% dos votos sobram 22% ou seja os votos do Zé …seguindo nesta linha de raciocínio chegamos a comclusão que 78% dos eleitores de Colombo disseram NÃO ao Zé Ninguém quê!!simples assim ,pelo o que foi gasto e pela quantidade de votos que ele recebeu já é de longe um dos candidatos “mais ruim de voto” que Colombo já teve! e isso que concorreu com uma Vice ausente ,um ex vereador fraquinho e uma Candidata Cassada!!!

  5. Não entendo o porquê da consulta ao TRE ou seja Justiça eleitoral de Colombo, digo isso pois antes da diplomação dos 21 vereadores no último dia 10, o Presidente atual da Câmara de Colombo enviou oficio comunicando o Juiz eleitoral sobre a sentença da juíza Cível, sobre a emenda a Lei Orgânica inclusive enviando anexo a mesma, sendo que o Juiz confirmou na Diplomação as 21 (vinte uma cadeiras) que é de direito dos eleitos.