à”nibus explode em frente a QG militar em Tel Aviv

da Agência Brasil

Foto: Gal Sabag.

Um ônibus da linha de transportes públicos explodiu hoje (21) em Tel Aviv, em Israel, deixando pelo menos dez pessoas feridas. A agência israelense de resgates ainda faz as buscas e não informou o número preciso de mortos e feridos. A explosão ocorreu em frente ao Quartel-General (QG) do Exército. Para policiais israelenses, a explosão é um atentado terrorista.

“Aparentemente, houve a explosão de um ônibus em Tel Aviv. As circunstâncias ainda não são claras”, disse a porta-voz da polícia, Louba Samri.

Há oito dias, israelenses e palestinos intensificaram os confrontos na Faixa de Gaza. Mísseis são lançados e os cálculos indicam que mais de 140 pessoas morreram. A maioria das vítimas é formada por civis, inclusive crianças e mulheres.

Negociadores internacionais, como o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, interlocutores dos governos dos Estados Unidos e do Egito tentam mediar um acordo de paz entre israelenses e palestinos.

*Com informações da BBC Brasil e da agência pública de notícias de Portugal, Lusa.

3 Comentários

Os comentários não representam a opinião do Blog do Esmael; a responsabilidade é do autor da mensagem, sujeito à legislação brasileira.

  1. para melhorar lá, é só tirar israel e coloca-la dentro do território de quem a criou…
    em tempo para ser atentado à bomba e falar que o onibus explodiu tá longe, tá mais para traque de velha ou radiador que estourou…..

  2. Em 2.012, terceiro milênio: “Palestinos, saiam de suas casas, pois temos o direito de nos defender, vamos destruí-las. A nossa ocupação é legítima; o embargos é legítimo; não permitiremos a volta dos refugiados; não devolveremos os territórios ocupados por colônias; não permitiremos o desenvolvimento da Palestina; não discutam, pois está escrito, foi Deus quem autorizou!!!!!!”
    A religião é o ópio do povo? Será que estes paranoicos que a integram vão destruir o mundo?